Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Saúde de Taboão pode virar um caos por falta de verba

Por Ana Paula Timóteo | 1/12/2011

cei1

Eduardo ToledoVereadores participam da Comissão Especial de Inquérito (CEI) de Taboão da Serra

A sessão pública para a Comissão Especial de Inquérito (CEI) de Taboão da Serra, realizada nesta manhã, trouxe à tona uma grande crise na gestão da saúde do município. Com a presença do presidente da CEI, José Aparecido Alves, os vereadores Olívio Nóbrega, Wagner Eckstein, a vereadora Fausta e o presidente da Organização Social Iacta Saúde, Eduardo Vasques da Fonseca, que foi convocado para prestar esclarecimentos. Com o objetivo de apurar as irregularidades financeiras da prefeitura municipal, a sessão teve sua pauta alterada após descobrirem a falta de pagamento dos recursos destinados a saúde. 

No decorrer da sessão, ao ser questionado sobre os recursos financeiros pagos pela prefeitura para a ONG Iacta encarregada de gerir o Pronto-Socorro Antena, responsável por metade dos atendimentos médicos prestados no município, Eduardo Vasques revelou que há 4 meses não existe o repasse da verba: "Estamos há 4 meses sem receber, a dívida soma cerca de R$ 10 milhões, por enquanto o atendimento não foi prejudicado, porém não estamos mais conseguindo manter a equipe médica e o padrão. São profissionais altamente qualificados que não estão recebendo para trabalhar". E enfatizou que se não houver o pagamento será obrigado a cancelar o contrato com a prefeitura. 

O vereador Olívio Nóbrega questionou como a Iacta está arrecadando recursos para quitar dívidas essenciais como o fornecedor de alimentos para o Pronto-Socorro. O presidente da ONG contou que os serviços estão mantidos devido a acordos e empréstimos financeiros e que até seus bens pessoais estão em jogo. "A empresa que fornece a alimentação está sendo paga com atrasos, e eles querem parar o fornecimento, estamos tentando contornar a situação, mas não sei até quando será possível", relatou Fonseca. 

Com a surpresa do relato, o vereador Olívio Nóbrega se assustou com a proporção que esse problema pode tomar, e os transtornos que vai causar na saúde municipal, segundo ele, os vereadores não tinham conhecimento do não pagamento para a ONG Iacta: Taboão sofrerá um blackout da saúde, o pagamento deve ser feito com urgência para evitar não a paralisação dos serviços". 

Participante da Comissão de Saúde, o Vereador Wagner Eckstein prometeu levar a preocupante questão ao prefeito municipal Evilásio Farias, em uma reunião que terá hoje à tarde. E disse não entender o motivo da prefeitura não honrar as dívidas. "A prefeitura tem esse recurso, não tem desculpas para o não pagamento." 

Com orçamento de cerca de 400 milhões anuais, no qual o mínimo de 15 por cento é obrigatório terem como destino a saúde, o presidente da comissão se manifestou e ressaltou que a saúde dos taboanense devem vir em primeiro lugar na gestão. "O que adianta muitas festas na Praça Luiz Gonzaga, e não garantir o que é prioridade?" deixou a pergunta no ar o vereador Cido.

Quando questionado pelos vereadores a cerca da prestação de contas feita mensalmente, Eduardo Vasquez relatou que está incluso nos relatórios enviados a Secretária e ao Conselho Municipal de Saúde, que os órgãos competentes estão cientes da grave situação. 

Após a revelação, a sessão perdeu totalmente o foco, que era a busca por informações para apurar a fraude na arrecadação de tributos da prefeitura de Taboão que resultou em um rombo superior a R$ 10 milhões aos cofres públicos, e levou a cadeia os vereadores Arnaldinho, Carlos Andrade e José Luiz Elói. "Nada justifica o atraso do pagamento, acabamos fugindo da pauta inicial, iremos chamar o secretário de Administração Marcelo Rioto para esclarecer outras dúvidas", concluiu o vereador e presidente da Comissão Especial de Inquérito.


11º

luiz

Vocês não reclame porque tudo isso e culpa do cidadão de Taboão que quer votar por interesse e acaba acontecendo isso quando for no ano que vem procure escutar um candidato que vai falar o que pode e não pode fazer um vereador porque hoje nas campanha eleitoral os vereadores promete algo que só o prefeito pode fazer e outra coisa quando um vereador promete algo não é só ele que pode fazer e sim tem que ser aprovado por 13 vereadores os 13 aceitando a lei ai sim pode ser comprida a promessa dele,e ainda mais quando e para a provar uma lei muitas vezes os vereadores então presta atenção antes de votar e por favor não reclame os únicos culpados são todos os cidadão de Taboão que não soube escolher direito seu candidato e outra coisa e quando chegar as eleição assistam os horários politicos ai você analisa seu candidato e favor parem de reclamar todos vocês são culpados por isso. Um abraço a todos e um feliz natal prospero ano novo

