Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Meio Ambiente

Prefeitura prepara Plano de Saneamento Municipal de Taboão da Serra

Por Prefeitura Municipal de Taboão da Serra | 12/10/2011

saneamento1

Ricardo Vaz Prefeitura de Taboão da Serra prepara projeto de Plano Municipal de Saneamento

A Prefeitura de Taboão da Serra, através da Secretaria de Obras, Infraestrutura e Serviços Urbanos está preparando a proposta do Plano Municipal de Saneamento Básico.
Esse plano determinará as diretrizes da política de saneamento da cidade, conforme determina a Lei Federal 11.445/2007, que foi regulamentada pelo Decreto Nº7.217/2010.

A cidade de Taboão da Serra já possui um Projeto de Resíduos Sólidos com informações que serão utilizadas no PMS. Esse projeto levantou, por exemplo, que a cidade produz 6 mil toneladas de lixo doméstico e 12 mil toneladas de lixo proveniente da construção civil por mês.

O Plano Municipal de Saneamento Básico irá definir ações reguladoras para as seguintes áreas: Drenagem Urbana;  Abastecimento de Água; Coleta e Tratamento de Esgoto e Transporte e Tratamento de Resíduos Sólidos.

Durante um ano e meio foram realizadas diversas audiências públicas, em diferentes pontos da cidade, a fim de possibilitar a participação popular na elaboração desse plano, no final do mês ele deverá ser apresentado para ser analisado pelos secretários municipais de Habitação e Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Manutenção, Obras e Assuntos Jurídicos, para só então ser encaminhado à Câmara Municipal.

Com a aprovação do Plano Municipal de Saneamento Básico, o município continuará apto para receber recursos federais para esses setores, condição estabelecida nas leis que obrigam todas as cidades a terem esse plano. “Hoje, cerca de 100 cidades já elaboraram o plano, Taboão da Serra está entre elas, o que mostra nossa preocupação em estar sempre a pleno acordo com as leis que regem o país”, explica o secretário Ricardo Rezende.

O plano, além de ajudar o município a planejar melhor o seu crescimento, também irá proporcionar uma maior fiscalização aos agentes executores desses serviços públicos essenciais, facilitando a participação da população através de conselho próprio.

Marcelo Valladão

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.