Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Meio Ambiente

Represa Billings faz 87 anos com direito à festa

Por Outro autor | 29/03/2012

images

DivulgaçãoSabesp administra a Represa Billings

As comemorações dos 87 anos da represa Billings na última terça-feira, dia 27 de março, realizadas pela Sabesp contemplaram uma série de atividades com festa em frente à represa, na prainha do Riacho Grande, regata de aniversário com crianças velejando, queima de fogos, distribuição de kits comemorativos no Poupatempo e peça de teatro em escola municipal de São Bernardo do Campo.

Na terça-feira (27/03), a peça de teatral “Fred e Tal, os ratinhos cantores” foi encenada para aproximadamente 740 crianças do ensino infantil e fundamental, nos períodos da manhã e da tarde, na EMEB (Escola Municipal de Ensino Básico) Helena Zanfelici da Silva.

Interagindo com o público infantil, os atores, Daniel Dalberto e Eduardo Bordinhon ensinaram de forma lúdica e divertida a não desperdiçar a água, a jogar lixo no lixo, a reciclar os materiais e a usar corretamente a rede coletora de esgoto, evitando entupimentos.

Ao final do espetáculo, os atores e a criançada cantaram parabéns aos 87 anos da represa Billings e também receberam balas de coco e chocolate, representando o bolo de aniversário. “Em oito anos de carreira, é a primeira vez que enceno uma peça de educação ambiental, estou gostando bastante e também acho que os alunos curtiram”, conta o ator Eduardo Bordinhon.

Poupatempo

Durante o dia, representantes da Sabesp entregaram 500 kits comemorativos aos munícipes de São Bernardo do Campo que passaram pelo Poupatempo, com doces e folhetos sobre as ações de preservação e recuperação da represa Billings.

Prainha do Riacho Grande
Nesse importante ponto turístico da cidade, a Sabesp convidou crianças do Programa Navega São Paulo para velejar e passear de caiaque em razão da comemoração de 87 anos da Billings. Aproximadamente 70 crianças vieram de Praia Grande, Mairiporã e São Paulo.

Por volta das 11h30, as crianças cantaram parabéns à Billings e depois caíram na água com seus barcos. Os dois velejadores, Lucas de Assis, de 15 anos, e Rafael Daniel, de 16 anos, navegaram duas horas para chegar até a Prainha do Riacho Grande para participar da festa. “Não sabia que tinham se passado duas horas, quando se começa a velejar, você esquece o tempo”, conta Lucas.

O estudante Guilherme Fernandes, 11 anos, diz que sua diversão em Mairiporã é velejar. “É muito legal chegar da escola e depois ir direto para o rio velejar”, enfatiza.

O coordenador-geral do programa Navega São Paulo, Carlos Roberto Junqueira Cardoso, diz que a iniciativa da festa é muito interessante, principalmente para as crianças. “A comemoração junto com o programa representa a união com a inclusão social”, afirma.

O responsável pela BIC Sports no Brasil (fabricante das velas e barcos do programa) Aris Adalberto diz que a iniciativa da Sabesp e do Navega São Paulo é benéfica para os participantes. “As crianças que navegam são diferentes das outras, porque navegando precisam aprender a ter autocontrole, paciência, equilíbrio e respeito à água”, explica.

A engenheira responsável pelo programa Pró-Billings (que tem por objetivo a melhoria ambiental na área de mananciais da represa), Suely Matsuguma, diz que a festa não é só para a represa mas para todos. “É um parabéns para a Billings e para a população também, que usufrui”, destaca.

Durante a velejada, por volta das 12h30, houve uma queima de fogos, marcando a comemoração do aniversário da Billings.


Mais informações sobre os programas


Programa Navega São Paulo
O programa Navega São Paulo é o maior projeto social esportivo do Estado de São Paulo, que oferece aulas gratuitas de vela, remo e canoagem para alunos matriculados na rede pública de ensino, entre 10 e 15 anos, divididos entre 15 núcleos náuticos: Praia Grande, Santos, Cubatão, São Vicente, Mairiporã, Piraju, Ilha Comprida, Fartura, Presidente Epitácio, Rubinéia, Rifaina, Ilha Bela, Barra Bonita, Avaré e São Paulo.

Obras estruturantes
A Sabesp executa um conjunto de obras estruturantes para preservação da represa principalmente em Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e São Bernardo do Campo. São obras para coleta, afastamento e tratamento de esgotos visando melhorar a qualidade de vida da população, e preservar este importante manancial da Região Metropolitana de São Paulo.

