Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Queda de moradora de Taboão termina em impasse entre Prefeitura e Sabesp

Por | 10/11/2011

ruas1

DivulgaçãoRuas foram asfaltadas e tampas ficaram abaixo do nível; moradora cai e prefeitura e Sabesp não se responsabilizam

Um impasse entre a Prefeitura Municipal de Taboão da Serra e a Sabesp pode deixar a moradora Vera Regina Villela sem alternativas e respostas. Dona Vera, de 59 anos é moradora do bairro Jardim Saint Morritz e foi vítima de um descuido dos órgãos, uma vez que caiu em uma tampa da Sabesp que está abaixo do nível das ruas do bairro. Na queda, ela quebrou o tornozelo, rompeu o tendão do pé esquerdo e torceu o direito.

O principal motivo pelo acidente, segundo ela foi o recapeamento das ruas do bairro, que receberam asfalto há aproximadamente dois meses. “O recapeamento das ruas foi maravilhoso, mas em compensação as tampas da Sabesp ficaram todas abaixo do nível da rua. Não existe um buraco específico, pois todas as tampas da Sabesp (do bairro todo) apresentam o mesmo problema. E olha que esse que cai é um dos mais rasos, imagine os outros”, observou.

A indignação da Dona Vera é tamanha, que pensa em entrar com uma ação contra a responsável pelo serviço mal feito. “Pensei em até processar a prefeitura, porque só tenho minha mãe de 86 anos e meu marido que tem uma grave doença nos membros inferiores. Sou eu quem faço tudo e agora tenho que ficar de molho dois meses. Sorte que temos um mercadinho em frente de casa”, cogitou.

Vera tem dúvidas sobre os próximos passos, uma vez que não sabe ao certo, de quem realmente é a responsabilidade. “Na verdade não sei se a responsabilidade é da Sabesp. Acho até que é da Prefeitura que fez a pavimentação, pois acredito que deveriam deixar o asfalto por igual, no mesmo nível das tampas. Não entendo nada disso”, disse.

Sem saída, no momento, a não ser esperar sua recuperação, Dona Vera decidiu entrar em contato com a reportagem do Jornal na Net que ciente do grave problema que atingiu a moradora, entrou em contato com a Sabesp e Prefeitura e por meio de conversas telefônicas e via-email questionou de quem é a responsabilidade e quais providências podem ser tomadas para amenizar e, por fim, resolver o problema.

Sabesp e Prefeitura respondem

Em nota a Sabesp informou que em vistoria realizada no local, na última quarta-feira (9), foi constatado que as tampas de ferro pertencem às galerias de águas pluviais, que são de responsabilidade da prefeitura do município.

Em contato via telefone, na última quarta-feira, antes da visita dos técnicos, a assessoria de imprensa frisou que seria sim de sua responsabilidade levantar as tampas, quando a solicitação da prefeitura fosse encaminhada, pedindo a execução de tal serviço.

Por sua vez, o Secretário de Manutenção da cidade, Carlos Eduardo de Toledo, afirmou que a responsabilidade é mesmo da Sabesp. “A Prefeitura realizou as obras de recuperação asfáltica, mas não pode mexer nas tampas da companhia, portanto a Sabesp tem a responsabilidade de levantar as tampas e deixar no mesmo nível das ruas”, ressaltou.

Mais uma vez a Sabesp é o alvo principal de reclamações nas cidades de Taboão, Embu e Itapecerica da Serra. É crescente a insatisfação dos moradores com a prestação de serviço feita pela empresa.

Moradores constantemente reclamam da falta de água, vazamentos na rede de água e esgoto, canos quebrados e buracos sem asfalto depois do conserto que são os principais problemas causados pela empresa em ruas e avenidas das cidades de Itapecerica, Embu e Taboão da Serra.

 

19/04/2018

Moradores comemoram reforma de Praça em Taboão da Serra

Os moradores do Jardim Beatriz, em Taboão da Serra, estão comemorando a reforma e instalação de...

18/04/2018

Fórum São Paulo premiou Promotores do Desenvolvimento eleitos em votação direta

Com a presença de várias autoridades e homenageados, o Fórum São Paulo e o Grupo Organizado de...

12/04/2018

Adolescente de Taboão está desaparecido e família pede ajuda para encontrá-lo

O estudante Luiz Gustavo de Oliveira Vieira, de 14 anos, está desaparecido desde a segunda-feira...

12/04/2018

Moradores reclamam de barulho e música alta em bairro de Taboão

Há cerca de um ano, os moradores do bairro Jacarandá, em Taboão da Serra, vem sofrendo com o...

05/04/2018

Governo de São Paulo vai contratar 800 escrivães e 600 investigadores

As inscrições para o concurso que vai selecionar 800 escrivães e 600 investigadores começam às...

05/04/2018

OAB Taboão lança 3ª edição de revista impressa nesta quinta (5)

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Subseção Taboão da Serra, lança nesta quinta-feira (05) a...

04/04/2018

Concurso do TRT da 2ª Região vai oferecer vagas em Taboão, Embu e Itapecerica

O Tribunal Regional da 2ª Região, São Paulo, vai abrir novo concurso público autorizado para o...

04/04/2018

Procon de Itapecerica da Serra divulga os números do Mês do Consumidor

O Procon de Itapecerica da Serra informa que efetuou 3751 atendimentos durante as ações...

31/03/2018

Embu lidera ranking de estupros e Taboão sai na frente nos casos de roubo

Dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP) mostram que a cidade...

25/03/2018

 Moradores de Itapecerica pedem justiça para adolescente de 14 anos assassinada

Em clima de absoluta comoção familiares, amigos,vizinhos e colegas de escola da adolescente de...

26/04/2018

Bailarina de Taboão da Serra se prepara para grande festival na Espanha

Moradora do jardim Salete, em Taboão da Serra, a jovem Rosana Silva, de 18 anos, está a um passo...

26/04/2018

Força Tática fez 70 flagrantes desde que voltou para Taboão e Embu

Desde que voltou a atuar em Taboão da Serra e Embu das Artes, no dia 2 de dezembro, a Força...

26/04/2018

GCM reforça Operação Cidade Organizada em Itapecerica da Serra

Ação “Cidade Organizada’ realizou no último dia 20, uma operação procurando restringir a...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.