Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Em sessão rápida, vereadores renovam convênio com o Procon de Embu das Artes

Por | 16/10/2013

camara1_1

Adilson Oliveira - CMETEA Vereador de Taboão, Ronaldo Onishi prestigiou a sessão desta quarta

Rápida, sem grandes discussões, mas com aprovação de dois projetos de Leis. Foi assim a sessão da Câmara de Embu das Artes, na noite desta quarta-feira, dia 16. Na ocasião, os vereadores renovaram o convênio entre a Prefeitura e a Fundação Procon, destinado ao estabelecimento de Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor.

Júlio Campanha disse que a renovação do convênio garante que o consumidor não fique órfão do seu direito. “O projeto é bom, voto com prazer”, afirmou. Para Luiz Calderoni, o Procon do município tem dado certo. “Quando não cumprem contrato ou aumento de conta de celular, vou e indico. Eles resolvem rapidinho”, frisou. Para Jabá, a renovação contempla os munícipes da cidade.

Eles foram favoráveis também ao projeto de Lei 19/2013, que cria o Dia do Transportador Escolar, de autoria do vereador Pedro Valdir (PSD). A categoria marcou presença na sessão e aplaudiu a conquista. “O projeto é importante, porque o transportador escolar é um educador também”, comentou o edil.

A sessão também foi marcada por críticas à AES Eletropaulo, iniciadas pelo vereador Gilson Balbino. De acordo com ele, a estatal colocou medidores na sua residência, porém a energia não foi ligada. Apesar disso, duas cobranças foram enviadas para ele de R$ 69 e R$ 80. Assim que chegou à Eletropaulo, às 16h28 um funcionário o tratou de forma grosseira e não queria realizar o atendimento, porque “pretendia fechar a agência mais cedo”. “Se eu que sou vereador, mas não sou melhor que ninguém, sou tratado assim, imagina o munícipe”, disparou. “Tanta gente precisando trabalhar e os atendentes mal humorados”, completou.

No embalo das críticas, Luiz Calderoni afirmou que o município está perdendo terreno em questão aos atendimentos da Eletropaulo e Correio, após os serviços serem terceirizados. Edvânio, também comentou que a AES Eletropaulo é um órgão muito questionado.


O Dia do Professor comemorado na última terça foi parabenizado pelos vereadores. E, após apreciação da moção de aplauso ao diretor-clínico do Pronto Socorro Vazame, Kauê Serdeira, o presidente da Casa, Doda (PT) solicitou que uma moção e quatro indicações, ainda em pauta, fossem remetidas à sessão da próxima quarta, dia 23.

Em justificativa ele disse que devido a um vazamento de gás e o cheiro forte que já tomava o plenário, era necessário encerrar a sessão, também para evitar problemas de saúde.

A sessão contou com a visita do vereador de Taboão Ronaldo Onishi, partido solidariedade.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.