Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Consumidores reclamam da proibição de sacolas plásticas

Por Karen Santiago | 25/01/2012

sacola

Karen SantiagoConsumidores optam por sacolas retornáveis, mas não estão satisfeitos

Descontentamento dos consumidores e dificuldade em carregar as compras marcaram o primeiro dia da não distribuição de sacolas plásticas nos supermercados das cidades de Itapecerica, Embu das Artes, Taboão da Serra e toda São Paulo. Caixas de papelão e sacolas retornáveis serviram como solução imediata, mas não agradaram.

A mudança de hábito que surgiu de maneira obrigatória causou muita reclamação. A maioria das pessoas entrevistadas pela reportagem do Jornal na Net afirmaram que são favoráveis a não distribuição delas, em prol da preservação do meio ambiente, mas dizem que elas deveriam ser banidas e não vendidas, porque desta maneira, segundo eles, realmente as sacolinhas não seriam utilizadas mais.

“Não distribui mais vende. Do que vai adiantar essa mudança, se as sacolinhas vão continuar em circulação? Se querem banir para a preservação do meio ambiente (planeta) não vendam as sacolas plásticas mais”, comentou Maria Aparecida.

sacola1

Para quem tem carro, as compras são carregadas em caixas distribuídas pelos supermercados

André de Oliveira observou que apesar de usar as sacolinhas retornáveis a partir de hoje para fazer as compras, vai continuar do mesmo modo com o lixo doméstico, jogado em sacolas plásticas que aguardam serem recolhidas pela coleta. “Essa lei obrigada o consumidor a comprar as sacolas, sem retirá-las de circulação. Vai diminuir o consumo, mas não proibi-lo, poluindo de qualquer forma”, pontuou.

As pessoas que não tem carro são as que mais sofrem com lei. Elas precisam carregar as compras na mão, comprar sacolas retornáveis, plásticas, ou até levar em caixas de papelão os produtos comprados. Outras até levam para os supermercados sacolas de plástico mais resistente e após as compras, arrumam a ordem das compras e colocam na sacola, como é o caso do senhor de 80 anos, Antônio dos Santos.

“Essas sacolas que eram distribuídas e agora são vendidas são fracas. Trago a minha de casa, que é mais resistente. Não gostei das mudanças, porque a não distribuição só favoreceu quem tem carro, agora quem anda a pé, de ônibus ou moto, não pode realizar compras de muitos produtos, porque se não terão dificuldade para voltar pra casa”, disse.

Confira texto da Lei completa aqui.


25º

Damião

Sr.Werner, infelizmente aque em Taboão da Serra ainda não esiste a coleta seletiva para reciclagem do lixo, portanto não leva a nada os municipe separá porque quando o caminhão recolhe mistura tudo no mesmo compartimento.

24º

Márcio Camargo

As pessoas aceitam tudo. Tem vergonha de pedir sacolinha; um direito do consumidor. Para cuidar do planeta é preciso reeducar; e não proibir ou enganar o pobre consumidor. Exija sua sacolinha quando realmente precisar. Márcio Camargo marciocamarguinho@gmail.com

23º

Elaine

Não sou contra a proibição das sacolinhas sou contra a venda das mesmas. O que nos era dado agora esta sendo cobrado, e no que isso ajuda o planeta já que a circulação continua. Se a coleta seletiva no Brasil funcionasse seria muito melhor pois reciclariamos não somente as sacolinhas mas também todo material de díficil decomposição.

22º

Juliano

Ninguem é obrigado a comprar as tais sacolas. Basta levar as suas de casa. Se eu faço pq vc nao pode fazer?

21º

jerus de andrade rossatto

é facil se todos fazer uma compra de 800,00 e passa no caixa apos fazer isso fala que não quer mais as compras

20º

Marta Monica Rubens de Macedo Silva

ACHO UM ABSURDO ISSO. PORQUE NÃO COLOCAM SACOLAS BIODEAGRADAVEL NO SUPERMERCADO AGRADARÃO Á "GREGOS E AOS TROIANOS", MAS NÃO, VAMOS EXTORQUIR OS IDIOTAS DOS CONSUMIDORES QUE USAM AS SACOLINHAS PARA POR O LIXO DE CASA E AGORA TERA QUE COMPRAR SACOS DE LIXO NO SUPERMERCADO E GASTAR MAIS.

19º

Marco

Devemos boicotar os supermercados que não fornecem sacolas em detrimento dos outros estabelecimentos que continuem fornecendo. Vejo que a APAS apenas se importa com o lucro que a eliminação dessas sacolas vai trazer. São milhões de reais que não sairão mais dos bolsos dos supermercadistas e esse valor não será repassado ao consumidor como barateamento dos produtos. O valor das sacolas plásticas, assim como agua, luz, etc já compoem o preço do produto e esse valor agora não será descontado do preço final. Pelo contrário, com essa medida, os nobres supermercadistas encontraram mais uma forma de lucro, vendendo sacolas. Sejamos coerentes, existem muitas outras formas de salvar o planeta. Não façamos papel de bobos. Boicotem os supermercados que não fornecem serviço adequado e convenhamos, não é carregar compras em caixa de papelão que salvará o planeta. Isso é humilhação.

