Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Vereadores pedem ao DNIT retorno na Régis em Taboão

Por | 17/04/2012

vereadores1

Divulgação - Eduardo ToledoRetorno está previsto em Embu das Artes, mas vereadores querem em Taboão

A reivindicação da construção de um novo retorno na rodovia Régis Bittencourt, altura do quilômetro 275, na cidade de Taboão da Serra, que é um dos assuntos mais comentados entre os moradores e vereadores do município, relembre aqui teve um novo capítulo na manhã desta terça-feira, dia 17. O início da luta começou em uma reunião na sede do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes).

A principal reivindicação dos vereadores é a construção de mais um retorno para atender os motoristas da cidade e desafogar o trânsito, principalmente na região do Parque Pinheiros, uma vez que o local, é contemplado com um único retorno, e nos horário de pico (6h às 8h) e 16h às 19h filas de carros se acumulam no trecho. O retorno beneficiaria cerca de 160 mil moradores, dos bairros que fazem adjacências ao km 275.

A proposta dos vereadores é que o novo retorno, garantido no PER (Plano de Exploração de Rodovias), seja construído cerca de dois quilômetros antes, na altura do Jd. Iolanda e da Vila Indiana, em Taboão da Serra. Para o presidente da Câmara, José Macário, essa obra irá beneficiar toda a cidade. “Ganharemos uma nova rota, diminuindo o trânsito em Taboão da Serra”, disse.

A Autopista Régis Bittencourt, concessionária que administra a rodovia e responsável pelos investimentos, disse que o retorno está previsto para o quilômetro 277,6, em Embu das Artes, próximo do Rodoanel.

O superintendente do DNIT, Ricardo Madalena, disse que concorda com a reivindicação dos vereadores, mas que é preciso um estudo detalhado para saber se é possível a construção da alça de acesso no local onde os vereadores indicaram. “Temos que ver a viabilidade técnica, vou encaminhar o pedido para a ANTT, em Brasília e para a OHL”, garantiu.

“Esse retorno onde está previsto não favorece os motoristas de Taboão da Serra, precisamos trazer essa obra para o quilômetro 275 ou 274, próximo da Vila Indiana e São Judas. Essa obra beneficia não só esses bairros e o Pirajuçara, mas também toda a região do Parque Pinheiros, que hoje convive com tráfego pesado”, disse Olívio Nóbrega, que agendou a reunião no DNIT.

O vereador Aprígio também concorda com a mudança do retorno, mas alerta para o custo das desapropriações. “Vamos ter que trabalhar junto com a OHL para viabilizar essa obra. Sem dúvida trazer a alça de acesso para Taboão da Serra é o melhor a ser feito e nós vamos lutar para que isso aconteça”.

Os vereadores José Macário, Olívio Nóbrega, Paulo Félix, Fausta, Cido e Aprígio participaram do encontro com o superintendente Ricardo Madalena.

O anúncio de quatro novos retornos da cidade de Embu das Artes à Juquitiba, na Rodovia Régis Bittencourt divulgado com exclusividade pelo Jornal na Net, relembre aqui.

Nova reunião

Os vereadores se mostraram satisfeitos com a posição do DNIT. Mesmo com o pedido já encaminhado, eles marcaram uma nova reunião, desta vez com a diretoria da OHL (empresa responsável pelo consórcio da Autopista Régis Bittencourt) nesta quarta-feira, dia 18, às 16h.

“Vamos discutir a viabilidade de trazer esse retorno para o quilômetro 275 ou 274, estamos empenhados nessa tarefa que irá beneficiar a população e diminuir muito o trânsito que hoje é um dos maiores problemas da nossa cidade”, lembrou Paulo Félix.

A vereadora Fausta disse que a Câmara Municipal está de parabéns pela luta. “Estamos encabeçando um projeto que irá beneficiar milhares de pessoas, não podemos deixar que essa obra escape de Taboão da Serra, o trânsito que temos hoje já justifica essa obra”.

Outro vereador que elogiou a proposta foi Cido. “O que depende da Câmara Municipal nós iremos fazer para que esse retorno seja construído no quilômetro 275, os moradores do São Judas, Vila Indiana, Elizabeth e Margaridas serão beneficiados diretamente com essa conquista”, lembrou.

Com informações de Eduardo Toledo - Assessor de Imprensa da Câmara Municipal

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.