Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Taboão da Serra precisa contratar 85 médicos para atuar nas Unidades Básicas de Saúde

Por Sandra Pereira | 28/01/2013

secretaia450

Eduardo Toledo - Assessoria de Imprensa da Câmara de TaboãoRaios X da saúde em Taboão foi apresentado pela secretaria de Saúde  Raquel Zaicaner, que foi elogiada pelos vereadores

Está em andamento o plano emergencial para tentar melhorar a saúde de Taboão da Serra. As primeiras ações são administrativas e passam pela mudança de diretores e servidores com a meta de garantir uma espécie de choque de gestão, com foco na qualidade e humanização do atendimento. Em outra ponta aparece o aumento salarial proposto aos médicos como forma de ajudar a suprir a carência de 85 médicos para atuar nas unidades básicas de saúde. A secretária disse que Taboão apresenta demanda para o trabalho de 120 médicos e atualmente tem 35 atuando na assistência básica.

O primeiro raios X da saúde na cidade após a mudança de governo foi feito na quinta-feira, 24, em audiência da Comissão de Saúde da Câmara, pela secretária municipal de saúde, Raquel Zaicaner, executora oficial do plano emergencial proposto pelo prefeito Fernando Fernandes, logo após a sua diplomação no cargo. A secretaria foi convidada para falar sobre a saúde aos vereadores.

O aumento salarial para atrair médicos à cidade travou na câmara e os vereadores tentam entendimento para aprovar a proposta. Os da oposição querem contemplar com o aumento outras categorias da saúde e querem manter a gratificação dos médicos.  

“Temos carência de 500 horas em clínica geral, 460 em pediatria e carência em psiquiatria. Também falta médico em 7 equipes do Programa de Saúde da Família. Esse é o primeiro momento, depois tratamos das especialidades”, apontou.

Doutora em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo (USP), especialista em Saúde Pública, Medicina do Trabalho, Administração, gestão e planejamento de serviços e sistemas de Saúde, além de residência médica e comunitária, a secretária Raquel Zaicaner falou com propriedade sobre todos os problemas na saúde de Taboão. Disse que a equipe se reúne todas as semanas para discutir soluções. Contou que a crise financeira provocada pela dívida deixada pela gestão anterior se constitui em um problema grave, que impede até mesmo quem sejam concedidas férias aos profissionais da área até que as primeiras ações surtam efeito. Também destacou que a saúde utiliza mais de 70% dos recursos para o pagamento de servidores.

 Ela salientou que estão ocorrendo discussões em âmbito regional para evitar a “canibalização”, processo por meio do qual as cidades brigam entre si para oferecer salários maiores que as outras a fim de atrair médicos.

 “Estamos trabalhando políticas de saúde para fixar os profissionais médicos nas cidades”, adiantou.

 Durante a audiência pública a secretária também se mostrou favorável à administração dos pronto-socorros pelas Organizações Social que administra o Hospital Geral do Pirajuçara. Ela disse que nem sempre aprovou as OSs mas com o tempo e a experiência na área entendeu que esse modelo de gestão é o mais apropriado quando observa o cumprimento dos direitos trabalhistas.

“Queremos choque de gestão premiando aqueles servidores realmente comprometidos com a população”, afirma.

Participaram da audiência pública 11 vereadores de Taboão da Serra. A atividade foi conduzida pela presidente da Comissão de Saúde, Érica Franquini. A vereadora Joice Silva é vice-presidente, Professor Moreira, membro. Os vereadores Cido, Marco Porta, Carlinhos do Leme, Marcos Paulo, Ronaldo Onishi, André Egydio, Luis Lune e Eduardo Lopes também prestigiaram a atividade. Além do secretário de governo, Cândido Ribeiro.


A presidente da Comissão, Érica Franquini, disse que durante a semana andou por todas as unidades de saúde da cidade para conhecer de perto a realidade da saúde em Taboão da Serra. “Sabemos das necessidades do aumento do salário dos médicos e não somos contra isso, mas temos que pensar em todas as categorias que fazem parte da saúde, como as enfermeiras, as auxiliares e os odontólogos”, disse.

Para a vereadora Joice Silva, membro da comissão de saúde, a audiência foi bastante positiva para que os vereadores de oposição se convençam da necessidade da contratação de mais médicos. “Hoje temos uma necessidade de cerca de 120 médicos para atender todas as unidades de saúde, temos um déficit. Atualmente na rede pública temos apenas 40 e precisamos contratar cerca de 80 a 85 profissionais de várias especialidades”, afirmou.

Segundo o vereador Cido, a audiência pública ajudou a quantificar a real necessidade da contratação de médicos, além de melhorar o atendimento nas unidades de Pronto Atendimento, principalmente na PS da Antena.

“Hoje temos um serviço caro e de má qualidade que custa R$ 34 milhões por ano para o município. Mesmo com esse gasto absurdo, o atendimento ainda é ruim. O prefeito Fernando Fernandes está buscando uma solução para isso e tenho certeza que a saúde vai melhorar em pouco tempo, mas precisamos ajudar a aprovar as leis”.


A Câmara Municipal irá votar o projeto de aumento no salário dos médicos na primeira sessão ordinária no ano, marcada para o dia 5 de fevereiro, após o recesso parlamentar. 


