Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Carreta desgovernada mata avó e neto no Jardim Salete em Taboão da Serra

Por | 24/01/2013

dentro

Sandra Pereira

Uma mulher e seu neto de apenas três anos de idade morreram de maneira trágica no início da noite desta quinta-feira, dia 24. Eles foram vítimas de um caminhão desgovernado enquanto trafegavam pela calçada da rua Alberto José, no bairro Jardim Salete, em Taboão da Serra. O caminhão estava carregado de açúcar e só parou depois de cruzar a avenida Cid Nelson Jordano. A carreta de 26 pneus estava carregada com 40 toneladas de açúcar.

O motorista conseguiu pular do caminhão com placa de Catanduva, ainda em movimento, assim que atropelou as vítimas. Ele se feriu e foi socorrido ao Pronto Socorro do Antena. Ele chegou a ser ameaçado de linchamento por populares. Veja mais fotos aqui.

De acordo com testemunhas o caminhão estava estacionado na via minutos antes do acidente. O veículo teria perdido o freio e atropelado as vítimas, além de bater em um muro e ficar praticamente dentro do córrego . A velocidade que o caminhão desceu a rua foi tamanha que chegou a arrancar a placa da rua.

Familiares das vítimas entraram em desespero quando chegaram ao local da tragédia. O clima era de comoção e dor. Entre gritos de desespero e lágrimas eles se dirigiam ao local onde os corpos estendidos aguardavam remoção.


O acidente mobilizou diversas viaturas da polícia militar, Bombeiros e Samu. Além disso, comoveu e chocou parentes, amigos e moradores de toda a região. A avó e o neto tiveram morte instantânea. Testemunhas contaram que os corpos ficaram destroçados. Também disseram que as duas vítimas seguiam para uma rua próxima. 

Ainda de acordo com testemunhas o motorista terminava de fechar a lona para cobrir a carga de açúcar a granel, quando o veículo teria perdido o freio e descido em grande velocidade. 

Centenas de curiosos acompanharam o trabalho da polícia e do Corpo de Bombeiros. A perícia demorou a chegar ao local e o trânsito na via ficou complicado por horas. Muitos motoristas precisaram cortar caminho, pelas ruas do bairro, até chegar em suas residências. Até às 23h, o caminhão ainda estava no local. 


Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.