Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

TRE revoga sentença que cassou mandato do vereador Ney Santos no Embu

Por Ane Greice Passos | 5/12/2013

ney_santos_capa

jornal na net Após cassação em julho, vereador Ney Santos retorna ao cargo em Embu das Artes

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) anulou nesta quinta-feira, 5, a sentença do juiz de Embu das Artes, Gustavo Sauaia, que cassou o mandato do vereador de Embu das Artes, Ney Santos (PSC), sob a alegação de captação ilícita de sufrágio. O TRE determinou o retorno do processo de cassação do vereador Ney Santos à 1ª instância e determinou que o magistrado ouvisse as testemunhas de defesa arroladas no processo.


De acordo com informações iniciais obtidas pelo Jornal na Net o retorno de Ney Santos ao cargo deverá ocorrer imediatamente. Ele já deverá participar da sessão legislativa a partir da próxima semana.


Ney Santos teve seu mandato cassado em julho deste ano, devido às suspeitas de captação ilícita de sufrágio. O lugar dele na Câmara foi ocupado por Jomar da Silva Santos, que na legislatura passada assumiu a cadeira do vereador Pastor Edgardo, que perdeu o posto por infidelidade partidária (veja).


O vereador do PSC foi eleito com 8.026 votos, que o fizeram ser o mais bem votado do Estado. A denúncia que resultou na cassação do parlamentar foi encabeçada pelo PT e composta por 17 partidos. A coligação "Pra fazer ainda mais”, denunciou Ney Santos e a Ong "Vida Feliz", alegando que foram realizados dois eventos, promovidos pela Ong, com a finalidade de ajudar o então candidato a conquistar votos no pleito em outubro de 2012. (veja)


Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.