Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Polícia

Ivan fala sobre Noventa e as fraudes em Taboão

Por Sandra Pereira | 12/08/2011

sec

Arquivo do Jornal na NetChefe dos investigadores da Seccional fez novas revelações sobre fraude na cidade

O investigador chefe da Delegacia Seccional de Taboão da Serra, Ivan Jerônimo da Silva, fez declarações firmes e incisivas sobre as afirmações do vereador Valdevan Noventa (PDT), durante a entrevista coletiva concedida à imprensa nesta quinta-feira (11). O investigador traçou um balanço da crise, e, disse que as investigações sobre a prefeitura de Taboão da Serra acontecem em várias frentes. Ele revelou detalhes dos momentos que antecederam as prisões de vereadores e secretários municipais acusados na fraude do IPTU em Taboão. O chefe dos investigadores disse que a cidade está sendo passada a limpo e revelou que o prefeito Evilásio Farias está sendo investigado pela Delegacia Seccional.

Ivan disse desconhecer que o vereador Noventa venha sendo perseguido pela polícia. Ele afirmou que o vereador é investigado em diversos procedimentos da Delegacia Seccional por ter ligações estreitas com o crime organizado, inclusive com o chefe de uma facção da favela do Paraisópolis.

“Volto a afirmar e reafirmar o Noventa é envolvido com o crime organizado. Não é à distância. A relação entre eles é muito próxima”, salientou.

O investigador observou que o fato de Noventa não estar preso demonstra que ele não sofre perseguição da polícia. “Ele não está preso por não haver perseguição. No momento certo ele será preso, na hora em que cometer um deslize”, contou. “Ele não foi preso nessas operações (da fraude do IPTU) porque o tipo de crime que estavam cometendo na administração pública requer um pouco mais de inteligência coisa que ele não tem”, disparou.

Ivan Jerônimo disse que as investigações da polícia mostram que Noventa comprou um posto de gasolina que era do Ney Santos e intermediou a contratação de Baia (acusado de praticar assaltos) na Câmara Municipal. “Toda vez que dá um problema Noventa diz que não conhece ninguém. Ele nunca sabe e nem conhece ninguém. Mas não foi outro vereador que mandou contratar o Baia, foi ele”, insistiu.

Sobre o fato de Noventa ter anunciado que não vai disputar eleição o investigador afirma que a desistência se dará porque o vereador sabe que não seria eleito novamente. “Ele não é mais candidato porque sabe que não seria reeleito. É como jogador de futebol sabe a hora de parar. Se ele não parar vai acabar sendo preso e não vai ser reeleito”, prevê.

Para ele, Noventa está fazendo discurso contra a polícia para tentar cooptar, ganhar dinheiro ou salvar alguém politicamente. “É um plano para taxar a operação de política. Estamos fazendo a investigação dentro da lei, apartidária, tanto é que foram presas diversas pessoas, inclusive do PMDB, do deputado Caruso de quem sou amigo e de toda a família”, ponderou.

Ivan disse que Noventa já fez declarações contra a Seccional anteriormente, entretanto, dias depois enviou advogados até lá com pedidos de desculpa. “A polícia vai estar sempre de olho nele. Porque simplesmente ele não perderá o vínculo com o crime organizado”, analisou.

O investigador falou sobre a relação com o deputado Caruso, comentada na entrevista de Noventa. “O Caruso é meu amigo pessoal. É meu compadre e não vejo nenhuma ilegalidade nisso. A Lei orgânica da polícia diz que eu não posso ser amigo de pessoas ligadas ao crime organizado. Para mim seria problema se eu fosse amigo ou compadre do vereador Noventa”, disparou.

O investigador faz uma análise negativa dos poderes Executivo e Legislativo de Taboão. Segundo ele o Executivo está praticamente todo contaminado e parte do Legislativo também. “Os vereadores através da CEI têm que demonstrar que não estão ligados com o crime. Fica complicado se a CEI chegar ao final e ninguém for punido. Eles vão ter que cumprir o seu papel porque a sociedade está de olho”, sentenciou.

O chefe dos investigadores disse que não tem fundamento a declaração de Valdevan Noventa de que a investigação do IPTU tem cunho político, além disso, observa que o pleito eleitoral está distante.

