Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Juiz ouve duas testemunhas e remarca audiência da fraude do IPTU para 25 de junho

Por Sandra Pereira | 23/04/2013

forum450_1

Sandra PereiraJulgamento da fraude do IPTU foi marcada para 25 de junho

O engenheiro civil aposentado Augusto Luiz Gomes Pinto e o funcionário público Walter José das Virgens  foram ouvidos  nesta terça, 23,  pelo juiz Guilherme Alves Lamas, no processo que investiga a fraude do IPTU em Taboão da Serra. Após os depoimentos deles o juiz remarcou para o dia o dia 25 de junho a oitiva de 18 novas testemunhas no processo de nº 552.244-2011. Ao todo 26 réus são arrolados no processo. Como ocorreu em outros depoimentos algumas teses da acusação foram desconstruídas pelas testemunhas.

O primeiro a depor foi seu Augusto Luiz Gomes Pinto, proprietário de uma área com mais de 92 mil metros quadrados, no Jardim Mirna, onde morou por mais de 50 anos. Ele vendeu o local após o aumento do IPTU que custava R$ 9 mil e subiu para R$ 94 mil, representando um reajuste superior a 900%. O engenheiro aposentado relatou em juízo que se recusou a pagar o IPTU com aumento, foi até a prefeitura e entrou com processo solicitando esclarecimento.

Quando buscou solucionar o problema do IPTU atrasado seu Augusto Luiz já havia acertado a comercialização da sua propriedade. À época ele foi ao Atende e pagou a dívida com dois cheques de R$ 21 mil cada. Os cheques foram recebidos e carimbados e por uma ré no processo. A venda da propriedade do engenheiro aposentado foi feita a uma construtora denominada Dois Irmãos. O corretor que cuidou do negócio foi Milton Andrade, irmão do então vereador Carlos Andrade. Num determinado momento a polícia chegou a sugerir que a área havia sido comprada pelos irmãos Andrade, mas o depoimento do proprietário mostrou o contrário.

“O Milton foi o corretor que fez a venda. Pessoalmente não posso afirmar  nada que desabone a conduta dele. O tempo todo ele foi profissional e me ajudou na retirada das certidões que foram exigidas durante o negócio. Quando recebi paguei a comissão dele e ficou tudo certo”, apontou.

Atendendo a um  pedido do Ministério Público o engenheiro reconheceu a microfilmagem dos dois cheques que ele usou para pagar o IPTU.

O funcionário público de carreira, Walter José das Virgens, o Valtinho, que percebeu as falhas existentes na contabilidade da prefeitura, foi a segunda testemunha a depor nessa etapa do processo. Ele foi arrolado pela defesa de Bruno Bolfarini, então chefe do departamento onde trabalhava. Valtinho contou que notou discrepância entre o relatório bancário, que acusava a entrada de R$ 14 mil reais e o sistema analítico da Conam que registrava R$ 560 mil. Após isso informou o fato a Bruno que o mandou comunicar o erro à Conam.

O funcionário público revelou que passados dois dias Bruno o questionou se havia levado a informação de erro à empresa e perguntou que medidas foram adotadas. Interrogado pela defesa do ex-chefe Valtinho disse que não relatou esse fato à polícia ou a CEI porque ficou com medo.

A defesa de Bruno tenta provar a tese de que ele indicou a providência que devia ser tomada após ser informado da fraude, e, portanto, não teria participação nela.

Questionado pela defesa de Milton Andrade o servidor público declarou que houve falha no sistema da Conam, e que essa falha teria possibilitado os desvios da dívida ativa. Ao final da oitiva um dos advogados requereu que seja apontada a participação de cada um dos acusados e a responsabilidade dos mesmos. Além disso, pediu o detalhamento do montante que teria sido desviado, informação que não consta nos processos civis ou criminais.

21/02/2018

Sessão solene festiva marcou comemoração dos 59 anos de Taboão

O aniversário de 59 anos de emancipação Político-Administrativa de Taboão da Serra foi celebrado...

20/02/2018

Câmara de Taboão realiza sessão Solene hoje pelos 59 anos da cidade

Na próxima terça-feira, dia 20, às 19h, a Câmara Municipal de Taboão da Serra realiza no Cemur a...

07/02/2018

Vereador Onishi comemora lei do auxílio aluguel para mulheres vítimas de violênc

O prefeito Fernando Fernandes sancionou o projeto de lei que determina a concessão de auxílio...

07/02/2018

Vereadores de Taboão aprovam nomes que vão receber medalha 19 de Fevereiro

Na volta do recesso parlamentar, nesta terça-feira, 6, os vereadores de Taboão da Serra...

06/02/2018

Temer vê dificuldade em aprovar reforma da Previdência depois de fevereiro

O presidente Michel Temer disse que o governo não pode ficar discutindo a reforma da Previdência...

06/02/2018

TCE aprova contas de Cido e Nóbrega na presidência da Câmara de Taboão

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) aprovou nesta terça-feira, 6, as contas dos ex-presidentes...

03/02/2018

PT de Embu expulsa vereador Doda; ele alega sofrer perseguição política

O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores de Embu das Artes decidiu em votação unânime,...

02/02/2018

Temer diz que seu governo aguenta déficit, mas outros não

O presidente Michel Temer disse nesta sexta-feira (2) que insiste na reforma da Previdência...

21/01/2018

Mesmo em recesso, Câmara Municipal de Taboão da Serra continua com atendimento

Durante o mês de janeiro a Câmara Municipal de Taboão da Serra permanece em recesso parlamentar....

19/01/2018

Taboão da Serra inaugura sede do Corpo de Bombeiros

Já está em operação o novo Posto do Corpo de Bombeiros da cidade de Taboão da Serra. A sede...

21/02/2018

Operação Harpócrates prendeu 33 pedófilos em Taboão, Embu e região

A Polícia Civil de Taboão da Serra prendeu, na manhã desta terça-feira (20), 33 pessoas acusadas...

21/02/2018

Grávida de 9 meses está presa por furto de comida em um mercado de Taboão

Desde 28 de janeiro, Cristiane Ferreira Pinto, grávida de 9 meses e mãe de dois filhos – um de...

21/02/2018

Embu comemorou 59 anos em sessão solene e entrega de medalhas

A Câmara de Embu das Artes realizou sessão solene no domingo, 18, em celebração pelos 59 anos de...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.