Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Alunos da EMI Emilia participam da Coleta Seletiva em Taboão da Serra

Por Prefeitura Municipal de Taboão da Serra | 3/03/2012

coleta1

Ricardo VazAlunos apreenderam de forma lúdica como reciclar o material e transformá-lo em brinquedo

Alunos da Escola Municipal de Educação Infantil Emília, no Parque Marabá, tiveram um dia de diferente nesta quinta-feira, 01 de março. As quase 600 crianças assistiram vídeos sobre a importância da Coleta Seletiva e de como dispensar corretamente o lixo doméstico. De forma lúdica e divertida, a meninada separou o lixo orgânico do que poderia ser reciclável em casa. Na sala de aula os alunos aprenderam transformar latinhas de alumínio, garrafas plásticas e de refrigerantes, madeira, restos de tecidos e outros materiais, antes vilões do meio ambiente, em brinquedos, artesanato e jogos.

A bióloga Morgana Tomaz, da Secretaria de Habitação, Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente de Taboão da Serra aproveitou os vídeos sobre Coleta Seletiva, desenvolvidos pelo Governo do Estado de São Paulo, para levar informação e cidadania aos pequenos taboaneses.

“Nosso objetivo é apresentar o documentário em todas as EMIS e EMEFES da Cidade. Nossos alunos vão aprender de pequenos a responsabilidade que devem ter com o planeta.”, explica Morgana. A bióloga afirma que ações como essa são imprescindíveis para despertar a consciência e importância da reciclagem ainda na primeira infância.

A Diretora da escola, Ana Júlia Ikuta, acredita que é natural da criança o poder da criação e transformação. “Antigamente nós mesmos fazíamos os brinquedos em casa. A criança de hoje precisa recuperar seu instinto criativo e com isso adquirir consciência de sustentabilidade.”, alerta a educadora. Estímulos simples como esses são vitais para a formação de cidadãos responsáveis e conscientes no futuro, lembra.

A Professora do jardim I-G, Tânia Fidelis alfabetiza crianças de quatro e cinco anos. A educadora conta com alegria a reação dos alunos ao participarem da Oficina que transforma o lixo que elas trazem de casa, em produtos novos como brinquedos e jogos. “Atualmente as crianças já tem uma noção ecológica, o que fazemos é incitar e instigar a consciência e importância da coleta seletiva, começando dentro de casa”, explicou a professora.

A pequena Thalyta Conceição Fausto dos Santos, aluna do Jardim I da EMEI Emília foi categórica. Com seus quatro aninhos, a menina disse que vai ensinar para os amigos e família tudo que aprendeu. “Eu entendi que tenho de jogar fora o lixo orgânico, mas podemos nos divertir e fazer um monte de brinquedos como esse que fiz (Bill Bilboquê) e ainda ajudarmos a salvar o planeta.”, orgulha-se a pequena.

“E é esse sentimento de orgulho e alegria que toma conta das crianças ao transformar o velho, o lixo, o descartável em objetos de diversão e arte”, disse a coordenadora pedagógica Márcia Santos da Silva Penha.  

Márcia lembra que é o segundo ano que a EMEI Emília faz o dia da Coleta Seletiva. Segundo ela, a família é orientada a participar e auxiliar os alunos a separar o lixo bom, que é depositado em caixas nas salas de aula e posteriormente reciclados pelos alunos. “Ensinamos as crianças o que deve ser descartado (lixo orgânico) e pode ser reaproveitado. Nossos alunos passam a ser disseminadores da Consciência Ecológica e da coleta seletiva. Eles precisam aprender desde cedo à importância da reciclagem e seus reflexos no planeta.”, finaliza.

Por Adriana Alkmim

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.