Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

Cinco vereadores depõem na CEI de Itapecerica

Por Genildo Rocha | 19/08/2011

cei_2

Arquivo do Jornal na NetDepoimentos aconteceram depois da sessão desta quinta-feira



Cinco vereadores de Itapecerica da Serra foram ouvidos nesta quinta-feira, 18, pela Comissão Especial de Inquérito (CEI), que apura as denúncias de bota-foras em Itapecerica. O presidente da Câmara, Amarildo Gonçalves, o Chuvisco, Tonho Paraíba, Zé Helio, Lombardi, Jonas Feijó e José Maria.

O primeiro a ser ouvido foi Tonho Paraíba. Ele disse que não havia razões para Vitor Rangel ter citado seu nome nas gravações, pois, só o conheceu quando era funcionário do gabinete do Vereador João Miranda. Chuvisco, por sua vez, ressaltou que, não tem interesse particular com nenhum dos envolvidos, e, pediu  que a CEI apure os fatos com rigor.

O vereador afirmou que conheceu Vitor Rangel quando o mesmo era funcionário da casa e que não tinha nenhum outro contato com ele. Chuvisco disse desconhecer esse tipo de prática ilícita em Itapecerica. De acordo com ele só as investigações deverão comprovar a existência dos bota-foras no município.

Zé Hélio afirmou que ouviu o Cd no gabinete do vice-prefeito, Antônio Trollesi, e, que na gravação Vitor afirma que o vereador João Miranda teria ganho  dinheiro com as irregularidades. O vereador apontou que  a voz  de João Miranda prevalece em 70% da  gravação. Zé Hélio disse que conheceu Vitor quando ele trabalhava na Câmara.

O vereador Lombardi conta que no seu caso o CD foi deixado na portaria da Câmara Municipal em seu nome, e, que não reconheceu as vozes que estavam gravadas no CD, que conhecia Vitor, mas, não tinha nenhum contato com ele.

Jonas Feijó contou ter ouvido o Cd, e que, a parte que mais lhe causou surpresa foi quando o seu nome foi citado, como forma de irritar João Miranda. Ele disse que conheceu Vitor quando era diretor da regional do Jacira e contou que após ser exonerado por João Miranda, ficou isolado  e pediu para trabalhar no seu grupo, mas não foi aceito. “Disse a ele que eu  falaria com o   João Miranda para que  os dois se entendessem”, lembrou, acrescentando que soube pela imprensa que Vitor havia sido exonerado porque prestava serviços em terrenos particulares.

O vereador José Maria disse que tomou conhecimento do CD uma semana antes do mesmo ser protocolado na Câmara Municipal. Ele disse que o CD lhe foi entregue através de requerimento e revelou que chegou a pensar que era uma montagem, até o momento em que o relatório policial foi publicado, reafirmando que não sabe quando nem por quem o CD foi gravado. José Maria disse que conheceu Vitor Rangel quando o mesmo era diretor da Regional do Jacira em 2009, não tendo nenhum outro relacionamento com Vitor.

Ele disse que desde o início de seu mandato vem recebendo denúncias de bota-foras. “Tenho feito e protocolado vários requerimentos e indicações para apuração dos fatos e as respostas são vazias”, declarou o vereador.

18/10/2017

Taboão teve sessão histórica para as mulheres e com aprovação de leis

O grito silencioso das mulheres vítimas de violência ecoou com força e fez da sessão desta...

17/10/2017

Reforma eleitoral abre espaço para propaganda paga em sites

A reforma eleitoral, aprovada no Congresso Nacional e sancionada recentemente pelo presidente...

15/10/2017

Ney Santos fará reforma no governo de Embu, João Ramos deixará prefeitura

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos (PRB) vai anunciar nos próximos dias uma reforma...

13/10/2017

Câmara Municipal aprova reajuste de abono para servidores

Os vereadores de Taboão da Serra aprovaram na última terça-feira, dia 10, por unanimidade, um...

11/10/2017

Convenção realizada no domingo elegeu novo diretório do PSDB de Itapecerica

O diretório municipal do PSDB de Itapecerica da Serra realizou, no último domingo (8 de...

11/10/2017

STF deve decidir hoje se Congresso pode rever medidas contra parlamentares

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve decidir hoje (11) se parlamentares podem ser afastados do...

11/10/2017

Analice intercede por liberação de recursos para Embu das Artes

O prefeito de Embu das Artes, Ney Santos e a deputada estadual Analice Fernandes participaram de...

10/10/2017

Ney Santos lança Cartão Cidadão prometendo economia de recursos públicos

Anunciado como a maior ferramenta de gestão tecnológica de dados de toda a região, o Cartão...

18/10/2017

Taboão teve sessão histórica para as mulheres e com aprovação de leis

O grito silencioso das mulheres vítimas de violência ecoou com força e fez da sessão desta...

18/10/2017

Aneel autoriza reajuste nas contas de luz de consumidores do DF, GO e SP

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou hoje (17) reajustes nas contas de luz...

18/10/2017

MPF e MPT recomendam revogação de portaria que muda regras do trabalho escravo

O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal (MPF) recomendaram ao...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.