Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Dia da Mulher é comemorado com palestra e incentivo a denúncia de agressões em Taboão da Serra

Por | 8/03/2013

promotora1

Ricardo VazPromotora anunciou projetos na cidade e falou da importância da denúncia de agressões serem feitas

A comemoração pelo Dia Internacional da Mulher foi em grande estilo em evento no Cemur nesta sexta-feira, dia 8. O local recebeu mulheres de diversas idades e algumas delas, além de receberem flores e homenagens tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a evolução das agressões sofridas e, o mais importante como se proteger dos agressores, por meio de uma cartilha entregue no final do evento. O prefeito Fernando Fernandes, secretários municipais e vereadores prestigiaram o evento.

A promotora de Justiça Dra Maria Gabriela Prado Manssur foi à palestrante do dia. Ela falou da importância das denuncias e ainda, da necessidade que o medo das vítimas seja deixado de lado. “As mulheres podem e devem reagir só assim podem mudar essa situação”, afirmou. Manssur defendeu que a responsabilidade da denúncia não seja mais da vítima e sim do promotor e Ministério Público.

De acordo com a promotora somente no 1º semestre de 2012 388.153 mil agressões foram registradas, o que representa uma média de 2.150 por dia, uma média mensal de 65 atendimentos – veja matéria sobre a estatística da violência contra a mulher no município aqui.

Ainda segundo ela 56% da violência contra a mulher é física, já a psicológica é de 27%, destes percentuais 60% das agressões acontecem diariamente e em sua maioria entre casais (marido e mulher). A cidade de São Paulo é a 18ª no quesito denúncias, as mulheres do Distrito Federal são as que mais denunciam, seguida das Baianas.

Na ocasião a promotora anunciou o lançamento do projeto Educa-Ação que tem como objetivo colocar a Lei Maria da Penha em ação por meio de palestras educativas e preventivas nas escolas do 9º ano do ensino fundamental ao 1º do ensino médio. Ao todo cerca de 3 mil adolescentes de nove escolas, entre elas Laurita Ortega Mari e Gilberto Freire, vão assistir as palestras com o conteúdo da Lei Maria da Penha e “terem ainda a certeza que quem comete o crime irá responder”, afirmou Manssur.  E finalizou: “o Ministério Público e o judiciário têm que estar perto da população, só assim terá justiça”.

O prefeito Fernando Fernandes salientou em sua fala que a transformação das pessoas leva muito tempo e lembrou: “quando eu me formei para médico há 35 anos atrás se iniciou a campanha de tabagismo e após todos esses anos teve uma diminuição grande de fumantes”, disse. “Mas a cultura se transforma através de atitudes, trabalho e dedicação. Podem contar com o poder público para continuar com essa luta”, finalizou.

A delegada da Seccional de polícia, Lívia Roberto Saporito afirmou em seu discurso que logo pela manhã cumpriu um mandado de prisão de um acusado de agredir sua esposa. Ela lembrou que as mulheres acham que a lei Maria da Penha não é cumprida, porque a Justiça é lenta, mas se a denuncia for feita “acontece sim”. “Nós estamos fazendo nossa parte só assim a lei será colocada em funcionamento”, frisou.

A secretária de Assistência Social, Arlete Silva por sua vez, afirmou que o prefeito está realizando reuniões com os prefeitos das cidades do Conisud pela instalação da Casa Abrigo, uma vez que a cidade não conta com terreno para a construção dela. E a filha dela, a vereadora Joicy Silva lembrou da aprovação de duas leis que ampliam o direito das mulheres – veja mais sobre eles aqui.



15/10/2017

Mulher atacada por ex com facão era separada há 6 anos e sofria ameaças

Durante seis anos Edeni Aparecida Rocha da Silva, 37 anos, viveu no inferno, mas somente ela e...

15/10/2017

Exame para certificar mais 1,5 milhão de jovens adultos tem nova data

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos será aplicado no dia 19...

15/10/2017

Rodoanel tem audiência para instalação de postos de combustíveis

No próximo dia 24 de outubro, a Agência de Transporte do Estado de São Paulo – Artesp...

14/10/2017

Horário de Verão começa neste domingo, adiante seu relógio em uma hora

Horário de Verão começa à 0h deste domingo (15), e os relógios deverão ser adiantados em uma...

11/10/2017

Unicef: a cada 10 minutos morre uma menina vítima de violência

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lembrou, nesta quarta-feira (11), por ocasião...

11/10/2017

Prefeito Fernando Fernandes forma mais 24 Guardas Municipais

O prefeito Fernando Fernandes formou na noite de sexta-feira, 06 de outubro, mais uma turma da...

11/10/2017

1º Fórum do Idoso da Sociedade Civil acontece em Itapecerica da Serra

O Auditório da Prefeitura de Itapecerica da Serra foi o local escolhido para a realização, no...

10/10/2017

Rede de apoio é fundamental para combater violência contra a mulher

Ana Maria, 51, conviveu, ao longo de 34 anos de casamento, com agressões morais e violência...

10/10/2017

Servidores de Itapecerica que atendem ao público participam de treinamento

A Secretaria Municipal de Administração, através do setor de Treinamento e Capacitação, promoveu...

16/10/2017

Homem quase decepa a cabeça da mulher com facão em Juquitiba

Maria de Fátima Pinto de Moraes de apenas 28 anos, foi brutalmente assassinada após ter cabeça...

16/10/2017

Músicos do Futuro farão novo concerto na Câmara de Taboão nesta quarta, 18

A Orquestra Associação Músicos do Futuro (OAMF) fará novo concerto na Câmara Municipal de Taboão...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.