Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cotidiano

Plano Diretor de Embu tem a marca da participação

Por Prefeitura da Estância Turística de Embu das Artes | 1/07/2011

liminar

Arquivo Jornal na Net Na última segunda-feira, justiça suspendeu audiência pública do Plano Diretor

A revisão participativa do Plano Diretor de Embu das Artes está sendo concluída. O balanço feito até aqui pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano demonstra o quanto o processo de atualização do plano envolve a população. Desde a primeira audiência pública realizada no dia 22 de março, no Parque Pirajuçara, até a mais recente, no Itatuba dia 13/6, houve cerca de 3.000 inscritos.

Nas audiências, a população tem a oportunidade de contribuir na discussão do futuro da cidade, compreendendo melhor, por exemplo, onde se pode instalar um comércio ou uma indústria, quais são as zonas residenciais, os locais para construções de prédios (verticalização) e as áreas de preservação ambiental. Entre temáticas e territoriais, no total ocorreram 39 audiências públicas, nas 20 unidades administrativas de Embu, envolvendo toda a cidade. Somente as temáticas receberam 1.200 inscrições. Nesses encontros, os participantes debateram assuntos relacionados a Desenvolvimento Social e Econômico, Habitação, Infraestrutura, Meio Ambiente, Mobilidade Urbana e Saneamento.

A participação democrática marca o processo de revisão, refletindo o caráter democrático e popular do governo de Embu. Entidades de todos os segmentos sociais estão envolvidas desde o início das atividades: associações de bairros, empresariais, ambientais e profissionais sempre estão presentes. Os movimentos sociais também participam ativamente, destacando-se o movimento de moradia.

A partir da contribuição dos participantes nas audiências públicas, foi elaborada a proposta do Projeto de Lei Complementar que trata da revisão do documento. Atualizado, o Plano Diretor terá o mérito de revisar a Lei 72/2003 (o atual Plano Diretor), atendendo ao que estabelece a Lei Específica do Guarapiranga, em vigor desde 2006. O Plano Diretor irá incorporar, ainda, os planos complementares aprovados pelo Poder Legislativo, como é o caso do Plano Municipal de Saneamento.

"O Plano Diretor aponta uma perspectiva estratégica, um novo olhar sobre o desenvolvimento da cidade", avalia o prefeito Chico Brito. Formado por um conjunto de normas e diretrizes que organizam o desenvolvimento do município, o documento deve ser revisado no prazo máximo de dez anos, conforme o Estatuto da Cidade e a Lei Orgânica do Município, o que Embu está fazendo com dois anos de antecedência.
Audiência dia 18/7

O processo de revisão do Plano Diretor tem sua 40ª audiência pública marcada para o dia 18 de julho, às 19 horas. Convocada em conjunto pela Prefeitura e Câmara Municipal, a audiência pública será de apresentação e debate do Projeto de Lei Complementar do Plano Diretor de Embu das Artes, que seguirá depois para a Câmara. A plenária geral será realizada no O Caipirão, avenida Elias Yazbek, 2812/2828, Centro.

O edital da Audiência Pública e a minuta do Projeto de Lei Complementar de Revisão do Plano Diretor estão disponíveis para consulta nos sites www.embu.sp.gov.br e www.cmembu.sp.gov.br, e na Praça de Atendimento ao Cidadão na sede da Prefeitura de Embu.

Maria Regina Teixeira

22/02/2018

Moradores do Saint Moritz reclamam do aumento do IPTU

Os moradores do Jardim Saint Moritz, em Taboão da Serra, reclamam do aumento do IPTU 2018 no...

19/02/2018

Renato Oliveira é indiciado por atentado contra Binho e exonerado da prefeitura

A Polícia Civil indiciou na sexta-feira, 16, o subsecretário de Gestão Tecnológica e Comunicação...

18/02/2018

Agências bancárias da região fecham nesta segunda em adesão a greve nacional

Os bancos em Taboão da Serra, Embu e Itapecerica não irão abrir nesta segunda-feira (19) como...

17/02/2018

Embu das Artes celebra 59 anos de emancipação neste domingo

A cidade de Embu das Artes comemora no próximo domingo (18), 59 anos de emancipação...

15/02/2018

Itapecerica tem mais de 1.080 crianças realizando trabalho infantil, diz IBGE

Estudos recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontaram que no...

07/02/2018

Moradores do Jardim São Marcos reclamam da frequente queda de energia

Moradores do Jardim São Marcos em Embu das Artes, estão reclamando das constantes quedas de...

09/01/2018

Moradores do Parque Adélia voltam a ficar ilhados após chuva em Itapecerica

Moradores do Parque Santa Adélia já não aguentam mais ficarem ilhados toda vez que chove....

08/01/2018

Corpo de Bombeiros orienta como prevenir acidentes domésticos nas férias

O tão esperado período de férias chegou. Junto, uma notícia preocupante, especialmente para os...

13/12/2017

Taboão da Serra celebra Dia Internacional da Pessoa com Deficiência

O Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD), ligado à Secretaria de Assistência Social...

11/12/2017

Idosa de 76 anos desapareceu neste domingo em Taboão da Serra

Dona Ana Maria Barbosa, 76 anos,desapareceu quando estava indo para casa onde mora com a irmã e...

23/02/2018

Cadastro biométrico em Embu, Itapecerica e Taboão se encerra em maio

Adotada pela

23/02/2018

Criação de ministério de segurança pública "não é sangria desatada", diz Marun

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, demonstrou não haver urgência do governo na a...

23/02/2018

Mulher é covardemente estuprada e espancada em Embu das Artes

Mais um crime b&aa

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.