Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Educação

Alunos da EMI Cebolinha são fiscais da Natureza

Por Prefeitura Municipal de Taboão da Serra | 17/12/2009

cebolinha.jpg

Os fiscais da natureza rondam a escola para evitar desperdícios

 “É possível educar as crianças na direção da sustentabilidade, dando a elas pequenas tarefas do dia-a-dia como não deixar luzes acesas sem necessidade, evitar o  desperdício de água, ou separar materiais para reciclagem”, é o que acredita a EMI Cebolinha, que  há dois anos realiza o projeto Consumo Consciente com os 240 alunos do maternal ao Jardim II.

 “Queremos que os alunos  participem de atividades que possam interiorizar atitudes para tornar a vida mais saudável no planeta.”, explica a diretora da escola, Ana Júlia de Menezes.

Assim, diariamente, um grupo de  alunos coloca os aventais  de fiscais da natureza e  rondam a escola para  verificar se não há desperdícios.  Outra ação que movimenta toda a comunidade escolar é a reciclagem do óleo de cozinha para a realização do sabão em pedra.

“Um dos grandes problemas da poluição dos mananciais vem de um hábito difícil de mudar: jogar o óleo de fritura usado no encanamento. Um litro de óleo pode contaminar até um milhão de litros de água”, ensina Ana Júlia.

Mas a conscientização não para por ai. Pensando em incentivar as pessoas a refletirem sobre o consumo das sacolas descartáveis e, assim, diminuírem o uso das mesmas, a escola confeccionou sacolas de pano  com  sobras de tecidos que foram doados por uma empresa de estofados.  As sacolas, juntamente com os sabões reciclados, foram distribuídos na Mostra Cultural, no último dia 12 de dezembro.

“Com essa ação esperamos que as famílias tomem consciência e percebam que pequenas atitudes podem tornar a vida do planeta mais saudável”, complementa a diretora.

 Veja o tempo de decomposição de alguns materiais na natureza:

Sacola plástica= 40 anos

Ponta de cigarro = 2  amos

Chicletes= 5 anos

Vidro= 4 mil anos

Papel= 3 meses

Fralda descartável = 600 anos

Alumínio = 200 anos


Comentários

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.