Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores de Taboão voltam a estender sessão até a madrugada

Por Sandra Pereira | 10/04/2013

sessao450

Sandra PereiraDiscussões políticas e brincadeiras na tribuna arrastam sessão de Taboão até a madrugada

Em mais uma sessão que se arrastou até a madrugada os vereadores de Taboão da Serra finalmente destravaram a pauta de trabalhos da Casa, nesta terça-feira, 9. Depois de muita discussão eles mantiveram o veto do ex-prefeito Evilásio Farias a dois artigos do Plano Diretor. Aprovaram um projeto que aumenta o valor da multa aplicada em quem descartar entulho de forma irregular. Extinguiram a bi-tributação da cobrança de taxa do lixo de imóveis e garagens e aprovaram  o parcelamento de impostos municipais da dívida ativa em até 48 vezes. Todos os projetos são de autoria do Executivo e foram aprovados por unanimidade. No começo da sessão os vereadores receberam a visita de Marcelinho Carioca – leia aqui.

O projeto mais polêmico da noite, um dos responsáveis pela demora excessiva da sessão e alvo de brincadeiras na tribuna da Casa, foi o que cria 296 cargos públicos na administração municipal, sendo 210 efetivos, que devem ser preenchidos por meio de concurso público, além de 86 cargos de livre nomeação. O projeto foi aprovado com os votos em contrário dos vereadores Moreira e Lune. 

Já passava da meia noite quando os vereadores “brincavam” na tribuna da Câmara denominando o projeto de trem da alegria. Na sessão pra lá de longa teve vereador com “crise de riso” durante o uso da tribuna. Pelo Facebook moradores que acompanhavam a sessão não pouparam críticas ao comportamento dos edis na Casa.

Uma frase recorrente nas sessões da Câmara de Taboão é a afirmação de que a atual legislatura veio para resgatar a credibilidade do Legislativo perdida em meio à maior crise política da história do município, que resultou em dezenas de prisões, inclusive de vereadores. Mas, ao menos para quem acompanha os trabalhos do legislativo taboanense, a Câmara atual é tão política quanto a passada, já demonstrou seu gosto pelo trabalho nas madrugadas adentro e trata poucos dos temas cotidianos da população.

alemão

referente ao comentário 2, esta luana era livro nomeada, e ganhava bem, agora que foi para roça esta reclamando, ref: ao nepotismo pode, vai estudar a lei antes de falar pelas culatras

pereira

Concordo com o , mais uma vez o funcionário publico municipal ficou chupando o dedo!!!!Parabéns nobres edis que nós colocamos na câmara, através do nosso voto. Curioso que o salário do secretariado foi pra r$ 16.000,00, nisso vocês votaram rapidinho por traz disso deve haver algum interesse não é mesmo senhores?

Luana

Concordo extamente com o comentário anterior e digo mais:Essa atual composição da Camara Muicipal ainda está pior do que a anterior. O Exectivo municipal já tem em suas costas Neopotismo com a nomeação do filho em secretarias, reajute salarial de 4 mil para secretários e a criação de novos cargos de nomeação. Enquanto isso onde fica o FUNCIONALISMO PÚBLICO MUNICIPAL que de fato carrega essa cidadade nas costas sem qualquer tipo de reconhecimento e valorização, só para correção a mais de 16 anos esses profissionais encontram-se sem reajuste salarial. Alias não queremos reajustes de 10, 20 OU 30% MERECEMOS NO MÍNIMO 50% pela defasagem que nossos salários se encontram...Verba para empregar novos livres nomeados tem, mas e o tabalhador honesto e concursado? DIAS PIORES CHEGARAM!!!!

anonimo

E a votação do aumento de salario para os servidores publicos que a mais de 12 anos não recebem nem mesmo um reajuste, como é que fica? Sem um funcionário melhor remunerado não dá para se falar em melhoria no atendimento, pois não é só o médico que atende a população, pra dizer a verdade o medico e o menor dos atendimentos, pois até chegar ao médico ja passou pela atendente que preencheu sua ficha, depois passou por uma enfermeira que mediu sua pressão e temperatura, tem a auxiliar de limpeza que mantem a higiene do posto depois vem o atendimento médico. MAS SEM DELONGAS E O AUMENTO PARA O FUNCIONALISMO PUBLICO DE TABOÃO.............????

25/06/2017

Hugo Prado viabiliza parceria e traz cursos superiores da UniVesp para Embu

O desemprego crescente em Embu e a falta de mão-de-obra qualificada ampliam a necessidade de...

23/06/2017

Vereadores de Itapecerica pedem criação de 3º Companhia da PM

A segurança pública vem sendo tema frequente durante as sessões na Câmara Municipal de...

23/06/2017

Deputada Analice busca recurso para projeto Cultural

O prefeito Fernando Fernandes planeja colocar em funcionamento um Centro Cultural, que atenda...

23/06/2017

Analice busca solução para problema de transporte entre Embu e Itapecerica

Prefeitos e vereadores de Embu-Guaçu e de Itapecerica da Serra se uniram à deputada Analice...

23/06/2017

Alckmin participa de mutirão para migração de rádios AM para FM

O governador Geraldo Alckmin participou nesta sexta-feira, 23, junto ao ministro da Ciência,...

20/06/2017

Vereadores de Taboão da Serra aprovam LDO em 1ª votação em sessão movimentada

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram em primeira votação nesta terça-feira, 20, a Lei de...

19/06/2017

Comissão de Finanças da Câmara de Taboão discute LDO 2018

A Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou na...

18/06/2017

Câmara de Taboão realiza ato “Fora Temer e a favor das Diretas Já”

Na última quarta-feira (14), foi realizada na Câmara de Taboão da Serra, uma plenária a favor...

16/06/2017

Câmara de Taboão faz Campanha do Agasalho para doar ao Centro POP

O frio chegou com força nas últimas semanas e deve continuar intenso pelos próximos meses. Para...

13/06/2017

Taboão da Serra terá plenária pelas Diretas Já nesta quarta-feira 14

Na próxima quarta-feira (14), várias organizações sociais irão realizar na Câmara Municipal de...

25/06/2017

Quentão do Taboão começa na sexta e promete agitar finais de semana

A esperada Arena Multiuso de Taboão da Serra vai ser aberta ao público nesta sexta-feira, 30,...

25/06/2017

Hugo Prado viabiliza parceria e traz cursos superiores da UniVesp para Embu

O desemprego crescente em Embu e a falta de mão-de-obra qualificada ampliam a necessidade de...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.