Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Queda de balão vira caso de polícia em Itapecerica

Por | 5/06/2012

balao

Karen SantiagoParte de outro balão ainda permanece pendurado ao lado do pátio

Apesar do céu de Itapecerica ganhar cores e ficar mais alegre, na manhã do último domingo, dia 03 de junho, quando balões foram soltos na cidade, devido ao encontro de baloeiros, realizado no ginásio de esportes, a queda deles, causou tumulto na Estrada João Rodrigues de Moraes, na Lagoa, e até virou caso de polícia.

Cerca de dois empresários e mais três homens foram presos, por volta das 8h, após invadir o pátio global. Eles queriam pegar um balão que caiu no interior do local, para isso pularam os muros da frente e de trás do pátio, pisotearam veículos e só foram contidos com a chegada da polícia militar. Um dos acusados foi vítima até de um cachorro pitbull, de uma das moradoras do pátio.

Segundo testemunhas, mais de 30 pessoas estavam na frente do local e faziam uma grande baderna. Josias, proprietário do pátio, acordou com o barulho e após constatar a presença dos cinco homens dentro do local, chamou a polícia.

O Boletim de Ocorrência relata que no local, os PMs viram diversas pessoas tentando colocar o balão dentro de um Honda Fit, de propriedade de um dos acusados. Os cinco alegaram, por sua vez, que somente subiram no muro, pois o balão estava enroscado, mas confessaram que estavam no evento.

Os cerca de dezessete veículos que foram pisoteados pelos acusados, segundo Josias, serão períciados, assim como o Balão, para que seja constatado, se de fato ele é ecológico, como informado no evento.

Os empresários R.H.R de 31 anos, P.M.J de 32, administrador de empresas Y.H.B.D de 23, torneiro mecânico A.J.L de 29 anos e por fim, o comunicólogo P.A.H também de 23 anos respondem em liberdade por Violação de Domicílio e Dano ao Patrimônio, ambos crimes do Código Penal Brasileiro. E a ocorrência foi registrada na Delegacia central.

cachorro

Um dos acusados foi atacado na perna por um pit bull

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.