Em  São Bernardo do Campo, o Programa Pró-Billings está concluindo os projetos e as licitação para execução das obras. O investimento total é de R$ 210 milhões, dos quais 50% custeados pela Sabesp e o restante pela Agência de Cooperação Internacional Japonesa - JICA (50%). As obras vão beneficiar diretamente 250 mil habitantes até 2015. Estão previstos: 100 km de redes coletoras de esgoto, 33 km de coletores-tronco e estações elevatórias para transportar os esgotos até a Estação de Tratamento de Esgoto ABC (ETE ABC), além de ligações domiciliares de esgoto.

Já pelo Projeto Tietê, em São Bernardo do Campo estão sendo implantados 40 km de redes coletoras, coletores e emissários de recalque, 16 estações elevatórias de esgoto e 1.915 ligações domiciliares, totalizando investimentos de R$ 20 milhões. Mais de 10 mil pessoas serão beneficiadas diretamente com a coleta e tratamento de esgotos. Além disso, nos municípios de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra estão sendo executadas obras para beneficiar com esgotamento sanitário mais de 2 mil habitantes. O investimento é de R$ 10 milhões.

RICARDO CAETANO DA SILVA

Gostaria de a Polícia ambiental em torno da Billings intensificasse a patrulha para evitar os predadores da represa.Nos pescadores esportivos estamos perdendo nossa diversão devido a esses bandidos...jogem mais peixe na represa !!!

João Batista Garcia

Sugestão: Gostaria que os Prefeitos, Governadores e Presidente, implantassem uma matéria em todas as escolas do Brasil (pública e Particular),sobre EDUCAÇÃO AMBIENTAL. "Moro a margem da represa Billings e faço diariamente limpeza nos fundos de 14 chácaras fora e dentro da água retirando todos os lixos e microlixo da mesma".

jose

D E N U N C I A: Agua da sabesp é furtada todo dia e cresce a invasão de area de proteção de manacial no Jardim da Luz em Embu das Artes. Dia a dia a Favela Dois palitos tem crescido sobre a mata. Barracos construido e AGUA e LUZ furtada. Cada dia a tendencia e faltar mais agua no Bairro! Cade as autoridades?? Todos sabem e veem, mas nada fazem, Estado, municipio, Policia Ambiental... Socorro!!

24/09/2017

14º Festival de Flores e Plantas marcou a chegada da primavera em Embu

O 14º Festival de Flores e Plantas de Embu das Artes ocorrido neste final de semana celebra em...

15/09/2017

Projeto Horta em Pet realiza novas oficinas em Embu das Artes

A Sociedade Ecológica Amigos de Embu – SEAE, em parceria com a prefeitura municipal de Embu das...

14/09/2017

Prefeitura de Taboão da Serra realiza limpeza de córregos

Um forte trabalho de limpeza e desassoreamento dos córregos de Taboão da Serra vem sendo...

18/08/2017

Sexta-feira será fria e chuvosa em Taboão da Serra, Embu e Itapecerica

O tempo deve permanecer frio e chuvoso nesta sexta-feira, 18, em Taboão da Serra, Embu,...

15/08/2017

Onça encontrada em empresa em SP vai voltar para a natureza até sexta-feira

10/08/2017

teste

teste

06/08/2017

Prefeitura de Taboão da Serra realiza limpeza nos córregos da cidade

A Prefeitura de Taboão da Serra, por meio da Secretaria de Manutenção, está realizando o...

06/08/2017

Em Embu das Artes, Jardim Nova República e São Marcos recebem oficina de horta

No município de Embu das Artes, situado na região oeste da Grande São Paulo, um projeto...

25/09/2017

Bandidos roubam carga de R$ 12 mil em biscoito no Embu e fazem motorista refém

O motorista de um veículo que transportava uma carga de biscoito avaliada em R$12 mil foi...

25/09/2017

Emprega São Paulo/Mais Emprego tem 5.215 vagas abertas no Estado

O programa Emprega São Paulo/Mais Emprego oferece 5.215 oportunidades nesta semana no Estado de...

25/09/2017

Gravidez na adolescência em São Paulo cai a seu menor nível em 18 anos

O governador Geraldo Alckmin apresentou dia 22 um balanço produzido pela Secretaria de Estado da...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.