18º

TIMOTEO MARTINS

BOA NOTICIAAAAAAAAAAA O GRUPO COOOP MERCADOS DE SOROCABA VOLTOU A DISTRIBUIR SACOLAS,,,EM SUAS LOJAS DA CIDADEE 06/2-2012

17º

Getulio

A modernidade a evolução trouxe muita praticidade e comodidade, porém muitas vezes trazem também prejuízos para o meio ambiente. Sou contra o fornecimento gratuíto das sacolinhas porque tudo que é grátis há o exagero e neste caso estamos transformando o planeta que na verdade é a nossa grande casa de todos em um grande lixão. Não sei porque essa polemica toda, sendo que muitos consumidores fazem suas compras nos Atacadões, nos Assaí que sempre cobraram pelas sacolinhas. E o Procon nunca teve que interferir. O triste é que cada um olha só no próprio umbigo. No hoje no agora e o AMANHÃ?.

16º

rosangela

isso ja virou uma palhaçada, mercado não fornecer mais sacolinhas.

15º

Walter Moreira

Estava em um supermercado Extra hj 31JAN12, e a minha frente vi um senhor fazer um compra de 49,00 reais, ai para alegria do grupo pão de açucar, aquele Sr teve que comprar duas sacolas "ECOLOGICAS" no valoe de 8,90 cada sacola ou seja o pobre consumidor acabou sendo obrigado a gastar 1 terço do valor de suas compras apenas para ter o direito de transportar aquilo que ele adiquiriu em um estabelecimento que deveria ter o dever de fornecer um meio para que nós consumidores pudessemos transportar as mercadorias ali compradas.

14º

Iolanda

Boa noticia, pessoal! O supermercado Faixa Azul do Jd. Vazame acatou a reclamção do povo e voltou a distribuir sacolinhas para os consumidores, entenderam que era muito humilhante sair com as compras na mão. VALEU FAIXA AZUL!!!!

13º

everaldo

eu também acho um absurdo essa proibição. Acredito ser uma quadrilha formada por políticos,e donos de super mercados para ganhar mais e gastar menos, e como sempre quem paga o preço é o povão, é ridiculo vc sair de um mercado com os produto não mão, È muito facil é só colocar outro tipo de pacote como as sacolinhas de papel, mas acho que ninguem deve ter pensado nisso pois é muito obvio!! estamos cercados por politicos safados!!!!

12º

Bianca

Bom para o supermercado.

11º

Renata Costa

Temos que parar de ser bobos dos donos de supermercados. Bom para o planeta? Conta outra! É bom só para o bolso deles. E as garrafas pet e as outras centenas de embalagens de plastico? Porque tirar só as sacolas? Ora, se for para ser ecológico teremos que acabar com as garrafas pet, teremos que proibir meios de transporte que poluem o ambiente, teremos que proibir o papel... teremos que voltar no tempo. Temos que exigir que os supermercados forneçam as sacolas recicláveis. E se eles não deram nada para carregarmos nossas compras, simplesmente deixaremos os produtos no caixa. Chega, já pagamos mais embalagem do que produto e ainda teremos que pagar sacolas? ou teremos que carregar nossos produtos no ombro como se fossemos ladrões?

10º

SUELI AMORIM

Uma lei absurda que, mais uma vez, obriga o consumidor a pagar a conta. As sacolinhas estão proibidas...pelo bem do planeta ... OK! Entendo, assim, que foram excluídas das planilhas de custos de todos os produtos vendidos; então, todos os produtos baixaram de preço! Que beleza... um País ecologicamente correto e economicamente correto também. Não... estamos no Brasil! As sacolinhas foram proibidas, mas não foram excluídas das planilhas de custos dos produtos e, se vc quiser carregar suas compras, COMPRE NOVAS SACOLINHAS a R$0,19 cada ou carregue sacolas reutilizáveis. Quando vc sair para trabalhar às 6h00, por exemplo, de ônibus ou à pé (nem todos têm carros) leve junto sua sacola, ou seu carrinho de compras, ou sua caixa de papelão, imaginando que você poderá lembrar de algo para comprar, até o final do dia ... porque o supermercado não te oferece nada para transporte. Se os comerciantes não podem mais oferecer sacolinhas plásticas, eles deveriam proporcionar QUALQUER OUTRO MEIO DECENTE DE TRANSPORTE, em substituição... mas, ora... tão fácil! Temos à venda! Ganha o governo, ganham os comerciantes que deixam de ter uma despesa imensa em função da quantidade de embalagens que não precisam mais comprar mas que fazem parte do custo final de cada banana que você compra; ganham os fabricantes de sacos plásticos biodegradáveis e também os fabricantes de sacos de lixo que teremos de comprar e que já estão caríssimos nos supermercados. Um exemplo simples: compro bolachas e gasto cerca de R$ 3,80 - não tenho uma sacola, porque estava somente passeando - tenho de comprar uma sacolinha!!! Mais R$ 0,19, ou seja, o equivalente a 5% do valor da bolacha. Gente!!! Vocês têm ideia de o que significa pagar 5% a mais por uma embalagem? Isso é roubo autorizado por lei ... 5% é quase a inflação de 01 ano! Quem poderá nos defender???

