Você está aqui: Página Inicial » Notícias » Cultura

Tapetes realçam o charme do Centro Histórico de Embu

Por Karen Santiago | 23/06/2011

tapete4

Karen SantiagoLindos tapetes emocionam fiéis na cidade Galeria de Fotos

O Centro de Embu das Artes ficou ainda mais charmoso nesta quinta-feira, 23, dia de Corpus Christi. Lindos tapetes em meio a feira mais famosa da região, que recebe milhares de turistas nos finais de semana, foram contemplados, admirados e elogiados pelos milhares de fiéis que ficaram encantados com a arte exposta no calçadão do Centro Histórico e nas ruas adjacentes. A oportunidade ainda reuniu as famílias que pela correria do dia-a-dia acabam deixando de aproveitar os passeios com os entes queridos.

Neste ano de 2011, os tapetes de Corpus Christi foram espalhados por 13 comunidades, e todos os moradores puderam participar da confecção dos quadros litúrgicos. Com serragem colorida, café, sal grosso e areia, os participantes viraram a noite desenhando no chão o tapete com temas religiosos.

Elizabeth dos Santos Silva, moradora da cidade de São Caetano ficou admirada com a arte exposta em cada tapete. E, por saber da tradição da montagem dos tapetes e depois exposição dos mesmos, decidiu visitar Embu para conferir de perto a tradição, já que sua cidade (São Caetano) não conta com os mesmos.

“Estou achando muito lindo. Além de me sentir bem na cidade, porque os moradores são bem acolhedores e a cidade é bem gostosa. Acredito que a exposição dos tapetes é maravilhosa, porque realça a história e ainda reúne famílias e valores já perdidos na sociedade. Além de proporcionar amor ao coração das pessoas, embora quem confecciona não seja reconhecido, na minha opinião, eles deveriam serem recompensados pelo trabalho árduo que executaram ”, opinou.

Para a pequena Mercedes, 11 anos, as cores usadas para montar os tapetes são lindas. “Todo ano visito os tapetes e cada dia eles estão melhores. Mais lindos e coloridos”, disse.

Milhares de fiéis foram conferir quilômetros de tapete com temas litúrgicos que enfeitaram as ruas centrais das cidades, após ser aberto ao público, uma missa foi realizada com a presença dos fiéis e na sequência a procissão onde o Santíssimo Sacramento passa sobre o tapete.

A festa de Corpus Christi, introduzida no Brasil pelos portugueses e que é uma tradição em várias partes do mundo, em Embu das Artes foi resgatada em 2001 e conta com apoio do governo municipal para sua realização. A cada ano aumenta o número de comunidades participantes: em 2010 eram 10 comunidades, agora são 13.

Confira fotos:

tapete

tapete1

tapete2

tapete3

tapete5

tapete6

tapete1_1

 tapete_1

 

luciane souza de almeida

quero receber as imagens dos tapetes de embu .sera que consigodas artes

Resposta:Veja no álbum divulgado na matéria.

ph

Naquela época, o Papa Urbano IV tinha sua corte em Orvieto, um pouco ao norte de Roma. Muito perto dessa localidade fica a cidade de Bolsena, onde em 1263 (ou 1264) aconteceu o famoso Milagre de Bolsena: um sacerdote que celebrava a Santa Missa teve dúvidas de que a Consagração da hóstia fosse algo real. No momento de partir a Sagrada Hóstia, viu sair dela sangue, que empapou o corporal (pequeno pano onde se apóiam o cálice e a patena durante a Missa). A venerada relíquia foi levada em procissão a Orvieto em 19 junho de 1264. Hoje se conserva o corporal, em Orvieto, onde também se pode ver a pedra do altar de Bolsena, manchada de sangue. O Santo Padre, movido pelo prodígio, e por petição de vários bispos, fez com que a festa do Corpus Christi se estendesse por toda a Igreja por meio da bula "Transiturus", de 8 setembro do mesmo ano, fixando-a para a quinta-feira depois da oitava de Pentecostes, e outorgando muitas indulgências a todos que assistirem a Santa Missa e o ofício nesse dia. Em seguida, segundo alguns biógrafos, o Papa Urbano IV encarregou de escrever um ofício - o texto da liturgia - a São Boa-ventura e também a Santo Tomás de Aquino. Quando o Pontífice começou a ler, em voz alta, o ofício feito por Santo Tomás, São Boa-ventura o achou tão bom que foi rasgando o seu em pedaços, para não concorrer com o de São Tomás de Aquino. A morte do Papa Urbano IV (em 2 de outubro de 1264), um pouco depois da publicação do decreto, prejudicou a difusão da festa. Mas o Papa Clemente V tomou o assunto em suas mãos e, no concílio geral de Viena (1311), ordenou mais uma vez a adoção desta festa. Em 1317 foi promulgada uma recompilação das leis - por João XXII - e assim a festa foi estendida a toda a Igreja. Nenhum dos decretos fala da procissão com o Santíssimo como um aspecto da celebração. Porém estas procissões foram dotadas de indulgências pelos Papas Martinho V e Eugênio IV, e se fizeram bastante comuns a partir do século XIV. A festa foi aceita em Cologne em 1306; em Worms a adoptaram em 1315; em Strasburg em 1316. Na Inglaterra foi introduzida, a partir da Bélgica, entre 1320 e 1325. Nos Estados Unidos e nos outros países a solenidade era celebrada no domingo depois do domingo da Santíssima Trindade. Na Igreja grega a festa de Corpus Christi é conhecida nos calendários dos sírios, armênios, coptos, melquitas e rutínios da Galícia, Calábria e Sicília. Finalmente, o Concílio de Trento declarou que, muito piedosa e religiosamente, foi introduzida na Igreja de Deus o costume, que todos os anos, em determinado dia festivo, seja celebrado este excelso e venerável sacramento com singular veneração e solenidade; e reverente e honorificamente seja levado em procissão pelas ruas e lugares públicos. Dessa forma, os cristãos expressam sua gratidão por tão inefável e verdadeiramente divino benefício, pelo qual se faz novamente presente a vitória e triunfo sobre a morte e ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo. Fonte: ACI Digital [9]

