Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Perueiros e Noventa pedem explicações sobre a extinção do transporte alternativo de Taboão

Por Karen Santiago | 9/11/2012

perua1

Arquivo Jornal na NetPerueiros do transporte alternativo dizem que não têm nada oficial que proíbe o trabalho deles

A manhã desta sexta-feira, dia 09 de novembro, começou complicada para os motoristas e cobradores das linhas 3, 7 e 8 do transporte alternativo de Taboão da Serra. Segundo eles, guardas municipais, agentes de trânsito e até policiais militares tomaram as ruas da cidade a fim de “apreender as peruas que estiverem trafegando e descarregá-las no pátio”, afirmaram. Por precaução, os condutores decidiram seguir até a secretaria de Transporte. Neste momento eles já fazem uma manifestação pacífica no local. “Vamos cobrar uma explicação do secretário, porque não há nada de oficial proibindo ou impedindo a nossa circulação”.

Ainda de acordo com eles, os guardas, agentes e policiais estão com uma notificação da secretaria, que aponta irregularidades deles. "É por meio do selo do veículo que consta as irregularidades, como o não pagamento do ISS e reclamações na prefeitura. Mas isso não pode acontecer assim. Precisa ter uma portaria com o motivo da proibição da nossa circulação", frisaram.

O secretário de Segurança, coronel Silas, afirmou que haveria uma operação para apreensão de peruas que estivessem com a autorização vencida e com isso estariam suspensos de circular na cidade. Mas, que ela não aconteceu. "A operação seria dos agentes de trânsito e polícia militar, nós só serviriamos de apoio", disse.

Esse impasse sobre a extinção ou não, do transporte alternativo do município, dura há dias. Os últimos 23 perueiros que atuam na cidade, nas linhas 3, 7 e 8, iniciaram uma mobilização visando manter suas atividades. Eles já realizaram manifestos na Câmara, conseguiram o apoio dos vereadores e até a marcação de uma audiência pública para discutir o assunto. A audiência estava marcada para a última quinta, mas não aconteceu, devido o não comparecimento do ex-secretário da pasta, Claudinei Pereira, do atual Zoroastro Júnior e do dono da Viação Pirajuçara, Victor Dinis.

Apesar do não comparecimento dos convocados, o vereador Valdevan Noventa, presidente da Comissão de Transportes da Câmara Municipal realizou uma reunião no plenário da Casa e ouviu os diversos motoristas e cobradores das linhas 3, 7 e 8, que ainda circulam na cidade. Os vereadores Olívio Nóbrega, Wagner Eckstein e Cido também participaram da reunião. Na ocasião os perueiros foram ouvidos e ainda pediram a revogação da lei 190.

"A lei que muda de pessoa física, como reza a 078, para pessoa jurídica.E também consta o ano do carro. A lei diz que a idade máxima do carro é de cinco anos, passou de cinco anos não é permitido e entre os 23 que estão rondando, tem ai uns sete ou oito carros que são de 2007, que estão dentro dos parâmetros da lei. Os demais não, então pela lei a maioria já sairia, porque passam de cinco anos a idade dos carros”, explicou Valdevan Noventa.

O vereador também afirmou, assim como a categoria que não existe documento oficial, decreto do prefeito, proibindo ou impedindo a circulação do transporte alternativo. Nada de documento oficial do Ministério Público e Tribunal de Contas também. "Não é assim, parece que é uma cidade sem lei, sem vereador, que tem um xerife que dita as regras, é assim e tá acabado”, afirmou.

Denúncia

O vereador apontou o ex-secretário de Transporte e Mobilidade Urbana, Claudinei Pereira como responsável por mandar mensagens para os celulares de alguns trabalhadores do transporte, dizendo pra eles não rodarem e ainda se apresentar como representante da empresa. “O que mais me estranhou foi isso”, frisou. O apontamento foi feito também por perueiros. "Foi mesmo o Claudinei que mandou as mensagens. Ele exigiu ainda que os veículos que rodassem com placa vermelha estariam irregulares e para continuar trabalhando regularmente, era necessário que sejamos da categoria D, tenhamos curso de transporte e moradores da cidade e de Embu", contou em forma de anônimato, um perueiro.

