Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

TCE aprova por unanimidade contas de 2010 do governo Chico Brito

Por Sandra Pereira | 6/03/2013

IMG_8568__1___640x427_

Guego - Prefeitura de Embu das Artes

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE) aprovou por unanimidade, no dia 26 de fevereiro, as contas da administração do prefeito Chico Brito, de Embu das  Artes, referentes ao exercício de 2010. O aval do TCE sobre as contas da cidade deixa claro que a gestão financeira da prefeitura seguiu todos os princípios impostos pela legislação vigente e garante a aplicação devida dos recursos públicos.

“Conseguir a aprovação plena significa que cumprimos todas as exigências feitas pela lei. Particularmente, considero como sendo uma grande vitória já que durante o período das contas avaliadas o mundo enfrentava um crise grave . A arrecadação caiu e mesmo assim conseguimos atingir todos os índices de investimento nas áreas prioritárias como saúde, educação e uso dos recursos do Fundeb”, comemora Chico Brito.

As contas da prefeitura da cidade no ano de 2009 também foram aprovadas sem ressalvas, apontando a responsabilidade do Governo Municipal com erário, que segundo o prefeito Chico Brito, faz uma gestão transparente e comprometida com o cumprimento das leis.
O prefeito lembra que inicialmente o TCE havia feito apontamentos a respeito do pagamento dos precatórios pela cidade. Ele disse que o problema foi originado por uma questão contábil, que foi esclarecida e ensejou na aprovação integral das contas.

De acordo com a prefeitura, a aplicação dos recursos em 2010 aconteceu da seguinte forma: 26,82% (educação), 60,20% do FUNDEB (profissionais do magistério), 100% do FUNDEB, 45,09% (despesas com pessoal), 25,74% (despesas com saúde). A remuneração de Agentes Públicos também foi considerada correta.

Em 2010, em meio aos reflexos da crise econômica internacional, o prefeito Chico Brito tomou medidas de contenção de despesas no intuito de equilibrar as finanças do município. Entre elas, criou o Regime Próprio de Previdência (março/2010), possibilitou o parcelamento de débitos tributários (IPTU, ITBI etc.), permitindo ao cidadão regularizar suas dívidas, e reduziu gastos com serviços de concessionárias (água, luz, telefone etc.). 

27/04/2017

Justiça concede liminar para tentar barrar greve geral em ônibus e metrô

Numa tentativa clara de barrar a greve geral contra as reformas da Previdência e Trabalhista,...

27/04/2017

Câmara aprova proposta de reforma trabalhista; texto segue para o Senado

Após quase 14 horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu, na madrugada desta quinta-feira...

26/04/2017

Vereadora Priscila Sampaio fará pedágio contra o jogo Baleia Azul em Taboão

Preocupada com a disseminação do trágico jogo virtual baleia azul, que já levou vários...

26/04/2017

Vereadores de Taboão aprovam regulamentação do uso da sede da Câmara Municipal

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade na sessão desta terça-feira, 25,...

26/04/2017

Senado aprova em 1º turno fim do foro privilegiado de políticos e autoridades

Senado aprovou nesta quarta-feira (26), em primeiro turno, a proposta de emenda à Constituição...

26/04/2017

Temer decide cortar ponto de servidores que entrarem em greve

O presidente Michel Temer decidiu que cortará o salário dos servidores que participarem da greve...

25/04/2017

Bom Prato de Taboão começa a funcionar nesta quarta (26) com almoço a R$ 1,00

O prefeito de Taboão da Serra, Fernandes Fernandes Filho, anunciou no começo da noite desta...

22/04/2017

Taboãoprev presta contas de 2016 em audiência da Comissão de Finanças da Câmara

A Autarquia Previdenciária do Município de Taboão da Serra (Taboãoprev) realizou prestação de...

28/04/2017

Manifestantes fecham Régis param a região por causa da greve geral

A greve geral deflagrada em protesto contra as reformas da previdência e trabalhista...

28/04/2017

Ônibus intermunicipais param em adesão a greve geral contra as reformas de Temer

Os moradores de Taboão da Serra, Embu das Artes e Itapecerica da Serra que utilizam o transporte...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.