Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Conseg de Itapecerica discute segurança na cidade

Por | 10/10/2011

conseg

Karen Santiago Moradores questionam e elogiam forças policiais da cidade

A demora na elaboração do Boletim de Ocorrência e no atendimento, além da maneira rude a quais são tratados pelo telefone 190 foram às principais queixas dos moradores que participaram de mais uma reunião do Conselho de Segurança Comunitária (Conseg) de Itapecerica da Serra, realizada sempre a 2ª segunda-feira de cada mês. O encontro aconteceu no bairro Parque Paraíso, nesta noite, dia 10 de outubro.

“Quando precisei registrar ocorrência fiquei mais de três horas esperando para a elaboração do B.O. Uma demora grande. O telefone 190 para mim não serve para nada, a moça do outro lado da linha ficava me perguntando coisas ‘sem sentido, nexo’ se alguém tinha morrido. Então quer dizer que a Polícia só virá na minha casa se alguém tiver morrido? Depois de meia hora que fiz a ligação, duas viaturas vieram na minha casa e me deram todo o atendimento necessário e ainda foram educados”, afirmou uma moradora do bairro.

Roubos, furtos aos moradores e comerciantes, empinadores de motocicletas, estupros (violência contra a mulher) por falta, ou pouca iluminação pública nas vias e guinchos que levam veículos estacionados nas ruas durante a noite, também foram temas abordados na reunião.

Um morador antigo do bairro e sempre participativo das reuniões do conselho, falou da importância do registro do B.O e das reivindicações para a vinda de mais policiais civis e militares, além de novas viaturas.

“A cidade deveria ter respaldo maior, receber aumento de efetivo e salário para os policiais. Nós como cidadãos devemos lutar pela melhoria na cidade”, afirmou.

O tenente da polícia militar, Harder explicou que é muito importante as reclamações dos moradores via 190, o registro da ocorrência e as perguntas realizadas pelo telefone da PM. “Com as informações atendemos diretamente aquela situação de forma mais preparada e evitamos com as perguntas feitas pelo policial a existência de trotes, infelizmente comuns ainda. Se, por exemplo, a pessoa está armada, temos um atendimento diferente, se caso ela não estiver ”, explicou.

Por este motivo, o tenente ressaltou que quando o policial (a) questionar o morador, no momento da ligação, é necessário responder com clareza toda a situação. “Quanto maiores forem as informações, elas serão otimizadas, o policiamento será direcionado para o local mais bem preparado, a polícia responderá com mais exatidão e as viaturas serão melhores distribuídas”, finalizou.

Doutor Marcelo Silva, Delegado, afirmou que o registro do Boletim de Ocorrência é importante e precisa ser realizado em qualquer caso. “Com o B.O é possível saber onde o crime acontece com mais incidência, ajuda a polícia a trabalhar com as informações passadas, e acaba trazendo mais policiais para o município, pois os registros vão para as mãos do governador de SP”, frisou. Denúncias anônimas pelo telefone 181 também foram defendidas pelo Doutor Marcelo.

As rondas realizadas pela polícia militar e guarda civil municipal (ROMU e ROM) também foram elogiadas pelos moradores, que se dizem mais tranqüilos com o policiamento constante no bairro e cidade. “Notamos a presença de mais policiamento no bairro e município durante todo o dia e a noite também”, finalizaram.

A reportagem do Jornal na Net também foi elogiada pelas matérias policiais que produz e divulga e pela “coragem e imparcialidade que escreve as matérias”, disse um morador e leitor do site.

Participou também da reunião o sargento Alexandre.

16/01/2018

Homem é preso por quebrar televisão de delegacia e ameaçar policiais em Taboão

Um homem foi detido na noite desta segunda-feira (15), após jogar uma pedra contra a televisão...

12/01/2018

GCM em Itapecerica apreende carro com mais de R$ 650 mil em multas

Um veículo gol de 1996, com mais de 650 mil reais em multas foi apreendido pelo Grupamento de...

11/01/2018

Bandidos balearam pai e filho em tentativa de assalto na região do Campo Limpo

Criminosos balearam pai e filho enquanto tentavam invadir a residência das vítimas, na noite...

10/01/2018

Polícia Rodoviária comemora 70 anos com operação de 24 horas nas estradas

Durante as 24 horas desta quarta-feira (10), a Polícia Militar Rodoviária realizará uma operação...

07/01/2018

Mulher em situação de rua é encontrada morta em Taboão da Serra

Uma mulher, de 49 anos, foi encontrada morta pela Polícia Militar, na manhã de sábado, na rua...

06/01/2018

SSP-SP oferece R$ 50 mil por denúncias sobre atirador que matou Arthur

O secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, determinou o pagamento de até R$...

05/01/2018

Dupla é presa por assalto a posto de combustível em Taboão da Serra

Dois homens foram presos, na madrugada de sexta-feira (05), após assaltarem um posto de...

05/01/2018

Idosa morre após ser atropelada por trem em Embu Guaçu

Uma mulher de 79 anos morreu após ser atropelada por um trem, às 20h de quinta-feira. O acidente...

04/01/2018

Jornal na Net repudia atentado contra Gabriel Binho e pede apuração rigorosa

O chargista, fotógrafo e morador de Embu das Artes, Gabriel Binho, foi vítima de um grave...

25/12/2017

Comerciante achou bebê morto numa lixeira, em Taboão, na véspera de Natal

Um bebê morto, com idade entre dois meses e seis meses, foi encontrado em uma lixeira por um...

16/01/2018

Inauguração do novo quartel do Corpo de Bombeiros de Taboão será dia 19

Nesta sexta-feira, 19, o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, a deputada estadual...

16/01/2018

Itapecerica e Embu arrecadaram juntas mais de R$ 4 milhões sobre pedágio em 2017

O ISS que incide sobre as tarifas de pedágio tem representado importante recurso para os 262...

16/01/2018

Homem é preso por quebrar televisão de delegacia e ameaçar policiais em Taboão

Um homem foi detido na noite desta segunda-feira (15), após jogar uma pedra contra a televisão...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.