Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Bebê de um ano morre, após suspeita de ser estuprada pelo padrasto

Por Ane Greice Passos | 9/12/2013

dpdentro

jornal na net Boletim de Ocorrência foi registrado na DP de Taboão da Serra, mas o caso será investigado no Embu das Artes

Uma menina de apenas um ano e oito meses morreu neste domingo, 8, após suspeitas de sofrer abusos sexuais do seu padrasto. Conforme informações do Boletim de Ocorrência, o ajudante de pedreiro I. S. M, 23, levou a criança para a residência da avó, após abusos, e afirmou que ela havia desmaiado. A senhora contatou socorro e a vítima foi encaminhada para o hospital onde o seu óbito foi constatado.

I. S. M foi encaminhado para o 1° Departamento de Polícia de Taboão da Serra, onde o Boletim de Ocorrência foi realizado. No documento foi registrado o caso como “estupro de vulnerável e dignidade sexual” e será investigado na Delegacia do Embu das Artes.

O padrasto da menor R. O. X. relatou em depoimento que saiu de casa e quando retornou, após cinco, a menina estava desmaiada. Ele disse ainda que tentou reanima-lá com massagem cardíaca e respiração boca a boca e quando não viu resultado foi até a casa da avó, no Jardim São Luiz, pedir socorro.

A senhora ligou para a emergência e a criança foi prontamente encaminhada para o hospital, mas ao chegar ao centro médico não foi possível salvar a menina de um ano, que veio a óbito. No laudo médico foi constatados sinais de violência sexual e manchas de agressões no olho, testa e queixo.

O acusado estava sozinho na hora do ocorrido, a mãe R.T., 20, estava trabalhando e deixou a menina que faleceu, junto com seu outro filho de apenas 2 anos e oito meses aos cuidados do marido. Mãe e padrasto já possuem denuncias por uso de drogas e bebidas alcoólicas. 

O delegado de plantão acionou o Conselho Tutelar, a fim de verificar as condições que as crianças viviam e o caso foi encaminhado para investigação do Departamento de Polícia de Embu no Jardim São Marcos.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.