Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Transporte e Trânsito

Pedestres pedem bloqueio de motocicletas em passarela

Por | 14/08/2011

passarela

Sandra PereiraPassarela próxima ao Jardim Iolanda em Taboão da Serra constantemente é usada por motoqueiros

A imprudência de motociclistas que utilizam de forma criminosa a passarela localizada na Rodovia Régis Bittencourt, na altura do Condomínio Jardim Iolanda, em Taboão da Serra, quase causou graves acidentes com pedestres, uma vez que os obstáculos de ferro na parte inicial da passarela foram destruídos. O síndico do condomínio preocupado com a segurança dos pedestres pediu soluções por parte da Autopista Régis Bittencourt e Polícia Militar.

“Os obstáculos de ferro foram destruídos, e os motociclistas colocam em risco a vida dos pedestres, utilizando o mesmo espaço como leito carroçável, transitando com suas motos para atingir o outro lado da rodovia. Pedimos para que o acesso seja totalmente bloqueado, afinal a passarelas são de pedestres. Passarelas foram feitas para pedestres e não para veículos motorizados”, reivindicaram os pedestres e também o sindico do condomínio.

A Concessionária que administra a Rodovia, afirmou que é necessário que novos obstáculos sejam colocados para impedir o trânsito de motocicletas na passarela, o serviço será realizado pela OHL. A sugestão, de acordo com a concessionária seria um sanduíche de placas de ferro perfurando a laje da passarela com uma solda muito resistente para unir o tubo de aço com as chapas. “Só assim haverá muita dificuldade para destruição do tubo de aço”, observaram.

Ainda, segundo a OHL, a concessionária conseguiu desenvolver um dispositivo que impede a passagem de moto, mas que garante e possibilita a passagem de cadeira de rodas. “No momento, esse dispositivo já foi refeito e destruído”.

A Polícia Militar, por sua vez, se comprometeu a intensificar o policiamento na passarela. “Com o policiamento no local poderá ocorrer o detenção do indivíduo que retira estes obstáculos. Danificar patrimônio público é crime”, pontuaram.

 

Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.