Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Aposentada de Embu é vítima do falso sequestro

Por Edimon Teixeira | 11/04/2012

pc

DivulgaçãoCaso foi registrado no Distrito Policial de Belenzinho

A intervenção de um taxista levou à prisão, no fim da noite desta terça feira, 10/04, em flagrante delito, Décio Aparício Amâncio, no momento em que ele fazia mais uma vítima do golpe do falso sequestro, uma aposentada de 71 anos, moradora de Embu das Artes. Ele percebeu o nervosismo da passageira e acionou agentes da Polícia Militar, quando seguia, sem saber, para o local onde seria pago o valor exigido pelo resgate.

Ele telefonava para a vítima, informava que havia sequestrado um familiar e exigia dinheiro. A idosa e o marido receberam várias ligações em casa, e, segundo o casal, o criminoso era auxiliado por mulher que se passava por uma das filhas, que só seria liberada mediante pagamento do valor exigido. O local da entrega do dinheiro foi combinado e a aposentada pegou um táxi e dirigiu-se ao endereço.

No caminho, o taxista, ao saber da história, resolveu parar e alertar policiais militares. A vítima, com medo de que o criminoso notasse a presença da polícia e matasse a filha dela, desceu do táxi e correu, mas foi acompanhada de longe pelos agentes, que viram a idosa deixando um saquinho plástico no ponto de ônibus.

O criminoso foi detido por policiais militares do 2º Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran), em um ponto de ônibus na esquina da Rua Azurita com a pista local da Marginal do Tietê, próximo do Estádio do Canindé, zona norte da capital paulista, em flagrante, quando recolhia um saquinho plástico contendo joias e R$ 400,00.

“Parece que ela estava seguindo instruções, porque ela estava no celular. Ela agachou, colocou o pacotinho no poste. Um rapaz foi até o poste pegar quando demos voz de prisão”, explicou a soldado da PM Roseli Carvalho.  Décio já tem passagem por roubo e tráfico de drogas, e desta vez seria autuado em flagrante por extorsão.

Os policiais entraram em contato com as filhas do casal e nada havia ocorrido com elas. Segundo a polícia, Décio nada conhecia sobre os aposentados, que foram escolhidos aleatoriamente. O flagrante foi registrado no 8º Distrito Policial (Brás/Belém).


Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.