Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Meio Ambiente

Ministra defende sustentabilidade ambiental durante anúncio de duplicação da Serra do Cafezal

Por Sandra Pereira | 20/04/2010

ministra.jpg

Ministra Izabella,prefeita Cida Mashio, de Juquitiba, Sandra Regina, prefeita de Registro e prefeito Chico Brito, de Embu das Artes

A rodovia da morte tem que se tornar da vida. A afirmação da ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, durante o anúncio da duplicação da Régis Bittencourt, na Serra do Cafezal, marcou a solenidade. A ministra surpreendeu o público ao enfatizar a defesa de uma agenda  positiva na região cuja diversidade ambiental, pode ser revertida, segundo ela, em dividendos para as cidades.

Izabella Teixeira demonstrou amplo conhecimento na área ambiental. Ela literalmente levantou a auto-estima dos prefeitos e autoridades presentes ao declarar que eles devem se unir para brigar pela valorização dos produtos produzidos na região.

A ministra citou que o meio ambiente não deve servir como desculpa para travar o desenvolvimento da região. Para ela, é preciso sentar e negociar abertamente com todos os agentes responsáveis as alternativas para minimizar o impacto da duplicação e garantir as obras mitigatórias e a compensação ambiental onde houver supressão de vegetação ou de espécimes animais.

“O Vale é uma das regiões mais importantes do País ambientalmente. Temos que expandir a questão ambiental para além da Amazônia e cuidar dos ativos naturais da Mata Atlântica”, contou a ministra.

Ela citou projetos que tramitam no Congresso Nacional visando remunerar as cidades que cuidam da natureza adequadamente. Izabella Teixeira classificou como inaceitável o fato de projetos importantes de interesse social serem barrados por falta de licenciamento ambiental.

“Devemos avançar no que é prioridade para o desenvolvimento do País”, observou, acrescentando que intervenções como a duplicação da Régis na Serra do Cafezal precisam ser negociadas com transparência plena para minimizar os impactos.

Como lição de casa para os representantes do IBAMA que participaram do evento a ministra deixou a missão de acompanhar atentamente cada passo da discussão.

“Não aceito que o IBAMA deixe de acompanhar de perto esse processo. O País não precisa de burocratas sentados em seus escritórios, então, vocês peguem o carro e dirijam até aqui para ver de perto o que está acontecendo. Chamem todos os interessados, discutam, ouçam sugestões e pensem no melhor para essa comunidade”, ensinou.

Segundo a ministra o Vale deveria ser a região mais rica de São Paulo, pela sua ampla diversidade ambiental. Ela disse que o desafio maior será conseguir a licença para duplicar o último trecho da BR que é considerado o mais sensível.

 A licença ambiental para a duplicação da Regis Bittencourt, na região da Serra do Cafezal, vão se concentrar, a princípio, nos dois extremos da pista. O trecho inteiro abrange a extensão de 30 quilômetros.

A decisão de iniciar os trabalhos pelas “pontas” se deu porque nesses trechos os impactos na natureza serão menores e, por isso, foi mais fácil cumprir as exigências ambientais.

O prazo para o término das primeiras intervenções é de 15 meses e o custo total do projeto é estimado em R$ 330 milhões. Os trabalhos devem ter inicio em 60 dias.
Além da ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, o presidente do IBAMA, representantes da ANTT e da concessionária Autopista Régis Bittencourt, vereadores, prefeitos e representantes de 29 cidades prestigiaram o evento.

 

chico.JPG

Prefeito Chico Brito defendeu união regional para resolver problemas comuns e obter conquistas


O prefeito de Embu das Artes destacou em sua fala que a duplicação é uma conquista de toda a região. Chico defendeu a união de todas as cidades para garantir outras obras como a Universidade Federal que será instalada em Embu. O prefeito também falou sobre a importância das duas passarelas de pedestres implantadas na cidade e disse que as mesmas estão ajudando a salvar vidas.

A prefeita de Registro, Sandra Kenedy, anfitriã do evento, não conseguia esconder a satisfação de contar com a duplicação da rodovia. Ela lembrou que foi preciso anos de luta e protesto para conseguir essa vitória. “Essa vitória é de todos nós por isso temos que comemorá-la”, afirmou.

O deputado João Paulo falou que o anúncio da duplicação aconteceu exatamente no dia de São Judas, santo das causas urgentes e impossíveis. “A duplicação era uma dessas causas urgentes e impossíveis até hoje”, resumiu.

19/04/2018

Os planos de expansão da pedreira em Itapecerica da Serra:como afeta a população

A pedreira localizada no bairro de Itaquaciara, ao sul de Itapecerica da Serra, município da...

09/04/2018

Prefeitura de Itapecerica reabrirá Parque da Represinha no próximo dia 12

A Secretaria de Planejamento e Meio Ambiente, junto com Autarquia de Saúde da Prefeitura de...

28/03/2018

Temporal provocou alagamentos e deixou trânsito caótico em Taboão da Serra

As águas de março chegaram e, com ela, os problemas para quem precisa transitar pela Rodovia...

26/03/2018

Eleição para conselheiros da APA Santa Tereza tem inscrições abertas até 17/4

O Conselho Gestor de Área de Proteção Ambiental (APA) Santa Tereza, informa que a eleição para...

25/03/2018

Chuva que caiu em Taboão esta tarde causou alagamentos na Régis Bittencourt

A chuva que atingiu a cidade de Taboão da Serra na tarde desta terça-feira, dia 27, causou...

22/03/2018

Após risco de febre amarela, Cemucam será reaberto dia 30

A Secretaria do Verde e do Meio Ambiente da Prefeitura de São Paulo vai reabrir, em 30 de março,...

21/03/2018

Mudanças climáticas aumentam disputas judiciais por água e desafiam juízes

Em todo o mundo, juízes se deparam com a díficil tarefa de conciliar a aplicação de leis com a...

16/03/2018

Embu das Artes realizará neste domingo 18 o II Plantio Global

A Sociedade Ecológica Amigos de Embu em parceria com a Prefeitura de Embu das Artes irá realizar...

25/02/2018

Apesar de obras, São Paulo ainda precisa de chuva para evitar nova crise hídrica

Em março, enquanto especialistas e chefes de Estado estarão debatendo a gestão sustentável dos...

20/01/2018

Especialista diz que sociedade precisa estar preparada para viver com menos água

O diretor-presidente da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal...

19/04/2018

Entra em vigor lei que aumenta pena para motorista embriagado

Entra em vigorar n

19/04/2018

Projeto Abril Solidário movimenta Faculdade em Taboão da Serra

O Projeto Abril Solidário, criado pelos alunos do curso de Pedagogia da Faculdade FECAF de...

19/04/2018

Inscrições com redução de taxa das Etecs de Taboão e Embu estão abertas

Estão abertas as inscrições para redução de 50% na taxa de inscrições do processo seletivo para...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.