Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Prefeito de Taboão faz balanço positivo da viagem à Brasília para pedir retorno no km 276

Por Sandra Pereira | 27/09/2013

FF450

Arquivo Jornal na Net Prefeito disse que argumento para viabilizar retorno no km 276 é a quantidade de pessoas beneficiadas

O prefeito Fernando Fernandes voltou de Brasília otimista em relação à possibilidade de  construção de um retorno no km 276, da rodovia Régis Bittencourt, conforme consta na primeira versão do Programa de Exploração da Rodovia (PER) aprovado pela ANTT. Nos próximos dias a cidade vai receber a visita de técnicos do DENIT que vão vistoriar o local e realizar um estudo técnico para verificar a viabilidade da obra. O prefeito esteve em Brasília nesta quarta-feira, 25, e participou de reunião com técnicos do DENIT e o senador Antônio Carlos Rodrigues, além de vereadores da cidade. O retorno previsto para o km 276 foi transferido em 2011 para o km 277,600. 

“Tanto eu quanto o senador queremos um estudo mais abrangente levando em conta inclusive a estatística populacional das pessoas beneficiadas em cada um desses locais. Entendemos que o retorno no 276 atende uma quantidade muito grande de pessoas enquanto no 277 beneficia um pequeno grupo de empresários”, explicou o prefeito ao Jornal na Net.

Fernando Fernandes acredita que a densidade populacional das imediações do km 276 da Régis Bittencourt, que dá acesso aos  bairros do São Judas, Margarida, Indiana, Salete, Saint Moritz e região do Pirajuçara, será o argumento capaz de assegurar a construção do viaduto no local, conforme  previsão inicial.  

“A ida à Brasília foi um passo importante porque conseguimos o apoio do senador, tivemos a oportunidade de conversar com os deputados e encontrar lideranças importantes como o meu amigo Aécio Neves”, contou. 

Otimista em relação ao assunto o prefeito disse que após a visita in loco dos técnicos vai encaminhar documentação ao Ministério de Transportes para que seja viabilizada a obra no km 276. Ele afirma que apesar no local já está situado na cidade vizinha de Embu é o mais apropriado para atender aos moradores de Taboão e garante que o município vai realizar as obras viárias necessárias para absorver o tráfego dos veículos que utilizarem o retorno.   

“Não quero entrar no mérito se o retorno é nosso ou deles, mas é inegável que no Km 276 a quantidade de pessoas beneficiadas é superior a qualquer outro local”, disse.

Municipalização

O prefeito Fernando Fernandes disse que durante a reunião em Brasília aventou a possibilidade do município  assumir a gestão do trecho da Régis Bittencourt que corta a cidade. Ele acredita que a municipalização seria uma alternativa para  minimizar os transtornos do trânsito caótico em Taboão, já que seria possível realizar intervenções em ambos os lados da rodovia. Durante os últimos quatro anos do seu governo o ex-prefeito Evilásio Farias “brigou” pela municipalização da Régis. Desistiu na hora de assinar o contrato, após constatar o elevado custo que a administração teria. 

“Para nós a integração da BR nos dois sentidos seria positiva. Essa é uma discussão que a gente pretende fazer em outro momento”, disse. 

J M

Foi um trem da alegria muito positivo para os nossos políticos.

jose carlos

Parabéns Dr.Fernando pois a região tem alguém que se preocupa com a população mesmo sendo do município vizinho pois o senhor e a Deputada Analice cada vez mais trás mais beneficio para este povo tão sofrido que Jesus os ilumine cada vez mais.

Marioo

do jeito que a carrueagem anda pela politica desta cidade com promessas do metro chegando a taboao daqui a pouco a deputada vai dizer que o aeroporto de Cumbica vai mudar para taboao e que o estádio municipal vai sediar a copa....kkkkkk

