Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Justiça de Taboão determina que prefeitura respeite jornada de trabalho dos professores

Por Márcio Amendôla | 6/02/2012

evilaio

Arquivo Jornal na NetPrefeito vai ter que cumprir com a determinação a partir desta segunda-feira, dia 6

O Juízo da 2ª Vara Cível do Fórum de Taboão da Serra acaba de conceder liminar ao Sindicato dos Funcionários Públicos de Taboão da Serra determinando que a Prefeitura Municipal obedeça à composição máxima da jornada de trabalho dos professores da rede municipal de ensino em 2/3 (dois terços) em sala de aulas, sendo que 1/3 deverão ser cumpridos em atividades extra-classe, conforme determinação do CNE (Conselho Nacional de Educação), que o prefeito Evilásio Farias não vinha cumprindo. Por causa disso, a presidente do Sindicato dos Servidores, Sandra Cristina de Souza, por meio do advogado Fábio Gaspar, entrou na Justiça com pedido de liminar para que a jornada legal fosse aplicada imediatamente, na abertura do ano letivo de 2012, o que não vinha ocorrendo nos últimos anos do governo Evílásio.

No dia 16 de janeiro o sindicato dos funcionários públicos tentou negociar a jornada legal com a prefeitura, por meio de ofício ao Secretário de Educação, José Marcos dos Santos, que ignorou o pedido e nem sequer respondeu, positiva ou negativamente. Diante disso, o Sindicato não teve outra alternativa senão entrar com mandado de segurança com pedido de liminar no Fórum de Taboão da Serra.

Segundo a determinação do juiz que analisou o caso, “a lei que estabelece o Piso Salarial Nacional do Magistério Público (lei nº 1.738/08) estabelece que ‘na composição da jornada de trabalho, observar-se-á o limite máximo de 2/3 (dois terços) da carga horária para o desempenho das atividades de interação com os educandos’ (art. 2º). Significa, portanto, que 1/3 da jornada do professor deve ser destinada a atividades extraclasses, priorizando-se, assim, a qualidade do ensino”.

Segundo despacho do magistrado, “os documentos juntados pela impetrante indicam que no Município de Taboão da Serra a legislação ainda não vem sendo cumprida, sendo inferior a 1/3 da jornada de trabalho o tempo que os professores da rede municipal de ensino deste município se dedicam às atividades extraclasse. Vislumbra-se a plausibilidade do direito alegado pelo impetrante, pois, tratando-se de lei federal, cuja inconstitucionalidade não foi declarada pelo Supremo Tribunal Federal, cabe ao Município organizar a jornada de trabalho dos professores municipais em consonância com a lei, de forma que no mínimo 1/3 do tempo dos professores seja dedicado a atividades extraclasses”.

Violação de direito líquido e certo

 

O juiz concedeu a liminar diante do “periculum in mora, na medida em que o ano letivo está prestes a iniciar-se, havendo risco de violação a direito líquido e certo dos professores caso a lei federal não seja respeitada”. Em função disso, o magistrado determinou que a prefeitura, já no início deste ano letivo promova “a adequação da jornada de trabalho dos professores municipais de forma a atender o disposto no art. 2º, parágrafo 4º, da Lei nº 11.738/2008”.

A adequação da jornada de trabalho de centenas de professores da rede pública municipal não anula eventuais processos que professores lesados por uma jornada excessiva em sala de aula possam mover contra a prefeitura, a fim de receberem as horas extras trabalhadas indevidamente.

18/10/2017

Inscrições para cursos gratuitos por ensino à distância são abertas em Embu

A Prefeitura de Embu das Artes, por meio da Secretaria de Trabalho e Emprego em parceria com...

16/10/2017

Carreira de professor desperta cada vez menos o interesse de jovens

A falta de reconhecimento e de condições de trabalho tem atraído cada vez menos alunos para uma...

11/10/2017

Vereador André Egydio é atendido e Bom Escolar é implantado no Poupatempo

O vereador Dr. André Egydio (PSDB) teve, mais uma vez, suas solicitações atendidas pelo...

10/10/2017

Brasil deve reduzir desigualdades na educação para cumprir metas, diz estudo

A redução das desigualdades entre as regiões brasileiras no acesso e na qualidade da educação é...

10/10/2017

Enem 2017 terá detectores de metal em todos os banheiros, diz Inep

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 vai utilizar 67 mil detectores de metal, de acordo...

08/10/2017

Núcleo de Formação para Futuros Cidadãos forma 40 alunos em Itapecerica

A Escola Asas Brancas da Serra, em Itapecerica da Serra, recebeu recentemente a formatura de 40...

06/10/2017

Escola Estadual do Jd. São Luiz II passa a se chamar EE Professor Henrique Costa

A direção da Escola Estadual Jd. São Luiz II, em Embu das Artes, promoveu um evento para...

04/10/2017

Escola E. M. Marajoara em Embu está em clima de Olimpíada Literária

Desde o lançamento do Edital da Olimpíada Literária em agosto deste ano, o clima mágico vivido...

29/09/2017

Inscrições abertas para cursos do SENAC em parceria com a Prefeitura de Taboão

Uma parceria entre a Prefeitura de Taboão da Serra, através da Secretaria de Desenvolvimento...

24/09/2017

Matematicando transforma Parque das Hortênsias em sala de aula ao ar livre

Pelo terceiro ano seguido o Parque das Hortênsias, em Taboão da Serra, se transformou em uma...

18/10/2017

Taboão teve sessão histórica para as mulheres e com aprovação de leis

O grito silencioso das mulheres vítimas de violência ecoou com força e fez da sessão desta...

18/10/2017

Aneel autoriza reajuste nas contas de luz de consumidores do DF, GO e SP

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou hoje (17) reajustes nas contas de luz...

18/10/2017

MPF e MPT recomendam revogação de portaria que muda regras do trabalho escravo

O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal (MPF) recomendaram ao...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.