Nilton Benedito Esteves - Síndico Jardim Iolanda

" Procissão de Corpus Christi, pausa para o Tantum Ergo em Latim. Pirenópolis, Goiás.Em muitas cidades portuguesas e brasileiras é costume ornamentar as ruas por onde passa a procissão com tapetes de colorido vivo e desenhos de inspiração religiosa. Esta festividade de longa data se constitui uma tradição no Brasil, principalmente nas cidades históricas, que se revestem de práticas antigas e tradicionais e que são embelezadas com decorações de acordo com costumes locais." "Ordenada por D. Dinis, a festa do Corpus Christi começou a ser celebrada em 1282, embora haja referências à sua comemoração desde os tempos de Dom Afonso III.[1] Em Portugal a festa de longa tradição era antigamente celebrada com danças, folias, e procissões em que sagrado e o profano se misturavam. Representantes de várias profissões, carros alegóricos, diabos, a serpe,a coca, gigantones, ao som de gaitas de foles e outros instrumentos desfilavam pelas ruas.[2] Das danças dos ofícios, em Penafiel ainda se celebra o baile dos ferreiros, o baile dos pedreiros e o baile das floreiras."

Nilton Benedito Esteves - Síndico Jardim Iolanda

"Costume milenar, já existente em Jerusalém por volta de 5.000 mil anos atrás. Utilizado inicialmente como tapete mesmo a ser estendido a ilustres visitantes, tomou cunho religioso a partir da Idade Media. Acredita-se ter sido trazido ao Brasil pelos espanhóis. Os tapetes definem um simbolismo sagrado bastante profundo. As ruas ornadas passam a representar um espaço de cortejo extra-templo, porém um espaço sagrado. Apesar de efêmera a confecção desses tapetes leva varias horas de planejamento por parte da comunidade envolvida."

José Pereira

Referente ao comentário do Eugenio realmente muita gente não sabe a sim como eu não sei o significado da festa dos tapetes! e qual é o significado Eugenio pode dizer?

eugenio

a festa dos tapetes é muito bonita pena que muita gente não sabe o signficado

maria pereira

maravilhosa as fotos dos tapetes simbolizam a fé no nosso Deus Onipotente, que ele JESUS derrame bençãos a todo povo de Deus

13/07/2017

Mostra Cultural do Projeto Aparecendo aconteceu domingo no Cemur

O projeto Aparecendo, que conta com o apoio do vereador Cido, foi realizado no  domingo, dia 8,...

12/07/2017

Corra e compre já seu ingresso para o rodeio de Itapecerica

Quem quiser aproveitar os shows do último final de semana da 39° edição da Festa do Peão de...

07/07/2017

Fim de semana tem rodeio em Itapecerica e quentão em Taboão

Neste fim de semana, Taboão, Embu e Itapecerica da Serra possuem diversas atrações que prometem...

03/06/2017

Fim de semana no Embu tem cultura no bairro, maracatu, dança, música e futebol

Fique por dentro das atrações culturais e esportivas promovidas pela Prefeitura de Embu das...

29/05/2017

Taboão teve duas mulheres palestrantes na 1ª Virada Feminina de São Paulo

Taboão da Serra teve duas representantes entre as palestrantes da 1ª Virada Feminina ocorrida...

26/05/2017

1º Fórum de Cultura & Arte de Embu das Artes acontece neste sábado (27)

A Secretária Municipal de Cultura irá realizar no próximo sábado (27), O primeiro Fórum...

25/05/2017

Abolição da escravatura é comemorada com atividades culturais em Taboão

Dia 13 de maio é comemorado a Abolição da Escravatura. A data homenageia a Lei Áurea, sancionada...

22/05/2017

Seminário com autoridades debate racismo em Itapecerica

Raças, credos e gêneros, todos juntos discutindo uma sociedade sem discriminação, mais...

10/05/2017

Festa de Santa Cruz anima público com diversidade de cultura popular

As secretarias de Cultura e a de Turismo da Prefeitura de Embu das Artes realizaram nos dias 5,...

05/05/2017

Ricardo Ozcar lança segundo CD no Pé da Serra em Embu

Explodiu! Na véspera de feriado, 30/04, a Casa de Shows Pé da Serra, em Embu das Artes, foi o...

As matérias são responsabilidade do Jornal na Net, exceto, textos que expressem opiniões pessoais, assinados, que não refletem, necessariamente, a opinião do site. Cópias são autorizadas, desde que a fonte seja citada e o conteúdo não seja modificado.