Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Em aniversário da GCM, secretário anuncia investimentos e mudanças em Taboão

Por | 14/06/2013

gcm1

Sandra PereiraGerson fala sobre reestruturação da GCM e anuncia diversos investimentos 

A comemoração do aniversário de 22 anos da Guarda Civil Municipal de Taboão da Serra foi marcada por reconhecimento, elogios, incentivo com entrega de homenagens e, além disso, ressalvas sobre o choque de gestão na corporação nestes cinco meses. O secretário de Segurança, Gerson Brito, anunciou que a corporação vai contar com mais 50 guardas, a reestruturação da frota com dezessete novos veículos e ainda a compra de 50 pistolas e cinco armas de grosso calibre. O prefeito Fernando Fernandes e secretário municipais prestigiaram a solenidade na manhã desta sexta-feira (14) no auditório do TaboãoPrev. Veja mais fotos aqui.

Brito ressaltou o amadurecimento dos guardas, o portal da transparência onde “tudo que é feito pela secretaria e prefeitura está aberto para todos”. Comentou sobre a luta que os guardas tem tido contra a criminalidade, como forma de fator inibidor da violência. Além do princípio do merecimento e resgate da auto-estima.

O secretário lembrou que os equipamentos não foram pagos no governo anterior e empenhos foram cancelados, mas nesse governo foram quitados. Afirmou que quase todas as férias serão pagas, duas esse ano e o 14º salário. Por fim o secretário anunciou a Operação Delegada da própria guarda municipal “vamos mandar para a Câmara para virar lei, uma vez que já temos o amparo do Tribunal de Contas”.

Fernando Fernandes mostrou-se feliz pelo aniversário da corporação. Afirmou que logo no início de seu governo tinha como objetivo colocar um secretário que desenvolvesse o espírito da guarda, acabar com as “panelinhas”, onde os amigos eram beneficiados, não aqueles que realmente trabalham e também resgatar a auto estima dos 178 GCMs.

Em seu discurso Fernandes lembrou que a guarda foi criada pelo ex-prefeito Armando Andrade e prometeu que irá implantar o videomonitoramento na cidade com “eficiência” e aumentar o número de câmeras. Questionado em relação à devolução de R$ 2 milhões aos cofres públicos federais – aqui, ele afirmou que não precisou devolver o dinheiro. “O secretário [Gerson] tem ido a Brasília para pedir mais tempo e fazer outra proposta. Estamos lutando para não precisar devolver”, salientou.

O prefeito disse que irá manter viaturas alugadas, analisando o custo benefício e capacidade de manutenção, pequena segundo ele, uma vez que a Usina está desfalcada [pessoas envelhecendo, aposentando]. “É um problema sério a questão da manutenção na cidade”. Por fim, ele afirmou que está licitando a compra de mais viaturas para corporação.

O Delegado titular da cidade, Gilson Leite de Campinas afirmou que o trabalho da guarda e da Polícia Civil está sendo próximo e que tem como sonho que as corporações se tornem mais próximas para “melhorar o atendimento da população que necessita”.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.