Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Empresários cobram melhorias da Eletropaulo no Embu

Por Sandra Pereira | 31/08/2009

eletropaulo.jpg

Empresários fizeram duras críticas à empresa

Vários empresários de Embu se reuniram com os integrantes do setor de atendimento coorporativo da AES Eletropaulo, Maurício  Bruzzi, coordenador do setor, João Manoel Alves, coordenador  técnico e o engenheiro Luciano Carrera para cobrar melhorias na prestação de serviço da Eletropaulo. Eles reclamaram das quedas constantes no fornecimento de energia elétrica nas suas empresas e dos prejuízos sofridos pelas interrupções.

A Eletropaulo disse que irá encaminhar às solicitações aos setores competentes. No dia 27 de outubro haverá outra reunião para acompanhar a evolução das solicitações.


“A tensão não atende às nossas necessidades. O contrato estabelece fornecimento de 13% mas o fornecimento real é de 7%. Esse problema causa transtorno às empresas, já que os equipamentos são sensíveis à essa queda”, afirmou o representante da LIBBs, que participou do encontro.


Roberto Constantino, da Editora Ave Maria, reclamou que a concessionária lembra a época em que o fornecimento de energia não era privatizado. “É muito bonito ver os gráficos que os senhores apresentaram, mas teríamos talvez o dobro de problemas para mostrar. Quando paramos a produção por falta de energia, quem paga a conta somos nós”, afirmou.


Já José Paulino, da empresa Sansuy, relatou que houve melhorias em relação ao passado, apesar de destacar que ainda há muito para ser feito. “O grande problema são as quedas de energia. Cada vez que isso acontece  a gente para todo o processo e perde tudo. Somente esse ano isso aconteceu quase  10 vezes”, contou.


Ao longo da reunião os empresários relataram vários casos de queda de tensão que acabou trazendo prejuízos. Eles disseram que quando chove o problema se agrava ainda mais.

21/06/2018

Corpo aguarda identificação no IML para não ser sepultado como indigente

O corpo de um homem que foi assassinado na última sexta-feira (15) em Juquitiba está sem...

18/06/2018

Itapecerica é apontada como o 2º município mais violento do estado de São Paulo

A cidade de Itapecerica da Serra foi apontada como o segundo município mais violento do estado...

15/06/2018

Petrobras anuncia queda no preço da gasolina nas refinarias

A Petrobras anunciou hoje (15) uma queda de 0,89% no preço da gasolina comercializada em suas...

15/06/2018

Etanol está quase mais caro, mesmo com produção maior

 

 

Alternativa mais barata à gasolina, o etanol também está pesando mais no bolso na hora de...

13/06/2018

Greve dos caminhoneiros custará R$ 15 bilhões para a economia

Os dez dias de greve dos caminhoneiros custarão R$ 15 bilhões para a economia, o equivalente a...

05/06/2018

Homicídios atingem 62,5 mil casos e têm maior nível em 10 anos no país

O índice de homicídios no Brasil em 2016 atingiu a marca de 30,3 para cada 100 mil habitantes,...

24/05/2018

Procon de Itapecerica multou posto acusado de vender combustíveis com preços abu

O Procon de Itapecerica da Serra multou o posto de gasolina que estava vendendo gasolina a R$...

24/05/2018

Em Taboão, Café Sensorial promove protagonismo de pessoas com deficiência

O Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD), ligado à Secretaria de Assistência Social...

21/06/2018

Corpo aguarda identificação no IML para não ser sepultado como indigente

O corpo de um homem que foi assassinado na última sexta-feira (15) em Juquitiba está sem...

21/06/2018

Educadores participam de reunião pedagógica do Projeto Escola Arteris

O Projeto Escola e o Programa Viva Meio Ambiente, desenvolvidos pela Arteris Régis...

21/06/2018

Homem é preso após efetuar disparos para o alto em Taboão da Serra

Um homem foi preso em flagrante no último domingo (17), após efetuar disparos para o alto na...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.