Noventa afirmou que em conversa com Claudinei descobriu que a saída dos perueiros era na quarta-feira, mas como não tem pátio, seriam levados para Araçariguama, após a liberação para fazer a apreensão das peruas. “Aquele que quiser sair numa boa, já teriam o emprego garantido pela empresa Pirajuçara. Aqueles que teimassem para rodar, seriam presos e não teriam oportunidade de emprego. Era a única proposta que tinha por parte da empresa. Foi isso que eu ouvi do Claudinei”, acusou.

Votação da Lei e próxima audiência

A revogação da Lei 190 deve ser votada em regime de urgência na próxima sessão, que acontece na terça-feira, dia 19. “Vamos pedir a assinatura dos demais vereadores para que nós possamos revogar até para haver uma reparação do erro cometido lá atrás”, finalizou.

A audiência pública para ouvir o ex e o atual secretário de Transporte e Mobilidade Urbana foi remarcada para a próxima segunda-feira, dia 12, as 10 e 11h da manhã, respectivamente.Na ocasião serão ouvidos Claudinei Pereira e Zoroastro Júnior.

VALDO

este SR esta equivocado sou funcionario e pago do meu carro e de 2 anos pra ca o ISS ficou carrissimo a Prefeitura fei isto pra minar as forcas dos perueiros pra ser ter ideia o valor mensal e de cerca de 500 raeis por mes so de imposto por carro pra PREFEITURA DO TABOAO.

Gomes

A prefeitura está correta, a cidade não pode previligiar coisas alternativas (ilegais) e sim, proporcionar transporte eficiente e oficial para a cidade. Esse pessoal dos perueiros querem ficar na cidade sem qualquer fiscalização ou controle, sem reolher tributos e taxas ao municipio, ninguém merece.

27/06/2017

Região do INSS e AME Taboão ganha ponto de ônibus, pintura de faixas e semáforo

As imediações do prédio do AME e do INSS em Taboão da Serra, na Estrada de São Francisco,...

25/06/2017

Acidente entre ônibus e veículo partícular deixa trânsito lento na Régis

Um acidente na BR 116 sentido Embu das Artes, em frente ao AssaÍ Atacadista, envolvendo dois...

20/06/2017

19 pontos de ônibus vão ser trocados ou reformados em Taboão da Serra

Dezenove pontos de ônibus localizados em pontos estratégicos e de grande fluxo de passageiros...

19/06/2017

Jovens se envolvem mais em acidentes graves no trânsito

Segundo dados do INFOSIGA SP do mês de maio, feito pelo Movimento Paulista de Segurança no...

13/06/2017

Programa Mais Asfalto quer acabar com buracos e melhorar qualidade do asfalto

Há anos a má qualidade do asfalto das ruas de Embu das Artes é um dos principais problemas...

06/06/2017

Caminhão que transportava álcool tomba no Rodoanel e deixa trânsito lento

Dois caminhões se envolveram em um acidente no fim da manhã desta terça-feira (06), no Rodoanel...

30/05/2017

Avança Projeto de Lei que proíbe radares móveis em rodovias

A Comissão de Viação e Transportes (CVT) da Câmara dos Deputados em Brasília (DF) deu parecer...

29/05/2017

Acidente com um vítima fatal travou o trânsito na Régis Bittencourt em Taboão

Uma pessoa morreu por conta de um acidente grave envolvendo 5 veúlos no começo da noite deste...

25/05/2017

ANTT aprovou projeto do retorno na Régis para atender Taboão da  Embu

A Autopista Régis Bittencourt informou por meio de nota enviada à reportagem do Jornal na Net...

25/05/2017

Taboão inaugura Serviço de Acolhimento para Crianças e Adolescentes

O Dia Nacional da Adoção, celebrado nesta quinta-feira, 25, foi marcado em Taboão da Serra, pela...

27/06/2017

Quentão do Taboão começa na sexta e promete agitar finais de semana

A esperada Arena Multiuso de Taboão da Serra vai ser aberta ao público nesta sexta-feira, 30,...

27/06/2017

Região do INSS e AME Taboão ganha ponto de ônibus, pintura de faixas e semáforo

As imediações do prédio do AME e do INSS em Taboão da Serra, na Estrada de São Francisco,...

26/06/2017

Jovem PM feminina inspira e incentiva sonhos de estudantes em Taboão

Com sorriso aberto, simplicidade, carisma, olhos e rosto bem maquiados a policial militar Sara...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.