Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Ação de saúde na praça Luiz Gonzaga registrou 2.672 atendimentos

Por Sandra Pereira | 2/05/2013

hanseniase

Sandra PereiraDurante o atendimento um morador foi diagnosticado com a doença e outros dois casos suspeitos estão sendo investigados

Um morador de Taboão da Serra foi diagnosticado com hanseníase no Dia Parceria realizado na Praça Luiz Gonzaga, em 25 de abril. Outros dois casos suspeitos da doença estão sendo investigados. Os três pacientes foram atendidos na Carreta de Saúde levada à praça por meio de uma parceria entre a prefeitura e a Novartis, empresa do setor Farmacêutico.  Após o diagnóstico, o paciente recebeu gratuitamente o medicamento fornecido pela Novartis e está recebendo tratamento em uma Unidade Básica de Saúde de Taboão. O combate à hanseníase é uma das metas do Brasil atualmente. Ações semelhantes à realizada em Taboão estão acontecendo em todo o País a visando erradicar a doença.

A hanseníase é uma doença infecciosa, de evolução longa que acomete principalmente a pele e os nervos das extremidades do corpo. A doença tem um passado triste, de discriminação e isolamento dos doentes. A transmissão se dá de indivíduo para indivíduo, por germes eliminados por gotículas de saliva na fala que são inalados por outras pessoas infiltrando-se no organismo pela mucosa do nariz. Outra possibilidade é o contato direto com a pele através de feridas de doentes. 

 Além do diagnóstico de um caso confirmado de hanseníase e outros dois suspeitos no dia da parceria 530 pessoas vacinadas contra a gripe. Também houve a distribuição de quase 600 medicamentos de Albendazol no combate a geohelmentiase (verminose).


Na área de saúde dos olhos 450 pessoas receberam atendimento das quais 209 realizaram exames para diagnóstico de glaucoma, catarata e edema macular diabético.

Outras 363 pessoas foram entrevistadas com sintomas de tuberculose. Foram coletados exames de 20 pacientes com suspeita da doença.

Um total de 500 pessoas entre idosos, crianças, adultos e adolescentes se submeteram ao cálculo  de Índice de Massa Corpórea (IMC), que mede os níveis de gordura e receberam orientação nutricional da equipe. 

Taboão da Serra foi a primeira cidade do País contemplada com o projeto que pretende percorrer o Brasil diagnosticando casos de hanseníase. O projeto também conta com a parceria entre o Ministério da Saúde, uma associação para o tratamento da hanseníase e a Novartis. O foco da Carreta está, na verdade, nas regiões Norte e Nordeste, em municípios com poucos recursos financeiros.

Ao longo de seus cinco anos de existência, a ação já diagnosticou mais 1,9 mil casos em 122 cidades do país. O caminhão tem cinco consultórios e um laboratório para o diagnóstico da doença e faz a distribuição gratuita dos remédios.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.