Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores indicam Recadastramento Biométrico no Ginásio do Independência

Por | 23/10/2013

embu1

Adilson Oliveira - CMETEA Sessão foi marcada também pela necessidade de rondas nas escolas

Numa sessão sem projetos de leis aprovados, os vereadores de Embu das Artes votaram a favor da instalação de uma Central de Atendimento de Recadastramento Biométrico, no Ginásio do Jardim Independência, nesta quarta-feira (23). O intuito da indicação feita por todos os edis é que a maioria da população da cidade recadastrem seus títulos, uma vez que até agora, só 14% deles compareceram ao Parque Francisco Rizzo. Luiz Calderoni afirmou que amanhã pela manhã será realizada uma reunião com a juíza do município, a fim de achar alguma solução em relação à questão. “Vamos ver se dá para colocar data no centro e outra na periferia, uma vez que é lá que temos grande quantidade de votos. Pode ser até de sábado, domingo e feriados”, sugeriu.

Os vereadores votaram a favor também das indicações, ambas do vereador Jefferson, que dispõe sobre as instalações de Base Comunitária da Polícia Militar em frente as escolas estaduais Elizete de Oliveira Bertini (Estr. Itapecerica à Campo Limpo, Jd. Dom José) e Alexandrina Bassith, Rua Avaré (Jd. Ângela). De acordo com o vereador, as rondas precisam acontecer principalmente à noite. Edvânio ressaltou que a violência tem atingido todas as escolas, por isso “todos os vereadores devem se unir para garantir que a polícia faça segurança nas escolas”, explicou. 

O presidente Doda, pediu ao jurídico da casa para fazer ofício para os dois batalhões do município, a fim de reforçar a ronda nas escolas no período noturno. Ele contou que sua sobrinha foi assaltada duas vezes neste mês. “No início do mês levaram o tênis e nesta segunda, roubaram mais coisa. Temos que cobrar para ser mais efetiva as rondas”, observou.

A sessão foi marcada ainda pela aprovação de uma moção de repúdio ao jornalista José Luiz Datena do programa Brasil Urgente da TV Bandeirantes. 12 votos a favor e 2 contrários de Júlio Campanha e Gilvan da Saúde. De autoria do vereador Luiz do Depósito, ele afirma que o jornalista denigre a imagem dos políticos. “Eu defendo a classe. Apesar disso, não sou contra as críticas”, frisou. Edvânio disse que apesar de votar favorável a moção afirmou que alguns políticos agem de má fé e o Datena acabou colocando todos no mesmo “saco”. “A fala dele é até um recado para que aqueles que fizeram falcatruas tomem ciência, vergonha na cara para fazerem o que devem fazer de maneira correta”, disparou.

Júlio Campanha externou seu voto contrário porque disse que o jornalista direcionou a população de votar de maneira certa. Clidão foi mais rígido, disse ter sido “alvo das notícias do jornal”, por três dias, mesmo negando toda a acusação (que assinava carta de renda aos taxistas para que eles comprassem carros com desconto). “Paguei caro por isso, fiquei assinando por dois anos o processo no Fórum”, contou.

Para Doda é lamentável deturpar a classe política, apesar de “saberem que existem políticos bons e ruins, assim como os jornalistas”. Ele acredita que é preciso aprender a separar o joio do trigo. “Não aceito ser comparado como um boneco”, comentou.

15 anos da Folha do Pirajuçara

Na tribuna popular o jornalista Mário Aparecido falou das dificuldades em exercer a profissão, a busca pela verdade, o jornalismo mais comunitário onde as grandes emissoras não chegam e o respeito conquistado nestes 15 anos de jornal. “Agradeço quem ajudou a construir a história. Foi nessa casa que surgiu a semente e agora já está na 420ª edição”.

Ele foi elogiado pelos vereadores e ainda recebeu uma moção de aplausos pelo trabalho realizado nestes 15 anos.

Visita do ministro

A visita do ministro de Esportes, Aldo Rabelo também foi comentada pelos vereadores. Na ocasião, a cidade recebeu o Centro de Iniciação ao Esporte que será construído no Parque da Várzea do Rio M’ Boi Mirim (aqui).

Filiações

Os vereadores Gilvan da Saúde e Doutora Bete, junto ao ex-vice-prefeito, Natinha anunciaram durante a sessão que agora são filiados ao Partido recém-criado PROS. Com isso, o presidente da Casa, Doda afirmou que Carlinhos e Jomar formam a Comissão de Saúde da Câmara.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.