Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Disputa enfraquece movimento contra o aumento do IPTU no Taboão

Por Sandra Pereira | 11/03/2010

IPTU_1.jpg

Mobilização liderada por Emaq em 18 de dezembro

O movimento contrário ao aumento do IPTU em Taboão da Serra rachou. O empresário Edson Emaq, que iniciou a mobilização popular contra o aumento do imposto, não vem poupando críticas às últimas ações adotadas no seio do movimento que ele criou em dezembro, mas no final de janeiro acabou sendo “puxado” por outras líderes como o professor Narciso, a advogada Julia Collet e lideranças políticas que fazem oposição a administração municipal de Taboão da Serra.

“O movimento teve uma divisão grande. Tem gente se sentindo dono de tudo. Na verdade querem é tirar proveito político. Essa não era a idéia inicial”, provoca Emaq.

O racha interno vivido pelo movimento tornou-se público nesta terça-feira durante a sessão da Câmara Municipal, quando Edson Emaq usou a Tribuna para criticar o protesto realizado durante a entrega da Medalha 19 de fevereiro, nas comemorações relativas ao aniversário da cidade e reclamar do professor Narciso.

Depois da confusão Emaq precisou deixar a Casa Legislativa pelos fundos,   enquanto os vereadores discursavam pedindo que o movimento não perdesse o foco da reivindicação para adotar a prática da violência.

Mas, essa não foi a primeira vez que os integrantes do movimento “se estranharam”. Na Sessão Solene onde foi realizada a entrega da medalha 19 de fevereiro o próprio professor Narciso criticava abertamente a participação de pessoas ligadas à deputada Analice Fernandes no movimento.

Na prática, os conflitos internos enfraquecem ainda mais o movimento que já vem sendo esvaziado pelo desconto de 50% e 30% concedido pela prefeitura e pelo resultado dos pedidos de revisão, que em muitos casos deixam o IPTU abaixo do valor cobrado em 2009. Além disso, o valor do reajuste nas áreas da periferia não teve o mesmo impacto  que na região central.

Outro fator importante é que o movimento está perdendo aos poucos as características que o tornaram singular no seu surgimento: a participação de moradores, idosos, estudantes, pessoas simples, que estavam movidas pelo interesse social de reduzir o valor do imposto. Agora, ao que tudo indica a manifestação começa a ganhar corpo político e corre o risco de perder o foco,  como afirma Edson Emaq.

Andrea

O movimento não enfraqueceu não, estamos lutando e não vamos desistir. Ao contrario do que a imprensa local divulga, estamos na camara todas as terças. Não estamos interessados em politicagem, queremos um ajuste justo ao nosso municipio. Quem dera o salario dos "trabalhadores", que acordam cedo e pegam onibus lotado enfrentando um transito caotico, sofresse um ajuste de 500% da noite para o dia. Pergunto ao senhor prefeito e aos vereadores: Os Senhores estariam no governo se recebem uma remuneração de R$ 510,00 (salario minimo para lembra-los)? Moramos em Taboão da Serra e não no paraiso que os senhores imaginam.

José Sudaia Filho

Sandra, faz tempo que vc começou a fazer a cobertura da CMTS e começamos a ler notícias que realmente informavam o que lá acontecia. Escrevi um comentário, no tempo em que o EToledo ainda permitia que eu comentasse no Portal, te elogiando por isso. Mas esta matéria aqui é o réquiem da sua profissão de repórter. Primeiro que ninguém ainda sabe direito o que é o Movimento dos Moradores contra o IPTU Abusivo porq quase toda a imprensa escrita e teclada da cidade não lhe dá visibilidade alguma. Segundo porq a população está desinformada, pegada com descontos quando, na verdade a infecção é nos valores venais que, no ano que vem é que vão ver onde o calo sangra. Terceiro porq tudo que não é blindagem do dr. Evilásio e do sr. Paulo Félix, é satanizado por quase toda a nossa mídia onde, com grande decepção, a incluo agora. Sudaia blogdosudaia.blogger.com.br

Joao Batista

não é justo esse aumento abusivo do iptu, que vereadores aprove esse aumento,como também o da taxa de luz, assim como outros, creio q esse movimento vem sendo pouco divulgado na pereferia, todos reclamam, mas a maioria não participa, cruza- se os braços, ficam esperando q as coisas mudem, como milagres!! Toda terça feira a população deveria estar lá na camara. Cidadania!

maria eduarda

o Emaq tá certo no Taboão tudo acaba em politicagem

20/06/2017

Vereadores de Taboão da Serra aprovam LDO em 1ª votação em sessão movimentada

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram em primeira votação nesta terça-feira, 20, a Lei de...

19/06/2017

Comissão de Finanças da Câmara de Taboão discute LDO 2018

A Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou na...

18/06/2017

Câmara de Taboão realiza ato “Fora Temer e a favor das Diretas Já”

Na última quarta-feira (14), foi realizada na Câmara de Taboão da Serra, uma plenária a favor...

16/06/2017

Câmara de Taboão faz Campanha do Agasalho para doar ao Centro POP

O frio chegou com força nas últimas semanas e deve continuar intenso pelos próximos meses. Para...

13/06/2017

Taboão da Serra terá plenária pelas Diretas Já nesta quarta-feira 14

Na próxima quarta-feira (14), várias organizações sociais irão realizar na Câmara Municipal de...

13/06/2017

Municípios paulistas recebem R$ 443 milhões em repasses de ICMS

O governo do Estado de São Paulo deposita nesta terça-feira, 13/6, R$ 443,11 milhões em repasses...

12/06/2017

Ney rebate críticas de Geraldo e diz que ele perderá eleição de deputado

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos (PRB) rebateu em entrevista ao Jornal na Net as...

11/06/2017

Secretário de Transporte e Dr. André Egydio apresentam propostas de mudanças

O vereador Dr. André Egydio reuniu aproximadamente 25 comerciantes da rua Luiz Carlos Ventura,...

09/06/2017

Joice Silva é destaque em campanha de filiação do PTB Nacional na TV

A presidente da Câmara Municipal de Taboão da Serra, vereadora Joice Silva (PTB), foi destaque...

09/06/2017

Câmara Municipal realiza audiência pública de saúde no dia 14

A Comissão Permanente de Saúde da Câmara Municipal de Taboão da Serra realiza na próxima...

22/06/2017

Dois homens são presos por transportar ilegalmente 140 pássaros silvestres

Na noite da última quarta-feira (21), durante fiscalização de combate da Polícia Rodoviária...

22/06/2017

Greve de professores da rede municipal de ensino já ultrapassa 50 dias

Professores da rede municipal de ensino ainda não entraram em acordo com a prefeitura e...

22/06/2017

Venda de terrenos irregulares acontece em Embu das Artes

No extremo oeste de Embu das Artes, município da Região Metropolitana de São Paulo, o bairro...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.