Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Prefeitura de Embu das Artes investe em crianças e adolescentes

Por Prefeitura da Estância Turística de Embu das Artes | 15/07/2013

edu

Divulgação A Roda de Conversa é um projeto de treinamento e conscientização de profissionais, das famílias e do público em geral na defesa dos direitos dos menores

“Temos 23 anos de ECA e a criança, como sujeito de direito, continua sendo mandada de um abrigo para outro.” Foi assim que Ana Cristina Silva, da Organização não Governamental (OnG) Rede Criança de Combate à Violência Doméstica, iniciou, em 28/6, a IV Roda de Conversa, com o tema Todos Contra o Trabalho Infantil, o Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. O encontro contou com a participação de cerca de 100 profissionais das secretarias de Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional, Educação e Saúde.


A Roda de Conversa é um projeto de treinamento e conscientização de profissionais, das famílias e do público em geral na defesa dos direitos dos menores. Essa violência está concentrada especialmente no abuso sexual, visto que a cada 8 minutos uma criança é violada no País, de acordo com pesquisa Unicef. A maioria ocorre dentro de casa. O trabalho infantil é outro erro cometidos por adultos que ignoram que criança tem de brincar para se desenvolver.

A conferencista fez ampla abordagem do assunto e emitiu conceitos, como: “A gente fala que criança é futuro, mas a criança é hoje; a ECA fala de alguns direitos que muitas vezes a gente não garante”. Segundo Ana Cristina, pesquisa feita recentemente indicou que a criança, vítima de violência, fica muito estressada ao passar pelos setores de atendimento, tendo de contar diversas vezes a sua história de abuso.

Por adultos mais seguros

“Ela chega pelo abuso, por tudo o que passou a cada lugar, tendo de repetir a história, sendo que o trauma é tão grande que faz de conta que nada aconteceu, não confia em ninguém.” Tudo isso leva a uma grande dor, segundo a especialista. “Por isso há tantos adultos sem confiança um no outro, sem relacionamento, pelo que viveram lá atrás”.


Crianças mais felizes e adultos saudáveis dependem assim do trabalho de todos, principalmente dos profissionais envolvidos. “Devemos tratar o ser humano como sujeito, não uma coisa. Só respeito a criança e o adolescente se respeito e trato bem meu colega, todas as pessoas”.


A especialista chama atenção para expressões que reforçam maus tratos, como acreditar que “roupa suja se lava em casa”, “não se meta, o filho é meu e faço com ele o que eu quero”. Na verdade, se ocorre de um adulto na família abusar de uma criança é preciso denunciá-lo e ninguém é “dono” do (a) filho (a). Desde 1985 trabalhando com crianças e adolescentes, Ana Cristina respondeu a várias perguntas dos participantes sobre relações com a criança, as famílias, melhor aproveitamento de serviços e atitudes corretas. Para ela, a recuperação de crianças e adolescentes é possível: “As pessoas mudam, sim”.


Além da Roda, promovida pelo Governo de Embu das Artes, por meio da Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Qualificação Profissional, há outras ações de conscientização, por meio de comunicado às famílias e folheteria, faixas e cartazes distribuídos nas instituições assistenciais da cidade. A proposta é que todos aprendam a lidar com os menores, com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que regulamenta direitos com base na Constituição de 1988, pela Lei nº 8.069/1990. A IV Roda de Conversa, foi finalizada com Sarau do Centro de Referência da  Juventude (CRJ).

Elke Lopes Muniz

23/02/2018

Convocado na 1ª chamada do ProUni tem até hoje para comprovar informações

Termina hoje (23) o prazo para os candidatos pré-selecionados na primeira chamada do Programa...

20/02/2018

Senac Taboão abre inscrições para cursos em Arquitetura e urbanismo

O Senac Taboão da Serra está com a programação de cursos do primeiro semestre de 2018 disponível...

19/02/2018

Aluno de Itapecerica cria projeto que monitora ondas de rádio enviadas pelo sol

Ítalo Fidelis aluno da rede pública de Itapecerica da Serra, ele tem apenas 15 anos e...

18/02/2018

Nós por Noix: cursinho popular abre inscrições em Itapecerica

Procurando um cursinho pré vestibular gratuito? Se liga no “Nós por Noix” – Cursinho Popular...

18/02/2018

Estudantes podem usar nota do Enem para ingressar em universidades portuguesas

 

Os estudantes brasileiros que sonham em fazer graduação fora do país têm portas abertas em...

16/02/2018

Prazo para adesão ao Mais Alfabetização é prorrogado para dia 22

O Ministério da Educação (MEC) prorrogou novamente o prazo para estados e municípios aderirem ao...

08/02/2018

Senac Taboão abre inscrições para cursos na área de arquitetura e urbanismo

O Senac Taboão da Serra está com a programação de cursos do primeiro semestre de 2018 disponível...

07/02/2018

Candidatos aprovados na 1ª chamada do Sisu têm até hoje para fazer matrícula

Termina hoje (7) o prazo para que os candidatos aprovados na chamada regular do Sistema de...

04/02/2018

Escola do Legislativo oferece Curso de Inglês Básico para moradores

A Câmara Municipal de Taboão da Serra, através da Escola do Legislativo, está oferecendo um novo...

23/02/2018

Cadastro biométrico em Embu, Itapecerica e Taboão se encerra em maio

Adotada pela

23/02/2018

Criação de ministério de segurança pública "não é sangria desatada", diz Marun

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, demonstrou não haver urgência do governo na a...

23/02/2018

Mulher é covardemente estuprada e espancada em Embu das Artes

Mais um crime b&aa

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.