Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Alunos das Creches de Taboão ainda esperam vagas

Por | 9/02/2012

creche2_interna

DivulgaçãoCrianças aguardam vagas nas creches

As aulas já começaram e apesar de não terem conseguido vagas para este ano, os alunos das creches de Taboão da Serra ainda esperam ansiosamente por uma oportunidade de estudar. Enquanto a vaga não chega, o jeito é ficar o dia todo em casa, ou, no último caso, estudar em escola particular.

As mães destes alunos, por sua vez, aguardam mais uma, dentre tantas, conversas com a Assistente Social da Prefeitura, para definir de vez, se conseguem vaga ou não. Neste meio tempo, entre uma esperança e outra, as mães procuram maneiras de entreter seus filhos em casa, ou precisam contratar alguém para cuidar das crianças.

Essa realidade na cidade de Taboão da Serra se repete mais um ano na família de Valquíria Santos, ela, assim como diversas mães, não conseguiram vaga para seus filhos e novamente, por necessidade, porque trabalham fora, precisam desembolsar por volta de R$ 300 para matricular as crianças em escolas particulares, ou pagar alguém para que fiquem com eles.

A reportagem do Jornal na Net visitou novamente a residência dela e constatou o seu filho, Matheus, impaciente e já sem opções de brincadeiras. “Não sei mais o que eu faço. Nada que eu tente, anima ele que a cada dia fica mais impaciente, isso que só está na primeira semana, imagina mais para frente. A esperança é que a vaga saia ainda este ano, se não vou ter que optar por escola particular ou uma babá”, disse.

Em resposta a matéria  “Alunos das EMEIS de Taboão da Serra ficam sem vagas”, publicada na segunda-feira, dia 6, no Jornal na Net, confira aqui, a Secretaria de Educação Ciência e Tecnologia  esclarece  que  diferentemente do que informa a reportagem,  é garantida vagas para todos os alunos de Educação Infantil, a partir de quatro anos de idade. “O déficit que existe na cidade e, em todo o País,  é  o de  creches”, afirma a nota.

A reportagem publicada não especifica a idade das crianças que ficaram sem vagas, mas observa nesta segunda matéria, que a maioria das mães, principalmente da Dona Valquíria, não conseguiram vagas para seus filhos de dois a três anos nas creches do município. A informação de que seriam falta de vagas nas EMEIS foi equivocada.

A Secretaria de Educação Ciência e Tecnologia afirma que fez e vem fazendo muito para melhor atender essa demanda.   De acordo com a nota, desde 2005, por meio de parcerias e construção de novas unidades, a Prefeitura disponibilizou  cerca de cinco  mil novas vagas.  

“Esse ano, Taboão da Serra receberá mais um  Programa de Atendimento à Criança (PAC Sagrado Coração), no jardim Comunitário. Também já está em licitação quatro novas creches, que serão construídas nos bairros: Parque Pinheiros, Reserva da Mata, Ponte Alta e Jardim Irapuã”, informa a nota.

Por fim, a nota aponta que o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostra que o déficit de  escolas públicas  na educação infantil  no Brasil é de 30% e afirma que muitos municípios brasileiros ainda não conseguiram atender nem o segmento de 4 a 6 anos.

“Universalizar esse segmento exigiu muito esforço  e comprometimento da Prefeitura de Taboão da Serra  que  vem buscando parcerias para ampliar ainda mais o número de creches. Um desafio de todo o País”, finaliza a nota de esclarecimento.


Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.