10º

jbunitinho@hotmail.com

Maria das Graças o contrato quem assinou com a IACTA nao foi os vereadores mas sim o PREFEITO e outra coisa a CEI esta num avanço pra investigar a SAUDE mais alguns Vereadores Que sao base do Prefeito apresentaram um projeto para que a CEI fosse terminada dentro de um prazo de 30 dias com isso nao seria suficiente para investigar tudo e fazer um relatorio o Presidente da CEI Vereador Cido em uma entrevista ao jornal atual disse que vai levar tudo ao ministerio publico

jbunitinho@hotmail.com

Sr Joao a Maria das Graças pode sim passar no PSM pois la existe um contrato que diz ter o serviço de pediatria e se tem o serviço ela tem o direito de ser atendida e da melhor maneira possivel pq no manual do SUS vriado em 1988 diz que o cidadao tem o direito a saude entao Maria se no contrato da IACTA possua a especialidade de pediatria mas nao existe medico Sera que a IACTA esta com funcionario fantasma e com isso arrecadando mais do municipio

joão

Quero falar para a Maria das Graças que o hospital infantil foi feito para atender as crianças,o que ela foi fazer na antena com a criança, acorda maria...

laercio

mais atestados de incopetencia pra esse povo, como pode essa comissão especial de incopetentes esta cada dia decepcionando ainda mais a população, os caras de pau teveram a coragem de dizer que não sabiam da falta de pagamentos da prefeitura pra ong, o que esses filhos da mãe estão fazendo na câmara, pelo amor de Deus, alguem tem que fazer alguma coisa, cada a Dra. Flavia pra mandar prender o resto desses caras de pau, tenham do do povo de nossa cidade, parem de pensar apenas em tirar beneficios nas negociatas feitas na calada da noite, socorram nosso povo caramba !!!!

Maria das Graças

Precisei levar meu sobrinho no pronto socorro do Antena e fui informado que não havia médico Pediatra, acompanhei hj os trabalhos da CPI pela inernet, e ouvi que consta no contrato esta especialidade, e muitos dos Vereadores em vez de investigar a Empresa, ficam elogiando o trabalho da mesma, que vergonha para estes Vereadores, um contrato tão caro e um péssimo serviço, temos que lotar esta Cãmara e exigir atitudes destes que se dizem representantes do Povo.

Antonio Ribeiro

Que absurdo. Chame os responsaveis pela contrataçao, Secretario de Saude, Secretario de administraçao e Prefeito. Este contrato e subfaturado com certeza. Está ONG NÃO tem caixa para bancar altos salarios

Fatima Maria

Logo Logo, os vereadores poderiam realizar a CEI do FUNDEB, para onde será que está sendo utilizado este recurso ?

FABINHO DO RECORD

SERA QUE JÁ LEVARAM ATÉ A GRANA DO PS???? TÃO RAPIDINHO NO GATILHO!!!!!! CHAMEM O IVAN PREFEITO !!!!!

jbunitinho@hotmail.com

O Presidente (Vereador Cido) desta comissao esta fazendo um otimo trabalhos junto com seus membros espero que esta comissao possa a cada dia nos informa dessas noticias

Antonio Pereira

Não acredito que essa IACTA está atendendo pacientes há 04 meses sem reclamar de falta de pagamentos. Se realmente estiver conseguindo bancar os gastos do PSM sem receber é porque o valor do contrato está superfaturado pelo serviço prestado. Cadê o Ministério Público?

21/07/2017

Novos funcionários efetivos assumem cargos na Câmara Municipal

A Câmara Municipal de Taboão da Serra deu posse nesta sexta-feira, dia 21, para os novos...

21/07/2017

Vereador Eduardo Nóbrega defende aumento de efetivo da PM em Taboão da Serra

A questão da segurança irá voltar a pauta da Câmara Municipal de Taboão da Serra. O vereador...

14/07/2017

Câmara de Taboão permanece com atendimento ao público durante o recesso

A Câmara Municipal de Taboão da Serra entrou em recesso parlamentar no início de julho e neste...

12/07/2017

MPT pede veto e não descarta entrar com ação contra reforma trabalhista

O Ministério Público do Trabalho (MPT) encaminhou ao presidente Michel Temer, nesta quarta-feira...

07/07/2017

Deputada Analice assume presidência da Assembleia e recebe delegação da Baviera

A deputada estadual Analice Fernandes assumiu interinamente a presidência da Assembleia...

07/07/2017

Assembleia aprova proposta de Alckmin que reduz valores de multa e juros de ICM

Na tarde desta quarta-feira, 05 de julho, a Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou o...

05/07/2017

Tribunal de Contas reunirá prefeitos de Taboão, Embu, Itapecerica e região

Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realiza em Suzano, na próxima quinta-feira...

05/07/2017

Assembleia aprova proposta de Alckmin que reduz valores de multa e juros de ICMS

Na tarde desta quarta-feira, 5 de julho, a Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou o Projeto...

04/07/2017

Vereadora Érica Franquini comemora o sucesso da 1ª audiência pública

Na quinta-feira, 29, a comissão de Segurança da Câmara Municipal de Taboão da Serra realizou a...

04/07/2017

Prefeito Jorge Costa fala sobre projetos de Itapecerica

Reeleito pela quarta vez para administrar a prefeitura de Itapecerica da Serra, o prefeito Jorge...

23/07/2017

Empresário de Taboão está desaparecido e família pede ajuda para encontrá-lo

O empresário e morador de Taboão da Serra conhecido como Fábio Mario Martins, da Fator Veículos,...

23/07/2017

Habitação: inscrições abertas para moradias no centro de São Paulo

A Secretaria da Habitação recebe até o dia 24 de julho inscrições de interessados em concorrer...

21/07/2017

Prefeitura de Embu traz novo modelo de gestão para alimentação escolar

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.