Com informações da assessoria de imprensa da Câmara de Taboão



Medico plantonista

E quanto ao fato de os medicos estarem sem receber desde novembro no ps Antena. Como se fala em aumento se nem pagamento é realizado. Essa é a vergonha que a saúde encontra na política.

Susi

Só se fala de aumento aos médicos, etc..etc..., e as RECISÕES de pessoas que trabalharam durante anos e por rincha entre os governantes até a presente data estão desempregados e ainda sem receber??? SRS VEREADORES, QUEM IRÁ ENTRAR EM DEFESA DESSES EX FUNCIONÁRIOS??? ISSO NINGUEM MENCIONA PORQUE IMPORTANTE PRA VOCES É QUE OS QUE ESTÃO ENTRANDO AGORA RECEBAM? MAS 4 ANOS PASSAM MUITO RÁPIDO E A RESPOSTA VOCES TERÃO LA NAS URNAS, ASSIM COMO MUITOS QUE TINHAM SEU FUTURO GARANTIDO COMO VEREADORES, EX É UMA QUE JA SE CANDIDATOU VÁRIAS VEZES E NUNCA MAIS SERÁ ELEITA AQUI EM TABOÃO DA SERRA!. SR PREFEITO PROMETEU DIAS MELHORES PARA QUEM? PQ A POPULAÇÃO ESTÁ SURRADA COM TUDO, NOSSOS PARENTES QUE TRABALHARAM PRA PREFEITURA VIVENDO DE MIGALHAS...QUEM IRÁ AJUDAR ESSAS PESSOAS? MAS MENOS DE DOIS ANOS TERÁ ELEIÇÃO PAA DEPUTADO NÃO É MESMO???? AGUARDAREMOS.

Ana

E OS OUTROS SERVIDORES, COMO POR EXEMPLO ASSISTENTES ADMINISTRATIVOS, QUE SÃO O BRAÇO DIREITO DE TODAS AS SECRETARIAS? GANHAM R$ 1.000 E AINDA SÃO OBRIGADOS A ARCAR COM DESPEAS COMO VALE TRANSPORTE E REFEIÇÃO - POIS A PREFEITURA NÃO PAGA BENEFÍCIOS CONSTITUCIONAIS TÃO BÁSICOS A ESTE TIPO DE SERVIDOR, QUE TAMBÉM NÃO TEM PLANO DE CARREIRA, POIS ESSES, SÃO OCUPADOS POR LIVRE NOMEADOS PARAQUEDISTAS, MUITOS SEM QUALIFICAÇÃO.

Durval

Vamos fazer o mesmo na educação. Dar aquela parada, sumir um pouco, daí quem sabe rola aumento pra classe da educação tb né?

Antonio Pereira

Lendo o trecho: ¨As primeiras ações são administrativas e passam pela mudança de diretores e servidores com a meta de garantir uma espécie de choque de gestão, com foco na qualidade e humanização do atendimento¨, entenda-se (blá, blá, blá. Realizaram a tradicional retirada dos indicados políticos da outra gestão para a colocação de indicados políticos desta gestão, ou seja, trocará 06 por meia dúzia e tudo continuará na mesma. Se não houver politica salarial e plano de cargos e salários verdadeiro para todos os concursados nada mudará na cidade, será a mesmice de sempre.

20/08/2017

Prefeito Jorge Costa assina convênio para Rede Municipal de Saúde

O prefeito de Itapecerica da Serra, Jorge Costa esteve no dia 15 de agosto no Palácio dos...

17/08/2017

Clínica Médica oferece curso gratuito para gestante em Taboão da Serra

08/08/2017

Menos de 4% dos médicos denunciados aos conselhos perdem seus registros

O Conselho Federal de Medicina (CFM) foi criado em 1951, inicialmente com competência para fazer...

06/08/2017

Programa Fila Zero: Saúde de Embu das Artes no caminho certo

O Programa Fila Zero foi lançado em julho deste ano, por intermédio de um contrato assinado com...

31/07/2017

Dermatologista da Clínica São Bento dá dicas para manter a pele bonita

O inverno finalmente chegou para quem aprecia os dias de baixas temperaturas.  O que a maioria...

28/07/2017

Nova/sb faz campanha de combate às hepatites virais para Ministério da Saúde

Hoje, Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais, o Ministério da Saúde começa a veicular...

26/07/2017

Unidades de saúde de Embu intensificam vacinas nesta semana

Até dia 28 de julho, seguindo determinação da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, as...

26/07/2017

Clínica São Bento e prefeitura de Embu fecham parceria para zerar filas de exame

 

Com o objetivo de diminuir o tempo de espera dos moradores para a realização de...

19/07/2017

Brasil terá fábrica de testes de zika e chikungunya

O laboratório alemão EUROIMMUN, líder mundial em diagnóstico autoimune e o único no Brasil a...

21/08/2017

UniVesp será inaugurada nesta quinta-feira em Embu das Artes

A UniVesp Embu das Artes será inaugurada na quinta-feira (24/8), às 19h, no Parque Francisco...

21/08/2017

Sabesp informa que voltará a atender no antigo endereço em Itapecerica da Serra

A partir do dia 28 de agosto, a Sabesp volta a atender no antigo endereço:
Rua São João nº 89 –...

21/08/2017

OAB Taboão promove palestra sobre perícia criminal nesta terça

Na próxima terça-feira, dia 26, às 19 horas, acontece no auditório da TaboãoPrev  - Taboão da...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.