Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Corpo encontrado em carro é de um Guarda Patrimonial da Prefeitura de Embu das Artes

Por | 2/10/2013

advogado

Divulgação - Band.comCorpo encontrado é de guarda pratrimonial da prefeitura

Ao contrário do divulgado na matéria anterior, Clóvis Carvalho dos Santos, encontrado morto no porta-malas de um Fiat Uno carbonizado na noite de terça-feira (1º de outubro) – relembre aqui foi identificado como sendo um Guarda Patrimonial da Prefeitura de Embu das Artes, não advogado. De acordo com a nota de falecimento, ele era bacharel em Direito, mas sem carteira da OAB.

Por meio de nota, foi informado que Clóvis tinha 42 anos, não 39 anos, trabalhava como Guarda Patrimonial de um equipamento público da Prefeitura da cidade, durante o período noturno. A informação foi confirmada na manhã desta quarta-feira (2). A prefeitura lamentou o crime e se colocou à disposição dos parentes da vítima. “Lamentamos profundamente o ocorrido e estamos prestando toda a assistência e apoio aos familiares da vítima que deixa mulher e dois filhos”, diz a nota.

Segundo policiais civis, o caso é investigado como assassinato. Nenhum suspeito foi identificado ou detido até o momento. A motivação e autoria do crime ainda não foram esclarecidas pela polícia.

De acordo com a polícia, uma viatura foi acionada por volta das 19h de terça para atender ocorrência de um veículo pegando fogo na Rua Comendador Antunes dos Santos, no Jardim Angela. O Corpo de Bombeiros foi ao local e apagou o incêndio. Ao notarem que um corpo estava dentro do automóvel e os policiais foram registrar o caso no 47º DP.

A polícia informou que o veículo foi destruído pelas chamas. A vítima apresentava um ferimento profundo no abdômen, provavelmente causado por um objeto cortante. A polícia encontrou também no porta-malas, assim que o incêndio foi apagado, os documentos de Clóvis que estavam intactos. Familiares foram chamados e reconheceram a vítima por meio de um relógio que ele estava usando. 

O assassinato segue em investigação pelo Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.