Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Cobrador de ônibus da Miracatiba é assassinado a tiros em Itapecerica

Por | 26/10/2012

onibus1

DivulgaçãoA vítima era cobrador da viação Miracatiba há cinco anos

Um cobrador de ônibus da empresa Miracatiba foi assassinado com dois tiros há cerca de 50 metros de sua residência, no bairro Jardim Cinira, em Itapecerica da Serra. O crime aconteceu na madrugada da última quinta-feira, dia 25, quando a vítima saia para trabalhar, por volta das 3h30.

De acordo com a polícia, a esposa dele teria escutado três tiros e chamou  um parente que mora ao lado, ao saírem na rua, eles viram a vítima caída ao chão e baleada duas vezes. O cobrador, que trabalhava na empresa há cinco anos, deu entrada no Hospital Geral de Itapecerica da Serra sem vida.

A polícia  chegou a informar que um parente da vítima tinha envolvimento com tráfico de drogas, mas a família negou a informação. De acordo com a polícia a munição usada no assassinato do cobrador é do mesmo tipo que baleou os dois menores de idade, que tentaram assaltar um ônibus, da mesma empresa, em Itapecerica – relembre aqui.

Ninguém foi preso nos dois casos e a polícia continua investigando os dois crimes. As ocorrências foram apresentadas na Delegacia da cidade.

Atualização de matéria

Ao contrário do conteúdo divulgado anteriormente pelo portal, o irmão do cobrador não era envolvido com traficantes e nem foi assassinado por esse motivo. Os familiares disseram que o irmão do cobrador é trabalhador, pai de família e nunca teve envolvimento com qualquer tipo de crime.

A esposa do cobrador também afirmou, em contato com a reportagem do Jornal na Net, que não precisou chamar seu cunhado para sair à rua, uma vez, que após ouvir os disparos, os familiares foram até a rua ver o que tinha acontecido.

Ela negou também, que o crime envolvendo o cobrador tenha alguma característica dos dois menores de idade, baleados após uma tentativa de roubo a um coletivo da cidade. "Não sabemos o que aconteceu, de fato", afirmou.

Menores baleados

Os dois menores de 17 anos de idade, acusados de tentarem assaltar um ônibus da viação Miracatiba, que trafegava pela Rodovia Armando Sales, no dia 13 de outubro, já tiveram alta, na última quarta-feira, dia 24. Eles estavam internados no Hospital Geral desde o dia do ocorrido.

Os dois sobreviveram aos tiros, a qual foram alvos, por alguém de dentro do coletivo. Os dois estão muito feridos, um deles teve a coluna atingida e pode ficar paraplégico.

Nenhum dos dois tinha passagem pela Fundação Casa. Eles já foram apresentados ao juiz da vara da Infância e Juventude de Itapecerica.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.