Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Caminhoneiros que transportam concreto reivindicam por serviço em Itapecerica

Por | 9/10/2012

reivindicacao1

Karen SantiagoCaminhões estão parados em campo a 15 dias, aproximadamente

Por volta de 50 motoristas de caminhões que transportam concreto de uma empresa na Pedreira, em Itapecerica da Serra reivindicaram durante toda a manhã e início da tarde desta terça-feira, dia 9, pelo aumento do volume de serviço, que diminuiu, segundo eles há mais de 15 dias. De acordo com eles, a diminuição se deu pela monopolização do transporte, após contrato da empresa feito com outra transportadora, a Eli Mar.

“Enquanto eles transportam o concreto, estamos parados [com os caminhões] neste campo de futebol. Essa situação é a mesma há quinze dias. Somos pais de família e temos filhos, precisamos trabalhar, mas para que isso aconteça precisa ter o aumento do volume de serviço”, desabafou um dos caminhoneiros que preferiu não se identificaram.

Ele disse ainda que a manifestação foi pacífica durante toda a manhã e início da tarde na Estrada Abias da Silva (embaixo da linha do trem). Os caminhoneiros pedem que alguma atitude da empresa seja tomada para que a situação se resolva. “Pedimos também explicações”, frisou. De acordo com ele, uma reunião com os diretores da empresa já foi marcada para quarta-feira.

Os caminhoneiros contaram que para continuar trabalhando até fizeram uma proposta de reduzir o frete para dois reais à tonelada por viagem [a nova empresa chega a fazer a tonelada por R$ 12,50], mas mesmo assim não tem a possibilidade de realizarem seus serviços. Alguns motoristas, já chegaram até a sair da empresa, para procurar outro emprego.

A reportagem constatou em passagem pelo local, que enquanto muitos caminhões ficam estacionados no campo de futebol os outros, da transportadora contratada fazem fila em frente à empresa para carregarem o concreto. Tentamos contato telefônico com algum responsável pela empresa, mas até o fechamento da matéria não conseguimos retorno.

reivindicacao

Caminhões estacionados da outra transportadora


18/10/2017

Aneel autoriza reajuste nas contas de luz de consumidores do DF, GO e SP

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou hoje (17) reajustes nas contas de luz...

17/10/2017

Caixa e BB antecipam em dois dias pagamento do PIS/Pasep a correntistas

Com dois dias de antecedência em relação ao calendário oficial, os correntistas da Caixa...

15/10/2017

Mulher atacada por ex com facão era separada há 6 anos e sofria ameaças

Durante seis anos Edeni Aparecida Rocha da Silva, 37 anos, viveu no inferno, mas somente ela e...

15/10/2017

Exame para certificar mais 1,5 milhão de jovens adultos tem nova data

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos será aplicado no dia 19...

15/10/2017

Rodoanel tem audiência para instalação de postos de combustíveis

No próximo dia 24 de outubro, a Agência de Transporte do Estado de São Paulo – Artesp...

14/10/2017

Horário de Verão começa neste domingo, adiante seu relógio em uma hora

Horário de Verão começa à 0h deste domingo (15), e os relógios deverão ser adiantados em uma...

11/10/2017

Unicef: a cada 10 minutos morre uma menina vítima de violência

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lembrou, nesta quarta-feira (11), por ocasião...

11/10/2017

Prefeito Fernando Fernandes forma mais 24 Guardas Municipais

O prefeito Fernando Fernandes formou na noite de sexta-feira, 06 de outubro, mais uma turma da...

11/10/2017

1º Fórum do Idoso da Sociedade Civil acontece em Itapecerica da Serra

O Auditório da Prefeitura de Itapecerica da Serra foi o local escolhido para a realização, no...

18/10/2017

Taboão teve sessão histórica para as mulheres e com aprovação de leis

O grito silencioso das mulheres vítimas de violência ecoou com força e fez da sessão desta...

18/10/2017

Aneel autoriza reajuste nas contas de luz de consumidores do DF, GO e SP

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou hoje (17) reajustes nas contas de luz...

18/10/2017

MPF e MPT recomendam revogação de portaria que muda regras do trabalho escravo

O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal (MPF) recomendaram ao...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.