Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Saúde

Médicos Paulistas estão mais satisfeitos com o SUS do que com os planos de saúde

Por Outro autor | 19/03/2012

No estado de São Paulo, 74% dos 58.000 médicos que atendem planos de saúde consideram ruim  ou    péssima a relação das operadoras com os profissionais. O dado é de uma pesquisa inédita do Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp), realizada pelo Instituto Datafolha em abril de 2011, com 644 médicos.

A crise entre a classe médica e os planos de saúde  deteriorou muito nos últimos quatro anos. Em 2007, 43% dos médicos que atendiam planos de saúde já afirmavam que tinham problemas com as operadoras, especialmente relacionados a  baixos valores de honorários médicos, glosa ou negação de consultas, internações, exames, procedimentos e outras medidas terapêuticas.

Em 2011, o Cremesp também quis saber como anda a relação dos médicos com os empregadores públicos (com o Sistema Único de Saúde – SUS). Na avaliação de 59% dos médicos a relação do SUS com os profissionais é ruim ou péssima. Ou seja, os médicos estão mais insatisfeitos com os planos de saúde ( 74%) do que com o SUS.

ALGUNS DADOS DOS PLANOS DE SAÚDE EM SÃO PAULO
•    Cerca de 58.000 médicos atendem planos e seguros de saúde  em São Paulo ( dentre os 106 mil médicos em atividade no Estado)

•    Funcionam em São Paulo 327  operadoras de planos de assistência médico-hospitalar  com registro ativo na ANS (139 empresas de  Medicina de Grupo, 82 cooperativas médicas, 55 planos de autogestão, 44 planos mantidos por Santas Casas e 7 seguradoras de saúde.)

•    São Paulo tem 18, 4 milhões de usuários de planos de assistência médica ( dentre 46,6 milhões de beneficiários no Brasil ). É o estado com maior presença da assistência suplementar: 44,7% da população têm plano de saúde, sendo 59,8% de cobertura na capital e 39,1% no interior.

Assessoria de Imprensa do Cremesp:  

Ari Mascarenhas

30 dias para preencher uma ficha!!! Sou um cidadão itapecericano que, por uma infelicidade qualquer necessitou do serviço público de saúde e buscou auxilio na UBS Salvador de Leone, no centro desse município, no ultimo dia 19/03/2012, chegando ao local fui informado por uma atendente que deveria fazer a carteirinha do SUS. Entreguei meus documentos e a mesma preencheu uma ficha a mão e disse para que eu aguardasse uma semana pra voltar e buscar a carteirinha. Primeiro ponto, eu precisava de atendimento naquele dia e fui jogado para uma semana por uma questão burocrática da unidade. Segundo ela, a responsável por digitar os dados no computador estava muito atarefada. Minha pergunta: O que o cidadão que precisa de saúde tem a ver com isso? È uma vergonha uma cidade como a nossa, com uma das arrecadações mais significativas da região, não ter dois funcionários para preencher formulários eletrônicos na UBS. Enfim, aceitei porque entendi que se tratava de uma confecção um tanto quanto sofisticada até que a funcionária me apresentou a tal carteirinha do SUS. Trata-se de 1/10 de uma folha de sulfite, com as informações oficiais xerocopiadas e os dados do usuário preenchidos a mão. Aí a funcionária pede ao usuário que plastifique aquela porcaria, com ares de imposição. Em pleno século XXI, os dados da carteirinha são preenchidos a mão. Meu Deus!Fui pra casa e retornei ao posto hoje, 28/03/2012, exatos 9 dias depois e, acredite, minha carteirinha, feita de papel sulfite não foi concluída porque os “escribas” não tiveram tempo hábil para escrever. Estou sem atendimento porque não conseguiram preencher um formulário com 4 itens (que compõem a carteirinha). Não posso consultar um médico porque não conseguiram escrever meu nome, RG e endereço no espaço de 1/10 de folha de sulfite. Isso não é o fundo do poço. É o abismo da incopetência dos funcionários de uma unidade básica de saúde. Nunca vi tanta desorganização e tanto descaso. A propósito, ao ser interpelada por esse ato absurdo, a funcionária disse que a culpa é da secretaria, e eu concordo. Afinal, manter funcionários como esse e em numero reduzido é o mesmo que não querer que a população seja atendida. Estou indignado e vou divulgar com toda a minha força a quem eu puder para que essa indignação se multiplique, já que não se trata de um fato isolado, outras pessoas, a quem comentei isso, disseram que passaram pelo mesmo constrangimento. A funcionária disse também que o tempo médio pra se escrever nesse minúsculo papel é de até 30 dias. Como disse espero que essa indignação e multiplique e tenha uma resposta direta nas próximas eleições. O sistema de Saúde de Itapecerica pode bem ser classificado como sistema de doentes, porque ninguém, absolutamente ninguém, consegue um mínimo de atendimento digno na rede publica dessa cidade.

26/06/2017

Cirurgia plástica no inverno traz benefícios que vão do pós-operatório à rotina

Quando começa a preparação para a realização de uma cirurgia plástica, uma das dúvidas mais...

18/06/2017

Profissões: no Icesp, equipe se especializa em tratar ‘dor da alma’

Dizem que na vida só há uma certeza: a de que todos somos finitos. Como lidar com essa verdade,...

13/06/2017

Excesso de peso matou 4 milhões de pessoas no mundo em apenas um ano

Estudo feito pela Universidade de Washington aponta a obesidade como uma crise de saúde pública...

09/06/2017

Simulado Start é aplicado para profissionais do SAMU de Taboão

Profissionais do SAMU de Taboão da Serra (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) participaram...

09/06/2017

Insônia pode ser intensificada com mudanças climáticas drásticas

A insônia pode aparecer por diversos motivos, como ansiedade, estresse ou depressão. Mas...

09/06/2017

Prefeitura de Taboão imuniza 54 pessoas em situação de rua contra a gripe

A Prefeitura de Taboão da Serra realizou na quinta-feira, 8 de junho, um mutirão de vacinação...

09/06/2017

Secretaria de Saúde de Taboão lança Programa Rede de Proteção ao Adolescente

O Programa Rede de Proteção ao Adolescente lançado em Taboão da Serra pela Secretaria de Saúde...

06/06/2017

Governo do Estado de São Paulo solicita 31 milhões de doses extras da vacina

Diante da recomendação feita na última sexta-feira, 2, pelo Ministério da Saúde em ampliar a...

04/06/2017

Vacina contra o vírus H1N1 é prorrogada até o próximo dia 09

O Ministério da Saúde prorrogou até o dia 09 de junho a campanha de vacinação contra o vírus...

03/06/2017

ANS determina suspensão da venda de 38 planos de saúde

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) determinou a suspensão da comercialização...

26/06/2017

Jovem PM feminina inspira e incentiva sonhos de estudantes em Taboão

Com sorriso aberto, simplicidade, carisma, olhos e rosto bem maquiados a policial militar Sara...

26/06/2017

Polícia Civil prende homem que extorquia mulher com vídeo erótico

Na tarde de quarta-feira (21/6), policiais civis do 92º Distrito Policial (Decap) prenderam um...

26/06/2017

Eleição define as integrantes do Conselho da Mulher de Itapecerica da Serra

Uma eleição geral realizada na tarde dessa segunda-feira (19), no Auditório José David...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.