Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Decibelímetro é essencial para coibir a poluição sonora, diz inspetor da Guarda Civil de Embu

Por Sandra Pereira | 2/06/2013

decibel450

Sandra Pereira GCM explica que decibelímetro é essencial no atendimento à ocorrências de pertubação de sossego<

Seja no final de semana ou nos feriados o barulho excessivo é um problema que tira a paz dos moradores e por mais que se fale em combater essa prática quem sofre os transtornos dela nem sempre sabe a quem recorrer e quando o faz muitas vezes não consegue uma solução imediata. Aliado de quem sofre com os efeitos do barulho,  o Medidor de Nível de Pressão Sonora (MNPS), conhecido como decibelímetro, é um equipamento utilizado para realizar a medição dos níveis de pressão sonora. As cidades possuem legislação específica para coibir o barulho em excesso. Na última semana a capital paulista aprovou rigorosa lei do silêncio, que para ser aplicada vai necessitar de auxilio de decibelímetro.

Em Embu das Artes todas as viaturas da Guarda Civil Municipal (GCM) são equipadas com o aparelho utilizado toda vez que trata de um chamado de perturbação de sossego.

Em Taboão da Serra a GCM também recebeu o equipamento que vai medir a intensidade do som, mas ainda não começou a utilizá-lo já que os integrantes da corporação ainda estão capacitados para a sua utilização. Já em Itapecerica da Serra a corporação ainda não foi contemplada com o equipamento capaz de medir a intensidade do som. A Lei

Com o auxílio do decibelímetro a GCM ou a Polícia Militar podem atuar e  multar veículos que abusam do som e incomodam as pessoas dos locais por onde passam. Também acontece o mesmo em relação a bares, casas de shows ou residências durante a realização de festas.

O inspetor da Guarda Civil Municipal de Embu das Artes, Altair Nogueira, relata que a utilização do equipamento é constante no atendimento de todas as ocorrências de perturbação de sossego. Segundo ele a abordagem da guarda inicialmente tem caráter educativo, mas a partir do momento que a infração é repetida a orientação é de que seja a aplicada a multa devida.

“Toda a nossa corporação foi treinada para utilizar o decibelímetro. Os moradores acionam as viaturas pelo 153 e informam a perturbação do sossego. Os guardas  chegam ao local e fazem a medição, preenchem a ficha de medição e fazem o enquadramento conforme determina a legislação”, explica.

Segundo ele há uma tabela que regulamenta a emissão de som. Na área rural, no período diurno é permitido 40 decibéis. Já no noturno são 35. Em hospital ou escola durante o dia é permitido 50 decibéis e a noite 45.

Nas chamadas áreas  mista o volume diurno é 55 e noturno 50. Nas mistas comercial e administrativa durante o dia é permitido 60 e noite 55. Enquanto na mista recreacional durante o dia o volume permitido é  65 e à noite 55. Em área industrial o som pode chegar a 70 decibéis durante o dia e 60 à noite.

O inspetor revela que as ocorrências de perturbação do sossego ocorrem diariamente.

Enaldo santos silva

Espero que o Prefeito de itap. da serra tenha visto está reportagem pois aqui em nossa cidade e necessário este tipo de equipamento pois não aguento estes carros com o som auto na porta da minha casa.

Tomás Turbando

òtima matéria, é verdade que Embu sofre com esse problema, mas asautoridades estão fazendo o que podem para cobir, os decibilimetros são fundamentais para isso. Parabéns ao jornal e a GCM

Rodrigo

Morava em Embu e tive que mudar por causa de vizinhos sem educação que ouviam o som no último volume. Espero que a GCM bote pra quebrar em cima desses safados.

Jose Nildo

Parece que aqui em Itapecerica somos sempre os ultimos em tudo. Os carros passam com aquele som escroto no ultimo volume, com aquele funk de nojento e sem cultura nenhuma e no entanto os guardas ficam só olhando, temos lei mas não temos fiscalização, Senhores vereadores, vamos exigir das autoridades mais rigor nesse sentido. bares com som alto, carros com o capô levantado e som no ultimo, Lojas com o som nas alturas, cadê a lei?

26/09/2017

Seccional de Taboão desarticula quadrilha de tráfico que agia na região

A Delegacia Seccional de Taboão da Serra realiza desde as primeiras horas da manhã desta...

25/09/2017

Bandidos roubam carga de R$ 12 mil em biscoito no Embu e fazem motorista refém

O motorista de um veículo que transportava uma carga de biscoito avaliada em R$12 mil foi...

22/09/2017

Polícia prende seis pessoas suspeitas de integrarem quadrilha de roubo de cargas

A Polícia Civil conseguiu efetuar a prisão de seis pessoas na noite desta quarta-feira (20), em...

21/09/2017

Rapaz confunde carro e é morto por agente penitenciário em Itapecerica da Serra

Um agente penitenciário pensou que seria vítima de um assalto, atirou em homem que estava...

21/09/2017

Fiscalização do CROSP em ação conjunta com a Vigilância Sanitária identifica pro

Depois de receber uma denúncia sobre suspeita de exercício ilegal da Odontologia, na cidade de...

20/09/2017

PM prende quadrilha armada acusada de assaltos no Monte Alegre e região

A Polícia Militar prendeu na noite desta terça-feira, 19, quatro homens acusados de praticar...

19/09/2017

Polícia Federal investiga fraudes em 14 concursos públicos

A Polícia Federal descobriu fraudes em 14 concursos públicos nacionais aplicados pela Fundação...

16/09/2017

PM recupera aparelhagem de som roubada de igreja no valor de 8 mil em Embu

Uma ação rápida da PM resultou na prisão de dois homens acusados de furtar toda a aparelhagem de...

10/09/2017

Moradores do Vista Alegre denunciam assaltos cometidos por trio de menores

Cansados dos assaltos constantes, os moradores do jardim Vista Alegre, em Embu das Artes,...

26/09/2017

Sete em cada dez brasileiros não praticam atividade física, mostra Pnud

Levantamento inédito feito pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) revela...

26/09/2017

Governo lança hoje programa para aumentar renda do Bolsa Família

Para estimular o aumento da renda dos beneficiários do Bolsa Família, o governo lança hoje (26)...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.