Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Política

CEI contra João Miranda vai funcionar no recesso

Por Sandra Pereira | 30/06/2011

itapecerica

Sandra PereiraSessão atípica foi a última do semestre, marcada  pela aprovação da CEI

A última sessão antes do recesso da câmara municipal de Itapecerica da Serra foi atípica e tensa. Os vereadores aprovaram por unanimidade o requerimento pedindo a instauração de Comissão Especial de Investigação (CEI) para apurar as denúncias contidas na gravação de uma conversa entre o vereador João Miranda (PSB) e um ex-assessor Vitor Rangel. 

O vereador José Martins (PMDB), um dos integrantes da CEI, avisou de tribuna que não vai ser corporativista e fará o que for preciso para obter a verdade sobre os fatos. “Vamos fazer uma CEI justa e ativa em busca da verdade. Meu compromisso é com a verdade e não com corporativismo”, sugeriu.

João Miranda, alvo da investigação, se declarou inocente pediu a apuração da verdade e se desculpou com os vereadores citados por ele na gravação. O vereador passou a sessão inteira tenso e chegou a criticar a imprensa pela divulgação dos fatos. João Miranda alegou que a gravação que vem sendo distribuída na cidade é fruto de uma montagem e disse que o seu nome foi jogado na lama.

joao

João Miranda disse que é inocente e pediu investigação do caso 

A CEI vai se reunir no recesso e iniciar os trabalhos. O prazo para as conclusões dos trabalhos é de 45 dias. As informações iniciais indicam que a comissão será presidida por José Martins e terá a participação de Regina Corsini (PSDB) e Paulinho PM (PMDB).


Todos os vereadores citados por João Miranda na gravação que fala sobre o funcionamento do esquema dos bota-foras na cidade pediram a apuração do caso e a punição dos reais culpados. Tonho Paraíba alegou que desde o primeiro mandato combate os bota-fora e já chegou apresentar vários requerimentos cobrando providencias contra o crime. 

“Sempre fui contra isso não sei como o meu nome pode aparecer assim. Tem que investigar mesmo e punir quem for culpado. Esse é o meu desejo”, afirmou.

Já os vereadores José Hélio e Chuvisco negaram envolvimento com o crime e disseram que sempre combateram o crime ambiental e os botas-fora. Ambos se mostraram surpresos de ter o nome envolvido no esquema e disseram que a investigação mostrará que são inocentes.
Chuvisco chegou a declarar que nenhum vereador da cidade está envolvido no esquema dos botas-fora. “É injusto. O vereador José Maria, por exemplo, sempre combateu os entulho”, disse.

Jonas Feijó e José Maria são citados na gravação. Jonas é apontado como desafeto de João Miranda e Vitor Rangel usou o nome dele numa tentativa de buscar uma reaproximação com o ex-patrão de quem estava distanciado. “Quem ouve a gravação percebe que o Vitor cita o meu nome para tentar se reaproximar do João Miranda. Ele admite isso no final, estou tranquilo não tenho nada com essa história”, afirma Jonas Feijó. “O Vitor me detestava porque sempre cobrei melhorias na minha região”, completou.

Já José Maria é citado pelas críticas constantes que faz na tribuna da câmara aos botas-fora e por ser contrário a indicação de Vitor Rangel para administrar a Regional do Jacira, de onde ele foi afastado após o flagrante de crime ambiental. Num determinado momento Vitor Rangel chega a ironizar “porque José Maria não critica isso já é contra os botas-fora?”. José Maria pediu a investigação do fato com seriedade e disse que continuará firme na luta contra os botas-fora.

“Itapecerica é uma está localizada numa área de 100% de preservação de manancial é preciso valorizar a cuidar da riqueza ambiental da cidade”, observou.

Assista aqui o pedido de desculpas de João Miranda na tribuna da câmara de Itapecerica da Serra.

http://www.youtube.com/watch?v=vSurFWGm06o


Polêmica sobre funerária

Os vereadores José Maria e Clóvis Pinto criticaram duramente um projeto de Lei enviado a câmara proibindo a instalação de funerárias na rua do Hospital Geral de Itapecerica (HGIS) sob o argumento de que as funerárias no local constrangem os familiares dos pacientes. Ambos afirmaram que o projeto é injusto uma vez que não trata da funerária que já existe no local.

“O projeto atropelou a comissão de Justiça e Redação não chegou a tempo de ser discutido. Além disso beneficia a funerária que já existe lá. Para mim isso não é democracia”, disparou José Maria. 

Já Clóvis Pinto alegou constrangimento e disse que havia algo estranho no ar, aparentemente uma tentativa de beneficiar a funerária existente na rua do HGIS.

23/04/2018

Prefeito Fernando firma parceria com MP para implantação da Patrulha Guardiã

O prefeito Fernando Fernandes assinou na quinta-feira (3), o Termo de Cooperação com o...

21/04/2018

Governo diz que terá de adiar reajuste de servidor para fechar contas em 2019

Para tentar impedir a paralisação da máquina administrativa e dos investimentos públicos no ano...

21/04/2018

Vereador Marcos Paulo elogia atuação da GCM em Taboão da Serra

O vereador Marcos Paulo vem usando a tribuna da Câmara Municipal para elogiar o trabalho...

21/04/2018

Câmara Municipal aprova título de Cidadão Taboanense para o padre Weliton Angeli

Na sessão da última terça-feira, dia 17, os vereadores de Taboão da Serra aprovaram por...

21/04/2018

Presidente Joice Silva e as vereadoras Priscila e Rita receberam prêmio

A presidente da Câmara de Taboão da Serra, Joice Silva e as vereadoras Priscila Sampaio e Rita...

20/04/2018

Anderson Nóbrega é nomeado novo secretário de esportes em Embu das Artes

Na tarde da última quinta-feira (19), em Embu das Artes, o prefeito Ney Santos nomeou Anderson...

18/04/2018

Senado aprova projeto que obriga escolas a combaterem bullying

O Senado aprovou, nesta terça-feira (17), o projeto que obriga as escolas a desestimularem seus...

17/04/2018

Após revisão, governo anuncia cancelamento de 422 mil benefícios sociais

Após um trabalho de revisão de benefícios sociais concedidos pelo governo federal, 422 mil serão...

14/04/2018

Câmara Municipal entrega título de Cidadão Taboanense ao padre Kirano

No último domingo, dia 8, a Câmara Municipal de Taboão da Serra entregou o título de Cidadão...

12/04/2018

4º Encontro de Autismo reuniu quase mil pessoas no Cemur, em Taboão

Quase mil pessoas participaram do 4º Encontro de Autismo de Taboão de Serra, realizado no...

23/04/2018

Prefeito Fernando firma parceria com MP para implantação da Patrulha Guardiã

O prefeito Fernando Fernandes assinou na quinta-feira (3), o Termo de Cooperação com o...

23/04/2018

SAMU promove curso de primeiros socorros na Escola do Legislativo de Taboão

A Escola do Legislativo de Taboão da Serra recebeu no dia 19, no plenário da Câmara, a equipe do...

23/04/2018

Coletivo Itapecericano das Artes realizou o 1º Sarau Sem Nome

O coletivo Itapecericano das Artes  realizou no dia último 14 o 1º Sarau Sem Nome em Itapecerica...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.