Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Câmara de Itapecerica da Serra tem noite de discursos acalorados

Por Ane Greice Passos | 27/11/2013

fotodentrocerta

Ane Greice PassosVereador Doutor José Martins, discursa na tribuna da Câmara

A 37° sessão ordinária, que aconteceu nesta terça-feira, 26, foi marcada pela quantidade de vereadores que falaram na tribuna e alguns discursos acalorados. O inicio da noite foi tranquilo, com a leitura da ata e aprovações de requerimentos realizadas pelo presidente da Câmara Cícero Costa, juntamente com os vereadores.

Um dos projetos aprovados foi o do Programa Jovem Aprendiz, que prevê a criação de vagas de emprego e cursos para adolescentes do município. Os vereadores Hércules da Farmácia, Prof. Ernandes, Dr. Ramom Corsini, Gerson Lazarim, Edicarlos Sangue Bom e Dr. José Martins, usaram o direito da palavra para falar sobre suas indicações, trabalhos e comentários diversos.

O primeiro a discursar foi Sangue Bom, com a sua maneira elétrica de se expressar, o vereador falou sobre a prisão de políticos do PT e do trabalho de Joaquim Barbosa no Supremo Tribunal Federal. Edicarlos ressaltou a importância das prisões e as mudanças que trouxeram para o país. “É por isso que falta educação, saúde e creche, porque te um bando de bandido na política, ótimo trabalho de Joaquim Barbosa”, disse. 

Após o seu discurso, o colega de casa Prof. Pastor Ernandes, que é filiado ao PT, falou sobre a repercussão da prisão de filiados ao partido. Ele repudiou os políticos presos e ressaltou a participação do Partido dos Trabalhadores no crescimento do país e da democracia. ”Nunca em outro governo houve a prisão de políticos, essa é a prova que a presidente Dilma e o PT, estão trabalhando bem”, falou o professor completando. “Nós estamos fazendo um bom trabalho, estamos caminhando por um futuro melhor”, finalizou seu discurso.

Sangue bom usou novamente a palavra, na segunda parte da sessão, para falar sobre melhorias necessárias que a cidade precisa passar e os gastos excessivos de contratados com cargo de confiança em Itapecerica, que, segundo ele, possuem mais benefícios do que os funcionários públicos. “É uma vergonha a cesta básica que dão para esses coitados, que ficam no sol quente, enquanto outros recebem bônus e 13° salário”, disse.

Após o discurso de Edicarlos, Hércules da Farmácia falou sobre alguns projetos da prefeitura e desmentiu a informação sobre o fechamento do Arco Iris. “A escola não vai fechar, o prefeito Chuvisco vai continuar investindo na instituição que cuida de crianças e adultos especiais”, revelou, após informações de que as crianças do Arco Iris iriam para escolas estaduais.

Finalizando o uso da palavra na noite, o Doutor José Martins falou sobre sua chateação com palavras ditas, por seu colega, na Câmara. O vereador comentou sua vontade de abdicar ao direito da palavra e a intenção de não retornar a discursar na tribuna. “Eu não posso concordar com a fanfarrice, eu nunca chamei um funcionário público de corja. Falar mal é fácil o difícil é argumentar”, finalizou, após pedir desculpas em nome da Câmara dos vereadores, por algumas palavras ditas, que não foram de seu agrado, na noite de terça-feira, 26.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.