Vários secretários na mira 

O investigador revelou que várias secretarias e secretários municipais de Taboão da Serra estão sendo investigados pela polícia, e, antecipou que há uma investigação em andamento sobre a secretaria de Cultura e a comissão de revisão do IPTU, que ele acredita ter sido criada para enganar a população em razão do aumento abusivo do imposto. “É difícil apontar qual é a secretaria que não tem nada em andamento. Prefiro não comentar. Eles ganhavam dinheiro reduzindo o valor do imposto. Os consumidores beneficiados pelo esquema também estão sendo investigados”, aponta.

Ivan Jerônimo compara a investigação da corrupção em Taboão da Serra com uma hemorragia que precisa ser estancada. Ele acredita que a fraude no IPTU diminuiu, mas, não acabou. “Nós temos documentos recentes que comprovam diferenças de valores nos balanços da dívida ativa. Diminuiu, mas não acabou. Estamos trabalhando pesado. Já cheguei a ficar direto mais de 20 horas escrevendo o relatório. Tem muito documento, muitos inquéritos instaurados”, contou.

O investigador disse que diariamente atende várias pessoas entre prefeitos, vereadores, lideranças e populares que vão fazer denúncias ou pedir policiamento. Ivan diz que após o início das investigações passou a ter mais contato com alguns vereadores da cidade. “De Taboão da Serra nunca fui na casa de vereador algum não sei de onde tiram essas informações”, argumenta.

Evilásio é investigado 

Já no final da entrevista o investigador chefe revelou que o prefeito Evilásio Farias está sendo investigado pela Delegacia Seccional, e, disse que manteve contato profissional com o prefeito no começo das investigações. Segundo ele, quando houve a prisão de Márcio Carra, diante da gravidade do caso, a Seccional avocou o inquérito e o prefeito o procurou para conversar. Ambos marcaram um encontro fora da cidade para não dar a entender que ele (prefeito) estaria repassando informações à polícia.

“Hoje diante dos documentos que existem há ligação do prefeito com o crime. Fizemos contato com a redação da Folha para pedir cópia dos documentos. Vamos apurar mais essa ilegalidade”, avisou.

De acordo com o investigador ficou patente que o prefeito atribua tudo que acontecia ao vereador Carlos Andrade. No encontro de ambos fora da cidade, Ivan disse que anotou tudo que o prefeito o passou, e, durante as investigações detectou outras pessoas envolvidas na fraude, entre elas o vereador Arnaldo. “O prefeito ficou surpreso eu falei que ia levaria investigação até o final. Ele falou que eu estava fazendo um favor para a sociedade, que se eu prendesse os 13 vereadores faria um favor para Taboão da Serra, naquele momento eu acreditei”, afirmou.

O investigador relatou que quando a investigação chegou aos secretários, o prefeito tentou atrapalhar o trabalho da polícia e demorou a enviar os documentos solicitados.

“A credibilidade que eu depositava no senhor prefeito hoje não existe mais. Tanto é que durante a investigação ele tentou me ligar duas vezes e eu não atendi mais e não atendo. Meu relacionamento com ele era cordial, a partir do momento que ele tentou direcionar as investigações percebi que ele faltou com a verdade e quis usar a polícia para atingir os seus objetivos”, contou.

Ivan diz estar otimista de que após esse período turbulento Taboão deve tomar outro rumo independente de quem seja o prefeito. Uma vez que a cidade está sendo passada a limpo. O investigador orienta que antes de votar os eleitores devem pesquisar o passado e o presente dos candidatos e tentar uma referência futura.

16º

Valdemir

É triste morrer sem esclarecer, nunca robei um real de ninguém....

15º

Hans

Parabéns delegado e equipe, na Polícia de Taboão sempre confiei !

