Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Moradores de Taboão pedem ajuda para operar o filho em programa de TV

Por Sandra Pereira | 5/06/2013

karen450

Divulgação - FacebookEquipe do programa Balanço Geral esteve em Taboão da Serra com a família de Luiz Davi

Desde a barriga da mãe o pequeno Luiz Davi, 2 anos, luta pela vida. Os pais do bebê, Jeciara Medeiros Souza e Henrique Nogueira descobriram aos cinco meses de gravidez que ele sofria de uma doença denominada de Cardiopatia Congênita. O bebê seria operado ao nascer, mas devido a uma complicação a cirurgia só aconteceu meses depois. O pai do bebê transformou a dor em ação e desde então luta para aprovar projeto que garanta aos recém nascidos exame capaz de diagnosticar a doença que acomete uma a cada 100 crianças. Em Taboão da Serra onde a família mora a lei já existe. Outras cinco cidades da região também já sinalizaram em favor da aprovação. O pai do menina sonha que a legislação alcance nível federal. Leia mais aqui. Assista o vídeo com do programa aqui.

Enquanto luta para garantir que o filho tenha acesso a uma cirurgia que precisa realizar para continuar a viver. Os pais do bebê agora se veem diante de mais um  desafio. Henrique Nogueira está desempregado há vários meses e em vias de perder o convênio que garante o atendimento ao filho. Na última semana o casal participou de um programa de televisão a fim de conseguir a realização da cirurgia do filho. O drama vivido pela família sensibilizou o apresentador do programa Balanço Geral que pediu aos telespectadores ajuda para a família.

Os pais de Davi disseram no programa que precisam correr contra o tempo para operar o filho. Também pediram ajuda para pagar o convênio médico atrasado e uma oportunidade de emprego para  Henrique Nogueira que era gerente de uma loja no shopping Taboão e desde o mês de janeiro está desempregado. Mas, nem mesmo o drama pessoal e as dificuldades financeiras arrefecem o objetivo dele de lutar para tornar o teste capaz de identificar a doença que acomete o filho seja feito após o nascimento nas crianças de todo o País. 

O pai de Davi diz que quando descobriu a doença do filho contou com o apoio da Associação de Amigos da Cardiopatia Congênita Pequenos Corações, Márcia Adriana, que desde a perda do filho luta para garantir a aprovação do projeto de lei que garante o Teste do coraçãozinho. Graças ao trabalho dela atualmente,o Teste do Coraçãozinho é realizado em 8 estados e dezenas de cidades no País.

"Posso dizer que toda a nossa luta começou com a Pequeno Corações. Foi graças a entidade que aprovamos o Teste do Coraçãozinho aqui em Taboão e nas cidades vizinhas. O nosso desejo é ajudar outros pais e evitar mortes por causa da doença", contou.

Luiz Henrique espera otimista que após a exibição da reportagem ele consiga um novo emprego, seu maior desejo e necessidade atualmente. "Estou com esperanças. Minha esposa não pode trabalhar porque o Davi precisa de dedicação integral e faz fisioterapia todos os dias", afirma.


18/02/2018

Campanha de vacinação contra a febre amarela é prorrogada na capital paulista

A Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo informou hoje (18) que vai prorrogar por mais uma...

15/02/2018

Leis Antifumo e Antiálcool têm novos canais para denúncias

A Lei Antifumo proíbe o consumo de cigarros, ou de qualquer outro produto fumígeno, em locais...

15/02/2018

Campanha contra febre amarela imunizou apenas 19 por cento do público esperado

A campanha contra a febre amarela nos estados do Rio de Janeiro e São Paulo resultou, até agora,...

15/02/2018

Câncer: mais de 300 mil crianças e adolescentes são diagnosticados todos os anos

No Dia Internacional de Luta Contra o Câncer na Infância, lembrado hoje (15), a Childhood Cancer...

12/02/2018

Clínica São Bento realiza exame Toxicológico para CLT e Habilitação

Melhor e mais conceituada clínica da região a Clínica São Bento, localizada em Embu das Artes...

02/02/2018

Conheça cinco motivos para doar sangue e salvar vidas

Você sabia que o sangue é responsável por transportar importantes substâncias para o...

25/01/2018

Produção de vacina contra febre amarela deve dobrar no país

A partir de junho deste ano, 4 milhões de doses mensais da vacina contra a febre amarela devem...

25/01/2018

Paulistanos recebem senha em casa para se vacinar contra febre amarela

A campanha de vacinação contra a febre amarela, com a aplicação da dose fracionada, começou hoje...

25/01/2018

Banco de Alimentos de Embu produz bananas desidratadas

A Prefeitura de Embu das Artes, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, por meio do...

24/01/2018

Ministério da Saúde reconhece farmacêuticos como profissionais da saúde

O Ministério da Saúde anunciou nesta quarta-feira (24) duas medidas que visam melhorar a...

21/02/2018

Operação Harpócrates prendeu 33 pedófilos em Taboão, Embu e região

A Polícia Civil de Taboão da Serra prendeu, na manhã desta terça-feira (20), 33 pessoas acusadas...

21/02/2018

Grávida de 9 meses está presa por furto de comida em um mercado de Taboão

Desde 28 de janeiro, Cristiane Ferreira Pinto, grávida de 9 meses e mãe de dois filhos – um de...

21/02/2018

Embu comemorou 59 anos em sessão solene e entrega de medalhas

A Câmara de Embu das Artes realizou sessão solene no domingo, 18, em celebração pelos 59 anos de...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.