Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Vereadores de Taboão rejeitam aumento para médicos e secretários municipais

Por Sandra Pereira | 15/01/2013

capa50

Sandra PereiraVereadores rejeitam projetos do Executivo; nova sessão acontece na quinta

Depois de muito debate, corre-corre no plenário, reuniões de lideranças, dúvidas e consultas constantes ao regimento interno os vereadores de Taboão da Serra rejeitaram em primeira votação os projetos do Executivo que retira gratificação de produtividade aos médicos, o que aumenta de R$ 48 para R$ 60 os vencimentos dos médicos e o projeto que extingue 393 cargos na administração,  cria outros 129 e ainda aumenta salários dos secretários municipais para R$ 14 mil. Os vereadores da base governista se esmeraram na tentativa de convencer a oposição a aprovar os projetos, mas o esforço não surtiu efeito. A sessão foi suspensa e será retomada na tarde da próxima quinta-feira, 17.

A votação terminou  com 5 votos contrários e 6 a favor. Para que os projetos fossem aprovados em bloco seriam necessários 7 votos, o que não foi possível pelo fato do vereador Ronaldo Onishi (PSB), ter faltado aos trabalhos por motivos de saúde. Essa foi a terceira vez que os projetos entraram na pauta da sessão – relembre aqui.

Os  projetos mais polêmicos foram, respectivamente, o que  retira a gratificação dos médicos e o que aumenta os vencimentos da categoria. Os vereadores da situação utilizam como argumento para a aprovação a necessidade urgente de melhorias no atendimento à população enquanto a oposição argumenta que sem a gratificação de produtividade é impossível fiscalizar o cumprimento da escala pelos médicos. Já em relação ao aumento a oposição diz que é necessário contemplar todas as categorias que trabalham na saúde municipal.

“Saio daqui triste com esse resultado. Não podemos politizar uma questão tão importante como a saúde”, desabafou o vereador Cido após a homologação do resultado da votação. “Não aceito tirar a produtividade dos médicos. Quanto ao aumento é justo incluir a enfermagem e as outras categorias. Estou há anos esperando a oportunidade de contribuir com a minha categoria. Essa é a hora não vou desistir”, avisou a vereadora Érica da Enfermagem (PDT).

Os demais vereadores da situação fizeram apelos, tentaram a todo custo convencer os pares, mas a oposição se manteve firme, votou contra e promete se manter unida no objetivo de rejeitar os projetos enviados pelo prefeito à câmara.

O presidente da Casa, vereador Carlos Eduardo Nóbrega (PR), salientou a importância das discussões travadas na casa sobre o aumento de vencimento dos médicos. Também citou a boa vontade do governo de enviar o projeto à câmara logo nos primeiros dias de seu governo. Para o presidente a oposição faz o seu papel, mas ignora que quem deixou a saúde em abandono foi o governo passado.

“Espero que dois  ou três vereadores da oposição votem a favor do projeto na próxima quinta. Com sete votos a proposição é aprovada. Diferente das proposições comuns os projetos de quorum especial podem voltar à pauta quantas vezes forem necessárias. Mas, acredito que na quinta os projetos vão ser aprovados”, concluiu.

Legenda: Vereadores rejeitam projetos do Executivo; nova sessão acontece na quinta

16/01/2018

Inauguração do novo quartel do Corpo de Bombeiros de Taboão será dia 19

Nesta sexta-feira, 19, o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, a deputada estadual...

01/01/2018

Estado envia R$ 57,5 milhões para investimentos em 126 municípios paulistas

O governador Geraldo Alckmin autorizou nesta quinta-feira (28) o repasse do 15º lote de...

26/12/2017

PSB quer Hugo Prado candidato a deputado estadual e Márcio França a governador

A expressiva liderança do jovem presidente da Câmara Municipal de Embu das Artes, Hugo Prado,...

23/12/2017

Ney Santos cancela carnê do IPTU 2018; prefeitura vai cobrar igual a 2017

O prefeito Ney Santos anunciou em entrevista coletiva nesta sexta-feira (22) o cancelamento do...

22/12/2017

Alckmin libera recursos para Itapecerica, Embu das Artes e Embu-Guaçu

O governador Geraldo Alckmin autorizou nesta quinta-feira, 21, no Palácio dos Bandeirantes, o...

22/12/2017

Moradores de Embu das Artes farão ato contra o aumento do IPTU dia 27

Após receber os carnês de IPTU 2018 com valores elevados pela atualização da Planta Genérica e a...

19/12/2017

TJ acata ADIN do PT e suspende taxa do lixo 2017 de Embu das Artes

O Tribunal de Justiça de São Paulo acatou Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN), sugerida...

17/12/2017

Em clima festivo, Câmara de Taboão aprova novo estatuto da GCM

Em clima festivo e com discursos de elogios à Guarda Civil Municipal (GCM), os vereadores de...

15/12/2017

Vereadores comemoram a aprovação do novo estatuto da GCM de Taboão

A presidente da Câmara de Taboão da Serra, Joice Silva (PTB), revelou a satisfação de poder...

14/12/2017

Deputada Analice anuncia reformas em Escolas Estaduais de Taboão

Depois de uma reunião com o presidente do FDE - Fundação para o Desenvolvimento da Educação,...

17/01/2018

Secretario de transporte de Taboão implementa Movimento de Segurança do Trânsito

O secretário de transportes de Taboão da Serra, Gerson Pereira Brito, se reuniu na manhã de...

17/01/2018

Embu realiza Campeonato de Churrasco e Feira Gastronômica na cidade

A cidade de Embu das Artes realizará, entre os dias 20 e 21 de janeiro, das 11h às 20h, um...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.