14º

justiceiro

Tudo isso porque a prefeitura não do PMDB o povo inocente cade policia federal gente que pasmo,estão rebelados,cade a corregedoria,cade ministerio publico federal para pegar essa coja da seccional do Taboão serra. PMDB se rebela por prisão de ex-deputado filiado ao partido O PMDB ensaia nova rebelião contra o governo por causa da prisão do ex-deputado Colbert Martins (PMDB-BA) na Operação Voucher. A insatisfação é endossada pelo vice-presidente Michel Temer, que fez queixas à presidente Dilma Rousseff e ligou para o aliado no sábado, após ele deixar a cadeia. Veja as fotos dos presos na Operação Voucher Entenda o esquema investigado no Ministério do Turismo Foragido de operação da PF está em Miami, diz família Turismo foi avisado sobre investigação do TCU há 4 meses Presos na Operação Voucher são soltos em Macapá Temer diz que não há provas do envolvimento do peemedebista em fraudes no Ministério do Turismo e que a ação da Polícia Federal causou danos à imagem da sigla. O episódio pode ser usado como justificativa para retaliação ao Planalto no Congresso, onde o partido já reclama da baixa liberação de emendas parlamentares. Embora o ministro Pedro Novais (Turismo) pertença ao PMDB, a legenda culpa seus dois antecessores petistas, Marta Suplicy e Luiz Barretto, pelo suposto esquema de fraudes na pasta. A sigla diz que Colbert assumiu cargo no ministério em abril, quando a PF já investigava os desvios, e seguiu parecer técnico ao destinar verbas à ONG Ibrasi, suspeita de fraude no Amapá. "Colbert é o maior injustiçado desta história", diz o ex-ministro Geddel Vieira Lima (BA), ligado ao ex-deputado. O vazamento da foto de Colbert na cadeia, sem camisa, acirrou os ânimos na sigla contra o governo e a PF. O PMDB promoverá dois atos de desagravo a ele: hoje, na Bahia, amanhã, em Brasília. O líder na Câmara, Henrique Eduardo Alves (RN), reunirá os deputados em protesto ao "tratamento absurdo de que Colbert foi vítima". "Mas a insatisfação da bancada é com o tratamento político, a retenção de emendas", diz. O ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) disse a peemedebistas que não sabia da ação contra Colbert. O líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP), diz que as emendas voltarão a ser liberadas esta semana.

13º

O Otimista

camarista Valdevan Noventa, se conselho fosse bom encontraríamos para vender na Lotérica do Eloi, mas vai achando que só vai entrar a ponta do dedo. Se prepare que o troço é maior e mais grosso!

12º

Lica

PARABÉNS AO INVESTIGADOR!!! PARABÉNS A POLICIA DE TABOAO DA SERRA!!! VCS MERECEM O NOSSO RESPEITO!!!

11º

carlos negreiro dos santos

Em primeiro lugar quero dar meus parabens a esses policiais da Seccional de Taboao da Serra, nota mil para voceis, acho que ate que enfim, vamos ver esses ladroes na cadeia, ate hoje roubaram, roubaram, mas encontraram policiais de verdade, olha tambem tem varia cidades vizinhas daqui, que a mafia de ladroes e muito, acho que agora essa valorosa equipe, vai desmanchar muita quadrilhas de politicos, tem que passar um pano limpo na cidade, cambada de salafraios. EQUIPE DE TABOAO DA SERRA - P A R A B E N S voceis dao orgulho as pessoas de bem, tem todo nosso apoio e gratidao, pelo magnifico serviço de tirar esses politicos da sociedade, PARABENS TABOAO DA SERRA.

10º

Lara

PARABÉNS, investigador chefe da Delegacia Seccional de Taboão da Serra, Ivan Jerônimo da Silva, que magnifico trabalho vem realizando, com toda a equipe. Vocês merecem um filme, semelhante ao TROPA de ELITE.

Ivonete Aparecida da Silva

Olá Kátia Não é só nesse Evilásio que não podemos mais acreditar e sim em nenhum desses políticos que estavam presos, todos tem que sumir da Prefeitura de Tabõao esse bando de corruptos!!!

CIDÃO

esse Joaõ Santos deve ser da corja de bandidos politicos que tomou conta da nossa cidade,o homem está trabalhando e por sinal muito bem dps dessas investigações não vai ficar pedra sob pedra,espero que vc e muitos politicos corruptos vão parar na cadeia,chega dessa roubalheira,nossa cidade está cansada desses roubos de vcs,continua criticando a policia que uma hora chega até vc,se é que vc já não está no meio desse lamaçal que cobre nossa cidade

Antonio Pereira

As raposas acharam que iriam detonar o galinheiro e sair de fininho e se deram muito mal. Parabéns aos policiais e promotores, sabemos que muito ainda precisa ser feito. Cadeia neles.

Neco

Caro João Santos : É um absurdo seu comentário. É encima de gente igual a vc é que "maus" politicos se mantem no poder. É igual bactéria: precisa de ter um ambiente propicio para se viver. PARABÉNS DR.IVAN !!! AS PESSOAS DE BEM DESTA CIDADE SÃO SEUS FÃS !!!

