Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

CEI de Taboão se encerra sem votação do relatório

Por Karen Santiago | 25/03/2012

cido

Arquivo Jornal na NetCido lê relatório sem quórum e documento não é votado

A Comissão Especial de Inquérito (CEI) criada para apurar as denúncias de fraude na prefeitura de Taboão da Serra encerrou os trabalhos sem votação do relatório, por falta de quórum e transmissão online no site da Câmara Municipal na última sexta-feira, dia 23. A CEI se estendeu por quase um ano e nesse período movimentou a política de Taboão.

O relatório foi arquivado e protocolado na câmara. O documento será encaminhado à prefeitura municipal, além do Ministério Público, como foi pedido pelo presidente, vereador Cido, nas conclusões finais.

De acordo com ele o relatório é fruto de 10 meses de trabalho. Cido afirma que independente da votação ou não o documento foi lido e posteriormente será entregue ao Ministério Público.

"É muito triste a falta de quórum, e não haver votação. Para mim o relatório foi negligenciado", frisou.

O presidente da CEI, vereador Cido (DEM), leu um resumo do relatório final dos trabalhos, 56 páginas. Ao todo, o documento  sobre as investigações contêm 47.614 páginas em seis anexos (pastas) aos presentes. O vereador Olívio Nóbrega foi à Câmara, mas, não acompanhou a leitura.

Relatório


Na leitura do relatório Cido detalhou a investigação, conforme oitivas realizadas desde o início da Comissão, aprovada dia 6 de maio, após a prisão dos três vereadores da cidade, em plena sessão da Câmara.

Pontos como a fraude na dívida ativa, envolvimento dos funcionários e ex-servidores, falhas do sistema Conam foram levantados, além de contratos e licitações investigadas como duvidosas, Outorga Onerosa e por fim a empresa que administra o PS Antena, Iacta Saúde.

Falta de quórum e sem transmissão online


A falta de quórum para a votação do relatório se deu porque os membros da comissão: vereadores Fausta Leite, Valdevan Noventa e Wagner Eckstein não foram na última sexta-feira, da mesma forma como acontece na quinta-feira, onde o relatório seria lido, mas por falta de quórum, não foi o que aconteceu.

A não transmissão online da votação e leitura do relatório se deu, por sua vez, pela falta de contrato pela realização do serviço. O contrato terminou no ínicio deste ano e custou por cada transmissão, segundo informações iniciais R$ 2.500,00 mil aos cofres da câmara.

A Câmara teria contrato um determinado número de transmissões para a CEI, mas essa cota foi ultrapassada.

Gomes

Uma conversa forte que corre pelos 04 cantos de nossa cidade que até a verba federal direcionada para canalizar os córregos já foi repartida, são milhões de reais. É preciso investigação URGENTE em TS.

Neco

Caro Antonio , pior que grande parte da população está alheia desses acontecimentos e acaba apoiando maus políticos.O Evilásio e sua turma estão andando de escola em escola dizendo que são vítimas dos fatos. O futuro desta cidade está na mão do MP e dos eleitores mais esclarecidos , atentos e preocupados com o rumo da cidade , ao contrario daqueles cidadaos carentes que se deixam levar por conta de pequenos favores...

José Afonso da Silva

Muito tem se falado sobre a ausência dos vereadores durante a leitura do relatório. Até ai tudo bem, alguém tinha ilusão que seria diferente, ainda mais depois da desculpa de que não tinha internet. A questão é, e isso vale para a toda a imprensa que acompanhou a leitura do relatório, qual o conteúdo do relatório? Quais as conclusões? Quem foi considerado culpado ou inocente? Me parece que esta é a informação mais relevante.

João Paulo

Qual o motivo de 12 vereadores boicotarem a CEI? Por que só 01 vereador teve coragem de ir até o fim nestas investigações?

Antonio Pereira

Essa situação de ostracismo já era esperada, tendo em vista os vereadores que participaram desta CEI não terem nenhum interesse de investigar ou esclarecer nada. A população da cidade lembrará deste e de outros fatos no dia da eleição, uma vergonha completa para a nossa cidade.

Daniel

Ué, e cade a tal YBR que tem contrato em tudo? Além de ser careira ainda tem que ter um contrato para cada coisa? Logo logo vai ter um contrato de transmissão para cada vereador que subir na tribuna: Será assim: Opa, Sr. Vereador, voce não tem contrato conosco para que seu pronunciamento seja transmitido kkkkk

27/04/2017

Justiça concede liminar para tentar barrar greve geral em ônibus e metrô

Numa tentativa clara de barrar a greve geral contra as reformas da Previdência e Trabalhista,...

27/04/2017

Câmara aprova proposta de reforma trabalhista; texto segue para o Senado

Após quase 14 horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu, na madrugada desta quinta-feira...

26/04/2017

Vereadora Priscila Sampaio fará pedágio contra o jogo Baleia Azul em Taboão

Preocupada com a disseminação do trágico jogo virtual baleia azul, que já levou vários...

26/04/2017

Vereadores de Taboão aprovam regulamentação do uso da sede da Câmara Municipal

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por unanimidade na sessão desta terça-feira, 25,...

26/04/2017

Senado aprova em 1º turno fim do foro privilegiado de políticos e autoridades

Senado aprovou nesta quarta-feira (26), em primeiro turno, a proposta de emenda à Constituição...

26/04/2017

Temer decide cortar ponto de servidores que entrarem em greve

O presidente Michel Temer decidiu que cortará o salário dos servidores que participarem da greve...

25/04/2017

Bom Prato de Taboão começa a funcionar nesta quarta (26) com almoço a R$ 1,00

O prefeito de Taboão da Serra, Fernandes Fernandes Filho, anunciou no começo da noite desta...

22/04/2017

Taboãoprev presta contas de 2016 em audiência da Comissão de Finanças da Câmara

A Autarquia Previdenciária do Município de Taboão da Serra (Taboãoprev) realizou prestação de...

28/04/2017

Manifestantes fecham Régis param a região por causa da greve geral

A greve geral deflagrada em protesto contra as reformas da previdência e trabalhista...

28/04/2017

Ônibus intermunicipais param em adesão a greve geral contra as reformas de Temer

Os moradores de Taboão da Serra, Embu das Artes e Itapecerica da Serra que utilizam o transporte...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.