Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

5 suicídios são registrados em Taboão de janeiro a junho deste ano

Por | 30/06/2013

dp_1

Arquivo Jornal na NetOcorrências foram registradas na Delegacia central da cidade

A cidade de Taboão da Serra registrou de janeiro a junho deste ano cinco suicídios. Dois deles no mês de março, outros dois em junho e somente um no mês de abril. O mais recente ocorreu na madrugada da última terça-feira, dia 25. Na ocasião uma mulher de 51 anos cometeu suicídio ao se jogar do 22º andar do prédio em que era proprietária no condomínio Vertentes, localizado na Estrada São Francisco, jardim Henriqueta.

De acordo com o Boletim de Ocorrência a mulher sofria de transtornos psiquiátricos diagnosticada como bipolar, esquizofrênica e síndrome do pânico, manifestada por constante “mania de perseguição”. O marido dela contou em depoimento que a vítima fazia uso de medicamentos como Olamzapina, Zipresca e Lescotan, sendo acompanhada constantemente por uma psiquiatra. Relembre aqui.

Em dez de março, um homem se jogou da sacada do prédio onde morava com a esposa, na Rodovia Régis Bittencourt. De acordo com ela, a vítima há algum tempo sofria de depressão e tomava medicamentos para tratar a doença. No dia 30 do mesmo mês uma mulher, residente da Estrada Tenente José Maria da Cunha, teria ingerido “chumbinho” – veneno para rato. Foi o marido dela quem contou que durante a madrugada ela teria passado mal, então a levou ao Pronto Socorro do Antena, onde ela faleceu. Ele disse não ter notado nenhum comportamento estranho da mulher e, que jamais observou o produto na residência.

Dia 18 de abril um homem foi encontrado morto em seu quarto, na rua Gilda de Abreu, próximo o Parque das Hortênsias. Sob sua cabeça estava uma sacola plástica conectada com uma mangueira de gás. O botijão de gás estava na porta do quarto da vítima. O filho da vítima contou na Delegacia que seu pai estava com a saúde debilitada, uma vez que tinha Diabetes e Cirrose, além de apresentar quadro depressivo após morte de sua esposa, há quatro anos. A vítima teria ameaçado tirar a própria vida, outras vezes.

Já dia 16 uma mulher cometeu suicídio, também ao se jogar do prédio onde morava com seu marido, na avenida José André de Moraes, Monte Alegre. A morte dela foi instantânea, assim que caiu do 3º andar. 

Em todos os casos, os quatro primeiros atendidos pela Polícia Militar e o último pela Guarda Municipal, a perícia foi chamada e exames necroscópicos foram realizados. Todas as ocorrências foram registradas na Delegacia central da cidade.

Tentativas de suicídio também somam cinco

As tentativas de suicídio também somam cinco casos. Dois deles em passarelas distintas da Rodovia Régis Bittencourt, dias 18 de fevereiro e 28 de março – relembre aqui e aqui. Em março foi registrada mais uma tentativa, dia 27 na rua Agueda Gonçalves, atrás do Shopping Taboão. As outras duas ocorreram em 18 de janeiro na rua Alfredo Wolf, jardim Maria Rosa e, por fim dia 25/1 na rua João Batista de Oliveira, centro da cidade.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.