Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Circulares começam a cobrar tarifa de R$ 3,00 em Taboão da Serra

Por Sandra Pereira | 18/01/2013

onibus_1

Sandra PereiraAumento de passagem para R$ 3,30 "caiu" devido à mobilização popular

Os  ônibus circulares de Taboão da Serra já estão cobrando a tarifa de R$ 3,00 após o prefeito Fernando Fernandes (PSDB) ter revogado o aumento concedido no apagar das luzes do governo de Evilásio Farias (PSB). Os passageiros reagiram com otimismo à medida, muitos se mostraram surpresos com a redução. Nesta sexta-feira-18, o assunto predominou nas conversas pela cidade. Nos pontos de ônibus a população também comentava a medida.

A luta pela redução da tarifa em Taboão da Serra, considerada abusiva pelos usuários do transporte público, começou logo após o aumento começar a vigorar no final de 2012 e os moradores pediram que o novo prefeito da cidade se posicionasse contra o aumento, conforme o Jornal na Net mostrou no dia 23 de dezembro, leia aqui.

Os estudantes que iniciaram o movimento e foram abraçados prontamente na câmara municipal pelo presidente da Comissão de Transportes, vereador Carlinhos do Leme, que chamou reunião da comissão e pediu ao prefeito a revogação ainda têm uma ampla pauta de reivindicação sobre o tema. Eles querem também o retorno do transporte alternativo impedido de circular por ato do ex-prefeito Evilásio Farias. Além disso, pedem a abertura da planilha de custos da empresa para analisar se é possível reduzir ainda mais o valor da tarifa.

Na sessão da quinta-feira, 17, relembre aqui, os vereadores enalteceram a decisão do prefeito de revogar o aumento da tarifa. Todos saudaram a iniciativa do vereador Carlinhos do Leme de pedir a redução atendendo aos anseios dos moradores da cidade. Carlinhos do Leme agradeceu ao prefeito reafirmou o compromisso de atuar em favor da população e disse que a medida é o primeiro fruto positivo do seu mandato.

Mobilização dos perueiros

Os perueiros de Taboão da Serra continuam mobilizados para  garantir o retorno do transporte alternativo na cidade. Eles já  se reuniram com os vereadores da Comissão de Transportes da Câmara Municipal solicitando apoio para voltar a trabalhar na cidade. Também estiveram na prefeitura acompanhando os vereadores Carlinhos do Leme, Cido, Eduardo Paz e Vida e André Egydio.  O retorno dos perueiros também faz parte das reivindicações dos estudantes que iniciaram a luta em favor da redução da passagem de R$ 3,30 para R$ 3,00.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.