Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

IBGE aponta melhoria da qualidade de vida em Embu das Artes

Por Prefeitura da Estância Turística de Embu das Artes | 30/11/2011

ibge

DivulgaçãoEntre outros dados, melhoria da qualidade de vida foi apontado

Embu das Artes está mudando. Os primeiros dados do Censo Populacional do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) realizado em 2010 confirmam a crescente qualidade de vida na cidade. Os dados mostram a redução da natalidade, da imigração e do crescimento populacional e o aumento de todas condições básica de vida (como água, energia, esgoto, coleta de lixo), da educação, a redução da mortalidade e a duplicação da população de idosos. A queda do crescimento populacional e da taxa de natalidade aumentou cerca de 50% em relação às décadas anteriores e uma grande ampliação do número de idosos, aproximando a pirâmide etária do formato da pirâmide dos municípios com melhores qualidade de vida do país.

A população do município medida em 2010, 240.230 habitantes, cresceu 15,6% em relação a 2000 (207.663). Isto é, o crescimento nessa década foi a metade do crescimento da década anterior (1991 e 2000, que foi de 33,12%) e 4 vezes menor que a taxa de crescimento entre 1980 e 1991 (62,82%).

Também a Taxa de Crescimento Anual, que mostra uma média de crescimento populacional por ano) caiu pela metade (1,47% entre 2000 e 2010) em relação à década anterior (3,23% entre 1991 e 2000). Ao passo que a população de idosos, acima dos 60 anos, cresceu de 4,033% em 2000 (8.337) para 6,5% em 2010 (15.496). Porém, se a densidade demográfica aumentou de 2.924,4 em 2000 para 3.412,5 em 2010, a média de moradores por casa teve leve redução de 3,9 em 2000 para 3,52 em 2010.

Para o geógrafo Ailton Lucchiari, professor e pesquisador do Laboratório de Sensoriamento Remoto da FFLCH-USP, os dados mostram uma tendência normal do crescimento e da transição demográfica das grandes metrópoles. Segundo Luchiari o Embu já é um município que “atingiu a estabilidade.”Principalmente pelo preço da terra nestes dez anos, apareceram poucos loteamentos clandestinos, e o mercado começa a se estabilizar. Acredito que agora será a vez de Embu-Guaçu, São Lourenço e Juquitiba apresentarem altos índices de crescimento populacional nos próximos anos.” – disse o geografo

Melhoria da qualidade de vida

Os dados também apontam crescimento de 26% no número de pessoas alfabetizadas (206.127), crescimento de 28% no número de domicílios (68.225 em 2010, contra 52.940 em 2000), aumento da quantidade de casas com água encanada (98% em 2010 contra 95% em 2000), aumento do número de casas com banheiro ligado à rede de esgotos de 58,6% em 2000 (31 mil) para 72,7% em 2010 (49.600 casas) e redução das casas com fossas de 16,25% em 2000 (8.600 casas) para 6,89% (4.700 casas). E a ampliação da coleta de lixo de 52.100 casas em 2000 para 68,200 em 2010 (99,9% em ambas as datas).

Bairros limítrofes são os que mais crescem

Os bairros Santo Eduardo e Vista Alegre são os mais populosos de Embu das Artes seguidos de quase todos os bairros da região Leste. Ambos ficam nos limites da cidade com São Paulo e Taboão, respectivamente. Porém ampliaram bastante a ocupação e mancha urbana na região dos Jardins Tomé, Pinheirinho e Mimás que também ficam nos limites do município. O Jardim Santo Eduardo chegou aos 12.800 habitantes e Vista Alegre aos 11.300. Depois vem São Marcos (9250 habitantes), Santa Tereza (8460), Pq Pirajussara (8355), Valo Verde (8338) e Jardim da Luz (7900).

Pinheirinho, na divisa com Itapecerica vem em seguida, já chegando aos 6800 habitantes, seguido de diversos bairros da região Leste (Colégio, Casa Branca, Na.Sa.Fátima, Ângela, Júlia, Novo Campo Limpo e Jd.São Luiz) e depois Esplanada (divisa com Taboão, com 4680) Jardim Silvia (4400), Olinda (4200), Jd. Flórida (4090) e Jd. Santo Antonio (também divisa, com 4807) e Jd.Mimás (3732).

Jardim Santa Luzia (3165) e Jd. Santa Clara (3000), também limites e São Leonardo (1590), Jd.Tomé e Vila Real foram os bairros que mais cresceram e mais habitados da região Oeste.

A unidade administrativa municipal mais habitada, continua sendo a do Colégio e São Marcos com 25.527 habitantes.

Arney Barcelos

11/12/2017

Idosa de 76 anos desapareceu neste domingo em Taboão da Serra

Dona Ana Maria Barbosa, 76 anos,desapareceu quando estava indo para casa onde mora com a irmã e...

10/12/2017

Multidão lota Ginásio Ayrton Senna para acompanhar o Natal Nota 10

Mais uma vez uma multidão de pais e familiares de alunos compareceu ao Ginásio de Esportes...

08/12/2017

Jorge Costa inaugura Unidade de Saúde da Família no Jardim Montezano

O prefeito de Itapecerica da Serra, Jorge Costa, inaugurou na manhã dessa quinta-feira (30) a...

05/12/2017

Justiça autoriza prefeitura de Embu a voltar a cobrar taxa do lixo

Suspensa após liminar a taxa de lixo da cidade de Embu das Artes, volta a ser cobrada. A decisão...

04/12/2017

Aprovado Voto de Louvor à caminhada histórica pelo fim da violência à mulher

A Câmara Municipal de Itapecerica da Serra aprovou por unanimidade na sessão do dia 28,...

03/12/2017

Adolescente que pilotava moto e bateu em ônibus será sepultado na Saudade

O adolescente de 14 anos, conhecido como Tete, que morreu depois de bater na lateral esquerda de...

02/12/2017

Montagem da super estrutura do Embu Summer Fest começou

Texto e fotos: Assessoria de Imprensa do evento

Nesta semana, a A Luz Eventos deu início a...

01/12/2017

Família pede liberdade do carteiro de Embu preso em audiência onde testemunhava

Funcionário dos Correios de Embu das Artes há mais de 20 anos o carteiro Denivaldo Jesus de...

30/11/2017

Caminhada entra na história de Taboão como maior ato contra violência à mulher

Uma multidão de crianças, jovens, adultos e idosos caminhou em Taboão da Serra, vestida de...

11/12/2017

Idosa de 76 anos desapareceu neste domingo em Taboão da Serra

Dona Ana Maria Barbosa, 76 anos,desapareceu quando estava indo para casa onde mora com a irmã e...

11/12/2017

Ney Santos reajusta bolsa da Frente de Trabalho de R$ 350 para R$ 1.000,00

A partir de janeiro de 2018 os integrantes da Frente de Trabalho de Embu das Artes vão receber...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.