irene Corte

Eu acho está lei um absurdo. Será que estas pessoas já pararam para pensar apenas por um minut. Quando entro no supermercado e começo a circular pelos corredores tudo que vejo E PLÁTICO.Tudo é de plástico: arroz, feijão,água, refrigerante, bala, detergente, amaciante ...,. Quem tem alguma d´vida é só ir ao supermercado mais próximo de casa e ver com os p´róprios olhos. Estão querendo jogar nas costas da população ~uma responsabilidade que ela não tem. Ás sacolas que usamos é uma molécula no oceano. A mudança tem que vir das grandes empresas fabricantes de produtos que utilizam embalagens pláticas. Mas têm muita gente feliz com essa ideia OS DONOS DE SUPERMERCADOS, QUE VÃO LUCRAR MUITO NÃO PRECISANDO OFERECER AS SACOLINHAS. só vai dar gente andando nas ruas com caixas de papelão nas costas. Que papelão em!!!

maria dos anjos freitas teixeira

Sou muito a favor do cuidado com o meio ambiente so nao sou a favor de quem deva pagar a conta,e sempre o povo. porque nao penssaram em uma soluçao antes da proibiçao, fico imaginando as pessoas que vem do trabalho e passa no mercado que tragedia. onibus lotado horas em pe e caixa com compras . bom ne para quem esta so lucrando com o sofrimento alheio

Cahe

Em vários países isso já funciona há muito tempo. Antigamente levávamos as compras em sacos de papel resistentes o que na minha opinião deveria voltar a ser utilizado. Não é o fato de se ter carro ou não mas é o fato de se adaptar. Quanto a jogar lixo em sacolinha plásticas isso é cultura de 3º mundo mesmo, os sacos de lixo estão ai para isso, são maiores e preparados para tal não vamos usar isso como pretexto para criticar a nova lei. Vamos sim respeitar o meio ambiente e fazer a nossa parte. Não compre as sacolinhas plásticas, se for fazer isso compre as biodegradáveis mesmo sabendo que são um pouco mais caras, mas o correto é utilizar as sacolas retornaveis sim.

Rodrigo

isto é uma palhaçada, 99% das embalagens são feitas com plástico, garrafas pet emb vinagre, maionese etc, e é a sacola que paga o pato, at consumidor exija o seu direito na boca do caixa, exija sacola plástica!!!! apenas com um frasco de shampoo da pra ser feito 80 sacolas.

Fernando

Absurdo!Agora além de não ter como carregar as próprias compras somos obrigados a dar lucro as redes de supermercados com a compra de "sacolas reutilizáveis"que,por experiência própria não tem nada de reutilizável,pois após pagar 4.00r$ em 4 unidades,foi a conta de eu chegar em casa para as alças partirem e essas sacolas serem jogada no lixo.E quem não tem um carro?Vão sair carregando compras na cabeça?Dane-se o "politicamente correto"que visa beneficiar sempre as minorias,um país sem governo,onde se levanta dezenas de pessoas para criar leis ridículas enquanto milhares de coisas importantíssimas são deixadas de lado.Literalmente se coa um mosquito e engole um camelo nesse país...sempre em favor das minorias.

Simone

Prá variar, oq não se pensou foi em ajudar a natureza, e sim, o bolso de alguém. Sou totalmente contra essa nova "atitude".