Nillton Benedito Esteves - Síndico Jardim Iolanda

TREVO NO KM 276 BR 116 - Sociedade Civil Mobilizada, Políticos Mobilizados, acionamos também o Ministério Público Federal: NOTICIAR: a ANTT - Agência Nacional de Transportes Terrestres mudou a construção do Trevo do KM 276 da Rodovia Federal Regis Bittencourt para o KM 277+600m, levando a obra para atender 2 dezenas de empresários instalados no Parque Industrial de Embu das Artes, prejudicando uma população de mais de 200.000 pessoas lindeiras a BR 116. No dia 22-12-2011, no apagar das luzes do ano, véspera de Natal, uma sexta-feira, a ANTT fez a mudança do nosso viaduto sem consulta popular, com a publicação no Diário Oficial da União da 3ª Revisão Ordinária e 3ª Revisão Extraordinária, aprovada pela Resolução n.º 3.753, de 20/12/2011 (publicada no D.O.U. em 22/12/2011) Programa de Exploração da Rodovia (PER), quando mudaram o viaduto para o KM 277+600. Texto original da ANTT "Implantação de Trevos em Desnível, com Alças, em Pista simples &150; Completo (implantação até o final do 6º ano): - BR-116/SP - km 277+600m, a ser implantado no 4º ano; (Redação dada pela 3ª Revisão Ordinária e 3ª Revisão Extraordinária do PER, aprovadas pela Resolução n.º 3.753, de 20/12/2011) ". O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL através dos seus Procuradores da República tem funções institucionais previstas nos artigos 127 e 129 da Constituição da República, na Lei Complementar n.º 75/93, bem como no artigo 1.º da Lei n.º 7347/85; CONSIDERANDO que é também função institucional do Ministério Público Federal a defesa dos direitos e interesses difusos e coletivos, podendo, para tanto, promover as medidas necessárias à sua garantia; CONSIDERANDO que compete ao Ministério Público Federal promover o inquérito civil e a ação civil pública para a proteção do patrimônio público federal, bem como promover outras ações necessárias ao exercício de suas funções institucionais, em defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis; Cabe agora ao Procurador do Ministério Público Federal, solicitar explicações do porque a obra do Trevo foi mudada, visto que esta sempre foi uma reinvindicação de mais de 4 décadas para construção do viaduto no KM 276 da Rodovia Federal Regis Bittencourt. Cabe também ressaltar que houve tráfico de influência do Prefeito de Embu das Artes na mudança da referida obra, conforme e-mail recebido no dia 20 de Maio de 2.010 com a seguinte resposta da Ouvidoria da OHL OBRASCON HUARTE LAIN BRASIL S.A. hoje denominada ARTERIS S. A. " Em atenção à sua consulta abaixo, informo que há solicitação da Prefeitura Municipal da Estância Turística de Embu (Ofício nº 415/2009, de 15.10.2009) para que o dispositivo seja construído no Km 277,500 da BR 116 &150; Rodovia Régis Bittencourt, de forma a interligar a Avenida João Paulo I e Av. Hélio Ossamo Daikura (que funcionarão como marginais da rodovia). A solicitação indica que os motivos decorrem da implantação do Rodoanel Mário Covas, do atendimento à população que se desloca ao centro de Embu e do atendimento às empresas do Parque Industrial de Embu e Taboão da Serra, entre outros. Esse pedido está em análise junto à Agência Nacional de Transportes Terrestres &150; ANTT." Documento original recebido destacado abaixo. Sendo assim , fixado nos ditames constantes da lei (artigos 127 e 129 da Constituição da República, na Lei Complementar n.º 75/93, bem como no artigo 1.º da Lei n.º 7347/85) serve-se do presente instrumento, para dar ciência à autoridade Ministerial , que a ANTT - Agência Nacional de Transportes Terrestres vinculada ao Ministério dos Transportes da República Federativa do Brasil, juntamente com a Autopista Regis S. A., mudaram a construção do TREVO do KM 276 da Rodovia Federal Regis Bittencourt para o KM 277+600m, sem consulta popular e prejudicando uma população de mais de 200.000 habitantes, somente para atender duas dezenas de empresários de acordo com ofício do Prefeito de Embu das Artes sob o número 415/2009 de 14-10-2009 remetido a ANTT e OHL/Autopista Regis. Encerra o presente peticionamento, com o requerimento de que, após a devida ciência, sejam adotadas as providências que Vossa Excelência compreender necessárias.

Fernando

Porque não divulgam o gasto ¨positivo¨bque a cidade teve com a farra turistíca da viagem até Brasilia? Continuam achando que as pessoas são bobas? Querem é ganhar mídia e aparecer para abocanhar votos.

25/06/2017

Acidente entre ônibus e veículo partícular deixa trânsito lento na Régis

Um acidente na BR 116 sentido Embu das Artes, em frente ao AssaÍ Atacadista, envolvendo dois...

20/06/2017

19 pontos de ônibus vão ser trocados ou reformados em Taboão da Serra

Dezenove pontos de ônibus localizados em pontos estratégicos e de grande fluxo de passageiros...

19/06/2017

Jovens se envolvem mais em acidentes graves no trânsito

Segundo dados do INFOSIGA SP do mês de maio, feito pelo Movimento Paulista de Segurança no...

13/06/2017

Programa Mais Asfalto quer acabar com buracos e melhorar qualidade do asfalto

Há anos a má qualidade do asfalto das ruas de Embu das Artes é um dos principais problemas...

06/06/2017

Caminhão que transportava álcool tomba no Rodoanel e deixa trânsito lento

Dois caminhões se envolveram em um acidente no fim da manhã desta terça-feira (06), no Rodoanel...

30/05/2017

Avança Projeto de Lei que proíbe radares móveis em rodovias

A Comissão de Viação e Transportes (CVT) da Câmara dos Deputados em Brasília (DF) deu parecer...

29/05/2017

Acidente com um vítima fatal travou o trânsito na Régis Bittencourt em Taboão

Uma pessoa morreu por conta de um acidente grave envolvendo 5 veúlos no começo da noite deste...

25/05/2017

ANTT aprovou projeto do retorno na Régis para atender Taboão da  Embu

A Autopista Régis Bittencourt informou por meio de nota enviada à reportagem do Jornal na Net...

25/05/2017

Taboão inaugura Serviço de Acolhimento para Crianças e Adolescentes

O Dia Nacional da Adoção, celebrado nesta quinta-feira, 25, foi marcado em Taboão da Serra, pela...

24/05/2017

Vereadores cobram Bombeiros sobre AVCB do Pátio de Embu das Artes

Vereadores de Embu das Artes aprovaram durante a última sessão Legislativa um ofício ao Corpo de...

25/06/2017

Quentão do Taboão começa na sexta e promete agitar finais de semana

A esperada Arena Multiuso de Taboão da Serra vai ser aberta ao público nesta sexta-feira, 30,...

25/06/2017

Polícia de Campinas apreende 2 toneladas de maconha que vinha para Embu

25/06/2017

Hugo Prado viabiliza parceria e traz cursos superiores da UniVesp para Embu

O desemprego crescente em Embu e a falta de mão-de-obra qualificada ampliam a necessidade de...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.