Joaõ Santos

Com tanta coisa pro delegado fazer, fica se envolvendo em briga politíca o sr Ivam vai trabalhar meu amigo

Maurício

Realmente, a sociedade taboaanense clama por justiça, mas sempre dentro do estado democratico de direito, e, o que saiu dos cofres ou, deixou de entrar volte para que a comunidade disponha de mais saúde, educação, assistencia e segurança. O resto dos acontecimentos ficam por conta do código penal, civil e, por fim, enquadrados nas punições contra os crimes na administração pública!.

CIDÃO

PARABENS SR.IVAN,O POVO DE TABOÃO AGRADECE,TEM QUE POR TUDO A LIMPO MESMO E MOSTRA PRA SOCIEDADE QUEM SÃO OS NOSSOS POLITICOS PRO POVO APRENDER VOTAR,HA ANOS QUE ESSES PREFEITOS E VERADORES VEM FAZENDO ISSO NA NOSSA CIDADE,E O POVO TEM QUE ACABAR COM ESSE NEGOCIO DE REELEGER VEREADORES E PREFEITOS PQ 4 ANOS ROUBANDO O POVO JA É MUITO,IMAGINEM 15 E VINTE ANOS,SÓ O ELOI TEM 5 OU 6 MANDATOS SE NÃO ESTOU ENGANADO,É MUITO TEMPO ,VAMOS MUDAR O JEITO DE VOTAR PQ POLITICO TEMPO DEMAIS NO CARGO ACHA QUE A CIDADE É DELE E PODE FAZER O QUE QUIZER E SAI IMPUNE,MAIS A CIDADE É DO POVO E Ñ DELES

Kátia

Ivan você está certo mesmo! .... esse Evilásio é um  e liso! , ninguém pode mais acreditar num cara que que também faz armação nas licitações, aluguéis de carro ...

Beto

O 90 tem mais inteligencia dos que os eleitores,sem dúvida. Essa limpa seja por motivo político ou não,já estava na hora de acontecer. Parabéns Polícia. Publiquem.

26/04/2017

Homens são presos em flagrante por furto em estabelecimento comercial em Taboão

Policiais da RP conseguiram prender em flagrante dois homens que estavam furtando objetos de um...

25/04/2017

Polícia Rodoviária Federal divulga Balanço da operação Tiradentes

Durante a Operação Tiradentes da Polícia Rodoviária Federal 2017 que ocorreu entre os dias 20 e...

24/04/2017

Dr. Alcionei Miranda reage a assalto em sua casa e leva tiro na perna

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio de Embu das Artes, advogado...

19/04/2017

Polícia apreende carro com placa adulterada em Embu

Policias do CGP suspeitaram de um individuo que estava em um veiculo Celta de cor vermelha. Ao...

19/04/2017

Mulher é presa efetuando compras com cartão clonado em Taboão

Policiais conseguiram efetuar a prisão de uma mulher que efetuava compras com cartão clonado em...

17/04/2017

Sucateamento da Polícia Civil é constatado nas Seccionais da região

A Diretoria do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo esta promovendo uma...

12/04/2017

Prefeitura lacra asilo clandestino onde idoso morreu em Taboão

Depois da morte de um idoso e a remoção de outros seis de um asilo clandestino localizado na Rua...

12/04/2017

Policiais encontram armas e munições em carro abandonado em Itapecerica

 

Policiais do 25º BPM conseguiram aprender duas armas que estavam dentro de um carro...

11/04/2017

GCM acha idoso morto e outros 6 em cárcere privado num abrigo clandestino

Após ouvirem gritos de socorro e pedidos de ajuda vizinhos de um imóvel localizado na rua...

11/04/2017

PM prende homem que realizava roubos em Taboão com simulacro de pistola

Policiais militares conseguiram prender na tarde desta terça-feira (11), um individuo que...

27/04/2017

Justiça concede liminar para tentar barrar greve geral em ônibus e metrô

Numa tentativa clara de barrar a greve geral contra as reformas da Previdência e Trabalhista,...

27/04/2017

Câmara aprova proposta de reforma trabalhista; texto segue para o Senado

Após quase 14 horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu, na madrugada desta quinta-feira...

27/04/2017

Taboão começa a elaborar Plano de Mobilidade em audiência pública no Cemur

Atendendo a Política Nacional de Mobilidade Urbana e a Lei 12.587/2012, que estabelece a...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.