Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Mais 180 profissionais aprovados em Concurso Público são chamados

Por Prefeitura Municipal de Taboão da Serra | 22/10/2011

educa

Marcelo ValladãoProjeto Fazendo Arte na Escola é um dos projetos que fazem diferença na Educação de Taboão da Serra, como referência na região

A Prefeitura de Taboão da Serra, através das  secretarias de Gestão de Pessoas e de Educação realizou, no último dia 18 de outubro, no Cemur, a mais uma chamada de professores que passaram no último Concurso Público realizado, desta vez 180 educadores foram chamados para entrega de documentos (130 professores de Educação Básica I e 50 professores de inglês).

O salário dos educadores da cidade, que é o melhor da região, a valorização do magistério foram alguns dos atrativos para vinda dos profissionais. Muitos deles de municípios vizinhos, como Cleide Soares, 34 anos, que leciona na rede estadual do Embu e em uma faculdade particular.
“Sempre ouvi que a Prefeitura de Taboão era a melhor da região para se trabalhar, além da estabilidade irei receber um salário melhor”, disse ela. Como professora de educação básica, Cleide conta que recebe na rede estadual do Embu, onde leciona há sete anos, cerca de R$ 1.700,00, por 30 horas semanais. Em Taboão, o salário sobe para R$ 2.145,00.

O Plano de Carreira, que permite a evolução profissional de acordo com os cursos e tempo de serviço é outro ponto que reforça a vinda de educadores para a cidade de Taboão da Serra. “Sempre ouvi falar muito bem da educação da cidade, inclusive em cursos de formação realizados pela Secretaria do Estado. O Plano de Carreira é muito importante para todos os profissionais”, salientou o professor de inglês, Paulo Rogério Spinelli, que leciona na rede estadual de Itapecerica e em uma escola particular.

Para o secretário de Educação, Ciência e Tecnologia de Taboão da Serra, José Marcos dos Santos, a Prefeitura vem trabalhando para que cada vez mais os profissionais da educação tenham melhores salários e condições de trabalho. “Com bons salários, plano de carreira, cursos de formação continuada e o investimento em recursos didáticos, teremos um ensino de melhor qualidade. Quem ganha com isso é a sociedade, as comunidades,as escolas, os professores, os pais e principalmente os nossos alunos”. 

Todos os educadores passarão por formação e devem tomar posse no dia 24 de outubro, já com o início do seu treinamento.

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.