werner bazilio

O governo e a Prefeitura estão de parabéns por esta iniciativa, pois obriga a população a cuidar melhor do seu lixo e separar o resíduo gerado através da Coleta Seletiva. Ser sustentável é poder fazer do lixo um ato de amor ao próximo com a doação de tudo o que pode ser reaproveitado para doação a Cooperativas de reciclagem. Em nossa residência geramos apenas 5 kilos de lixo por mês, apenas com a implantação da Coleta Seletiva e coleta de óleo de cozinha usado, onde doamos ó óleo para a Ong Biobrás e os materiais recicláveis limpos e secos são encaminhados para a Cooperativa Vitória da Penha- fone: 2541-9298 – contato: Sr. Massao. Nossa arrecadação em 2011 foi de 740 toneladas de material reciclável limpo e seco, e nossa meta para 2012 será de arrecadar mais de 900 toneladas com o Projeto Lixo Zero. Todas as nossas ações são divulgadas no site: http://www.comunidadebancodoplaneta.com.br – basta pesquisar como Projeto Lixo Zero. Fazemos coleta em qualquer local da Zona Leste de São Paulo, inclusive em condomínios,empresas, comunidades e comércio em geral e não apoiamos empresas que tenham interesse financeiro na separação do lixo, pois nossa ação é somente social e sem fins lucrativos, nossa meta é apenas geração de trabalho e renda para famílias carentes e catadores de rua

ronaldo

Na minha opinião, acho um absurdo essa lei. Utilizamos sacolas plasticas para carregar as compras e também para colocar o lixo doméstico, porém se não tivermos mais as "sacolinhas" de qualquer forma teremos que jogar o lixo fora certo, o que vai acontecer? Iremos ter que comprar sacos de lixo que também são de plástico, ou seja, é trocar seis por meia dúzia. O lixão vai continuar recebendo sacos plasticos de um modo ou de outro. Na verdade, acho que essa lei não tem nada a ver com o meio ambiente, deve ter interesses financeiros por de trás disso.

Rosana

Com a proibição das sacolinhas plásticas, o supermercado deve ter uma opção sem custo para que o consumidor leve suas compras. No caso, caixas de papelão. O sr Abíio Diniz é muito esperto!! Não colocou caixas disponíveis o que obriga todos à comprarem sacolas reutilizáveis. Ganha duas vezes: economiza com a compra das sacolinhas de plásticos e fatura com a venda de sacolas reutilizáveis. Não sou contra isso. Só acho que o povo não deve pagar. Poe que não ele não lança uma campanha: A cada R$ 30,00 em compra, ganhe uma sacolinha reutilizável? Se fizessem isso durante alguns meses, com certeza não teria tanta rejeição. Mas o fato é que mexe com o bolso desses magnatas e o povo é quem acaba pagando o pato.

22/04/2017

Engenheiro  desaparecido em Itapecerica da Serra é localizado em Curitiba

O engenheiro Cláudio Silvestre Rodrigues, morador de Itapecerica da Serra, que estava...

21/04/2017

Família de engenheiro de Itapecerica cria força tarefa para localizá-lo, ajude!

Uma verdadeira força tarefa formada por familiares, integrantes da Polícia Militar e da Guarda...

16/04/2017

Taboão da Serra realizou 61ª encenação da Paixão de Cristo com inovações

O público emocionado e atento assistiu a 61ª encenação da Paixão de Cristo de Taboão da Serra,...

13/04/2017

Joice Silva e Johnatan Noventa visitam Casa dos Velhinhos Santa Terezinha

“Aqui é um cantinho de céu. E aquelas duas moças são dois anjos”. Foi com essa frase, dita com...

13/04/2017

Nova balada sertaneja em Taboão estreia com show de Helena

Um dos bares mais agitados de Taboão da Serra, localizado Rua José Maria, 123, no Parque...

10/04/2017

3º Encontro de Autismo em Taboão teve público recorde e palestras de alto nível

Com participação de público recorde, palestras de nível elevado e a presença maciça de...

06/04/2017

Festival Gastronômico no Extra Taboão acontecerá nos dias 07, 08 e 09 de abril

Entre os dias 07 e 09 de abril de 2017 (12h às 22h) o Taboão vai ficar ainda mais delicioso! O...

05/04/2017

Moradores do Monte Alegre investem em monitoramento e sinalização contra o crime

Cansados da violência e sem conseguir se proteger contra os assaltos cada vez mais frequentes na...

03/04/2017

Concurso do Tribunal de Justiça terá vagas pra Taboão, Embu e Itapecerica

Taboão da Serra, Embu das Artes, Cotia, Itapecerica da Serra e São Lourenço, estão entre as...

02/04/2017

Giovanna Vergani de 7 anos é eleita Miss Infantil de Itapecerica da Serra

A pequena Giovanna Vergani dos Reis, de apenas sete anos, foi eleita no último dia 18|03, Miss...

24/04/2017

Lar da Criança Feliz promove Festa das Nações para arrecadar fundos

Fundada em 1959, o Lar da Criança Feliz, foi fundado por um grupo de profissionais liberais e...

24/04/2017

Dr. Alcionei Miranda reage a assalto em sua casa e leva tiro na perna

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio de Embu das Artes, advogado...

24/04/2017

Moradores do Parque Santa Adélia em Itapecerica, sofrem com assaltos frequentes

Moradores do Parque Santa Adélia em Itapecerica da Serra, são vítimas constantes de bandidos,...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.